Apenas 10% da população escreve com a mão esquerda. Cientistas lutam para explicar porquê

Em praticamente qualquer lugar do globo, apenas 10% das pessoas são canhotas, isto é, têm maior habilidade com o lado esquerdo do corpo, especialmente com a mão, comparativamente com o lado direito.

Os cientistas tentam há pelo menos um século perceber porque é que esta proporção – 1 em 10 – é tão desequilibrada e vigora numa escala semelhante em quase todo o planeta.

Serão fatores genéticos? Ou sociais? Tal como refere o portal Science Alert, não parece haver uma só justificação para este fenómeno – serão vários os motivos que separam de forma tão drástica o número de destros e canhotos.

Quando pegamos num lápis ou chutamos uma bola tendemos a fazê-lo sempre com um lado do corpo, seja a mão ou pé direito ou esquerdo. Segundo explicou à emissora britânica BBC o especialista Hannah Fry, estas assimetrias podem ser encontradas em praticamente todo o corpo humano, desde os nossos pés ao cérebro.

Mas há uma pergunta que continua sem resposta: porque é que o rácio entre destros e canhotos não é 50/50? A resposta não é linear.

Alguns especialistas sugerem que se trata de uma questão social: a cooperação social, desenvolvida ao longo de milhares de anos terá dado aos destros o domínio. Isto é, quando as comunidades interagem juntas, no que toca à partilha de ferramentas e espaços, usar a mesma mão do que todos os outros é benéfico.

Outra concorrente avançada pelos cientistas defende que esta situação está relacionada com a forma como o cérebro se organiza em dois hemisférios, com a metade esquerda deste órgão a controlar o lado direito do corpo e, em igual sentido, a metade direita a controlar o lado esquerdo do corpo.

Tal como refere o mesmo portal de Ciência, se o cérebro da maioria das pessoas usa o hemisfério esquerdo para controlar a linguagem intensiva e as habilidades motoras finas, este viés acaba por fazer com que a mão direita domine.

Outras das hipóteses mais comuns para explicar a raridade dos canhotos está relacionada com uma mutação genética: no nosso passado distante, uma alteração genética fez com que os centros de linguagem do cérebro humano se deslocassem para o hemisfério esquerdo, causando o domínio dos destros, tal como explicou Alasdair Wilkins ao portal Gizmodo, em meados de 2011.

A genética pode, efetivamente, ter um papel para explicar o fenómeno, mas não é capaz de explicar tudo. Isto porque os canhotos são mais propensos a ter filhos canhotos quando comparados com pais destros, mas, ainda assim, tendem, no geral, a ter filhos destros.

E os ambidextros?

Os cientistas lutam, há anos, para tentar identificar exatamente quais os genes que são responsáveis pelo domínio dos destros, mas não há consenso. Há ainda outros estudos científicos que relacionam esta discrepância com outros fatores como os níveis de estrogénio e posição do feto ao nascimento.

Os cientistas parecem ter em cima da mesa muitas possíveis justificações mas não sabem como relacioná-las e, por isso, não podemos afirmar ao certo porque é que nascemos destros ou canhotos. Os cientistas certamente continuarão os trabalhos para explicar o fenómeno e, depois, terão de responder a outra pergunta.

E os ambidextros?

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Pessoas a andar na rua em Viena, Áustria

Em caso de apagão geral, Áustria é o primeiro país europeu a ter um Plano B(lackout)

E se houvesse um apagão que afetasse todo o continente europeu? O cenário é o argumento que o Ministério da Defesa austríaco tem usado para enviar um aviso à população desde o início deste mês. A …

Só um terço das empresas em Portugal têm gestores com um curso superior

O estudo da Fundação Francisco Manuel dos Santos refere que este valor é negativo para o país já que a formação superior dos gestores está associada à produtividade e há maior probabilidade da empresa começar …

Governo avança com desconto de 10 cêntimos por litro nos combustíveis para as famílias

O Governo vai criar um desconto de dez cêntimos por litro nos combustíveis para todas as famílias, até 50 litros por mês. Uma medida que estará em vigor entre novembro deste ano e março do …

Inês Sousa Real, porta-voz do PAN

PAN já enviou memorando de entendimento ao Governo

O partido Pessoas–Animais–Natureza enviou ao Governo, esta sexta-feira, o memorando de entendimento com cerca de 60 propostas, no âmbito do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). "O PAN fez chegar ao Governo um memorando do qual …

Alterações ao Orçamento de 2021 custaram, afinal, muito mais do que o estimado pelo Governo

Apenas duas das 291 medidas adicionadas representaram um impacto anual de 88 milhões de euros, com o Governo a calcular, durante a especialidade, que a totalidade custaria 3,2 milhões de euros. As alterações feitas ao Orçamento …

Entre a pandemia e os preços da energia, Marcelo alerta que chumbo do OE criaria "mais um problema"

O Presidente da República reiterou, esta sexta-feira, que deseja evitar uma crise política criada por um eventual chumbo do Orçamento de Estado, porque "só juntaria um problema" à pandemia e à subida dos preços dos …

França dá a partir de dezembro "cheque-combustível" de 100 euros

França vai dar a partir de dezembro um “cheque-combustível” único de 100 euros a cerca de 36 milhões de condutores que ganham menos de 2.000 euros por mês devido à escalada dos preços do gasóleo …

Parlamento aprova extinção do SEF

A extinção do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) foi aprovada na Assembleia da República, esta sexta-feira, com os votos a favor do PS, BE e da deputada não-inscrita Joacine Katar Moreira. O texto final apresentado …

Mais oito mortes e 930 novos casos de covid-19. Incidência sobe

Portugal registou, esta sexta-feira, mais oito mortes e 930 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 930 novos …

A ministra da Cultura, Graça Fonseca.

De "propaganda" a "manipulação populista". Tweets polémicos do Ministério da Cultura causam alvoroço nas redes sociais

O Ministério da Cultura, tutelado por Graça Fonseca, usou a conta oficial no Twitter para enaltecer os investimentos do Governo PS no setor, e foi mais longe, comparando-os aos do Governo PSD/CDS. Na terça-feira, foram publicados …