Amazon autorizada a testar drones nos EUA

(dr) Amazon

A Administração Federal de Aviação norte-americana (FAA) emitiu um certificado em nome da Amazon que permite a esta empresa o teste de entregas realizadas por drones em algumas áreas dos EUA. A aprovação da FAA chega, porém, com algumas restrições que pretendem controlar eventuais perigos para os cidadãos.

A Amazon tem andado a testar o seu projeto de entrega de encomendas através de drones fora dos limites norte-americanos, já que a Administração Federal de Aviação dos EUA tem vindo a recusar terminantemente qualquer tipo de experiência nesse âmbito. Contudo, a maré parece ter mudado para a empresa de e-commerce que recebe, agora, a aprovação da FAA para testar os seus drones.

O objetivo é entregar encomendas aos clientes da Amazon mais rapidamente para que os serviços da mesma possam melhorar em paralelo com a inovação tecnológica.

A entidade reguladora tem colocado barreiras ao teste de drones para este fim, em solo nacional, invocando perigo público para as populações tanto a nível de segurança física como no que diz respeito à privacidade.

Ainda assim, a FAA parece ter encontrado um cenário que respeita as suas dúvidas mas que, por isso, impõe algumas limitações. Foi emitida um certificado temporário de aviação experimental em nome da Amazon e que permite apenas que sejam realizados testes de investigação e desenvolvimento.

Para além de ser apenas temporária, a licença envolve apenas um protótipo de drone previamente aprovado e caso o mesmo sofra alguma modificação, a licença será revogada. Os testes deverão ser realizados em zonas rurais privadas do estado de Washington e o piloto do drone deve possuir brevet de aviação privada bem como certificações médicas.

Os voos experimentais devem ainda ser realizados apenas com condições meteorológicas favoráveis que permitam visibilidade e não podem ultrapassar os 120 metros de altitude. Os drones não podem abandonar o campo de visão do piloto e os resultados dos testes têm de ser enviados mensalmente para a FAA incluindo informações relativamente ao número de voos, falhas no equipamento ou problemas em manter as rotas definidas.

Na Europa, a regulação das atividades levadas a cabo por drones também tem sido alvo de debate com a Câmara dos Lordes, no Reino Unido, a propor a criação de uma base dados cujos registos sejam públicos, e com a Agência Europeia para a Segurança na Aviação a regulamentar, pela primeira vez, os diferentes tipos de sistemas de aviação pilotados remotamente.

Avatar // B!T

PARTILHAR

RESPONDER

Ministro da Saúde austríaco demite-se por falta de apoio na gestão da pandemia

O ministro da Saúde de Áustria, Rudolf Anschober, anunciou esta terça-feira a sua demissão, devido à falta de apoio na gestão da crise pandémica, cessando funções na próxima segunda-feira. "A situação é dramática nos serviços de …

OMS quer suspender venda de mamíferos selvagens vivos em mercados de alimentos

A Organização Mundial de Saúde defende a suspensão da venda de mamíferos selvagens vivos nos mercados de alimentos para evitar a propagação de doenças, avança a AFP. "Os animais, especialmente os selvagens, são a fonte de …

“Frescura, juventude e capacidade“. Coligação improvável em Penafiel junta PS e partido de Tino de Rans

O PS e o partido RIR, liderado pelo ex-candidato presidencial Vitorino Silva, formaram a coligação Penafiel Unido, que vai concorrer às autárquicas em Penafiel, distrito do Porto, com Paulo Araújo Correia como cabeça de lista, …

Marcelo, IL e Chega querem avanço do desconfinamento. PSD pede travão nos concelhos de maior risco

Marcelo Rebelo de Sousa ouviu os partidos ao longo desta tarde. A renovação de mais um Estado de Emergência está na mira, mas há quem não concorde. O Presidente da República começou por receber o Iniciativa …

MP "não nos ligava patavina. Zero", disse major Vasco Brazão

O major Vasco Brazão, ex-porta-voz da Polícia Judiciária Militar (PJM), disse esta terça-feira ao coletivo de juízes do Tribunal de Santarém que o Ministério Público (MP) não "ligava patavina" à investigação e às diligências sobre …

Especialista alerta que uso de máscara aumentou doenças da voz

A otorrinolaringologista Clara Capucho alertou que o uso de máscaras imposto pela pandemia da covid-19 aumentou o número de patologias da voz, sobretudo nos aparelhos vocais dos portugueses. O alerta da coordenadora da Unidade de Voz …

Tóquio2020. Missão portuguesa deve ser vacinada para diminuir "insegurança" dos atletas

O presidente do Comité Olímpico de Portugal (COP), José Manuel Constantino, deseja que a Missão portuguesa aos Jogos Olímpicos Tóquio2020 seja vacinada, quanto antes, considerando que a demora cria "insegurança" entre os atletas e restante …

Rússia proíbe oficialmente casamento entre pessoas do mesmo sexo

A Rússia proibiu oficialmente o casamento entre pessoas do mesmo sexo, numa emenda constitucional ratificada esta segunda-feira pelo Presidente russo, Vladimir Putin. Segundo avançou esta terça-feira a NBC, o deputado Pyotr Tolstoy, opositor ao casamento homossexual, …

Portugal não vai estar no Europeu feminino

Empate sem golos em Moscovo, depois da vitória da Rússia por 1-0, no Restelo. Fase final marcada para 2022, em Inglaterra. Ao contrário de 2017, a fase final do Europeu feminino de futebol não vai contar …

Apostas em raspadinhas caíram em 2020 para o valor mais baixo desde 2017

As raspadinhas são um vício que afeta principalmente pessoas da classe média baixa. No entanto, em ano de pandemia, as mudanças sócio-económicas na vida dos portugueses fizeram com que as apostas caíssem 16%. Os dados foram …