ADN dos neandertais ainda tem impacto nas pessoas modernas

Erich Ferdinand / Flickr (OD)

O Homem do Neandertal

O Homem do Neandertal

Um grupo de investigadores descobriu que os genes dos Neandertais, que morreram há 42 mil anos, ainda têm impacto na nossa biologia atual.

Gostava de ser alto como os holandeses? Afinal de contas, eles são o povo mais alto do mundo e há uma série de hipóteses para o explicar. Um novo estudo publicado por investigadores da Escola de Medicina da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, revela que os Neandertais podem ter algo a ver com isso.

Os Homo neanderthalensis, nossos primos ancestrais que morreram há 42 mil anos, adoravam “namorar” com os H. sapiens. Essa interação trouxe muitas consequências para a troca de genes e, por isso, grandes grupos da população atual ainda têm parte do genoma dos Neandertais.

O estudo, publicado na revista Cell, foi feito por uma equipa de geneticistas que queriam saber se alguns desses genes são inativos nos seres humanos modernos ou se ainda têm uma função ativa na nossa biologia atual.

O resultado, de acordo com a pesquisa, é que esses genes afetam a forma como outros genes se comportam ou se expressam. Essa influência é tão frequente que características como resistência a doenças ou a altura são afetados.

“Mesmo 50 mil anos depois do último cruzamento entre um humano e um Neandertal, ainda podemos ver impactos mensuráveis na expressão genética”, diz o co-autor do estudo, Joshua Akey.

Descobrir qual a quantidade do genoma de uma pessoa que provém dos Neandertais não é algo muito complicado. A grande dificuldade desta pesquisa é conseguir isolar genes individuais e ligá-los a características físicas dos participantes do estudo.

Para superar este problema, apenas pessoas com um genoma muito específico foram estudadas: aquelas que carregam tanto as versões humana quanto dos Neandertais de cada gene, sendo que um vem do pai e um da mãe. Assim, os investigadores puderam comparar diretamente a forma como esses alelos se expressaram.

A equipa descobriu que, em 25% de todas as comparações, os alelos dos Neandertais expressaram-se de uma forma diferente dos equivalente aos humanos. Isso sugere que, num quarto das ocasiões, os genes Neandertais têm um impacto direto nas características físicas da pessoa.

Vejamos alguns exemplos: o alelo Neandertal do gene ADAMTSL3 diminui os riscos de desenvolvimento de esquizofrenia nas pessoas que os têm. Esse alelo também parece influenciar a altura até certo ponto. Outro deles, o CEP72, influencia as probabilidades de ter fibrose cística. Já o INTS12 está ligado à circulação sanguínea dos pulmões.

“A Hibridização não é algo que aconteceu há 50 mil anos e que não temos mais que nos preocupar. Esses pequenos pedaços, as nossas relíquias Neandertais, ainda estão a influenciar a expressão genética de uma forma importante”, argumenta Akey.

O próximo trabalho da equipa vai envolver os hominídeos de Denisova, outra espécie Homo que viveu há um milhão e 40 mil anos em áreas onde também viviam homens de Neandertal e Homo sapiens.

PARTILHAR

RESPONDER

Afinal, a economia portuguesa cresceu 2,2% em 2019 (mas está em desaceleração)

O Instituto Nacional de Estatística (INE) reviu em alta, de 0,2 pontos percentuais, o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) português em 2019, situando-o em 2,2%, três décimas acima das previsões do Governo. Ainda assim, …

Deputado do PSD propõe referendo. "Concorda com a despenalização da prática da eutanásia?"

O deputado do PSD Pedro Rodrigues enviou na quarta-feira aos companheiros de bancada um projeto de resolução que propõe ao Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, a convocação de um referendo sobre a eutanásia. De …

Alguém apostou no Placard num café fechado. Santa Casa perdeu dois milhões de euros

Durante quatro dias, a Santa Casa da Misericórdia registou o valor de dois milhões de euros em apostas, a partir de um café encerrado em Odivelas. Entre 9 e 12 de fevereiro, alguém apostou dois milhões …

Bairro da Jamaica. Novas suspeitas reabrem queixa contra agentes

Os moradores envolvidos nos confrontos de janeiro de 2019, no Bairro da Jamaica, pedem a reabertura do processo contra os agente da PSP. A defesa quer ver anulada a decisão do Ministério Público que acusou …

"Cuidados de morte." Governo acusado de cortar em cuidados paliativos para poupar dinheiro

A Associação Nacional dos Cuidados Continuados (ANCC) acusa o Governo de estar a cortar nos cuidados paliativos para poupar dinheiro. A TSF avança esta sexta-feira que a Associação Nacional dos Cuidados Continuados (ANCC) não tem dúvidas …

Novo Banco contrata detetives para seguir ex-líder da Ongoing

O Novo Banco contratou equipas especializadas compostas por investigadores privados para fazer o levantamento de todos os bens que possam ser associados a Nuno Vasconcellos, ex-líder da Ongoing. Segundo avança o Correio da Manhã esta sexta-feira, …

Eurobic nega que Teixeira dos Santos esteja a ser investigado pelo Banco de Portugal

Na quinta-feira, o jornal Público deu conta de uma investigação do Banco de Portugal (BdP) ao papel de Teixeira dos Santos no Eurobic no âmbito do caso Luanda Leaks. Agora, o banco vem a público …

Com Ferro Rodrigues "não acontecerá." Castração química não será debatida no Parlamento

Admitindo que as responsabilidades pela decisão de não admissibilidade do projeto de lei do Chega eram suas, Ferro Rodrigues deixou claro que, consigo na presidência da Assembleia da República, projetos de lei (provavelmente) inconstitucionais como …

Eleições para o Tribunal Constitucional suspensas. Boletins de voto estavam ilegais

A votação dos nomes para ocuparem as duas vagas no Tribunal Constitucional foi suspensa porque os boletins de votos que foram entregues aos deputados não estavam conforme manda a lei. De acordo com o jornal ECO, …

Chega já é a 5.ª força política em Portugal. CDS ultrapassado pelo PAN e Iniciativa Liberal

O PS mantém a distância para o PSD em fevereiro, segundo o Barómetro Político da Aximage para o Jornal Económico, que dá ainda conta que o CDS está em queda, posicionando-se apenas à frente do …