Cientistas alertam: as abelhas vão desaparecer em breve

O desaparecimento massivo das abelhas, causado pelas alterações climáticas, poderia ser catastrófico também para os humanos, podendo levar até à fome a nível mundial.

O aquecimento global poderá ser a principal causa da extinção massiva das abelhas em todos os continentes da Terra nos próximos anos, advertem cientistas da Universidade Northwestern, no estado norte-americano do Illinois.

De acordo com o estudo, cujas conclusões foram publicadas no site The Earth Chronicles of Life, o investigador Paul CaraDonna e os colegas criaram pequenas colmeias de madeira e colocaram-nas numa zona árida e montanhosa do Arizona, região onde cada vez há menos abelhas selvagens (Osmia ribifloris), as principais polinizadoras de mirtilo.

Para perceber o que acontece quando a temperatura sobe e prever as condições que poderemos ter de 2040 a 2099, os especialistas pintaram algumas colmeias de preto para que aquecessem, enquanto que outras pintaram de branco para recriar um ambiente mais fresco, o que existiria em meados do século passado.

Em dois anos, quase todas as abelhas que viviam nas colmeias pretas morreram: cerca de 35% no primeiro ano e 70% das sobreviventes no segundo. Por outro lado, nesse período, só morreram, antes de conseguirem reproduzir-se, entre 1% a 2% dos exemplares que viviam nas colmeias brancas.

Possível situação “catastrófica”

Os cientistas explicam que as altas temperaturas dentro das colmeias “enganam” as abelhas e não lhes permitem hibernar de forma plena, queimando mais rapidamente as suas reservas de gordura e, na primavera, despertam num “estado muito débil”.

Nos próximos anos, se as temperaturas do nosso planeta continuarem a aumentar, a situação poderia ser “catastrófica” e até provocar o desaparecimento total das abelhas, uma vez que se vão encontrar “fora dos seus limites fisiológicos”, afirma CaraDonna.

O autor principal desta investigação, publicada na quinta-feira na revista científica Functional Ecology, recorda que a extinção das abelhas prejudicaria os ecossistemas de todo o mundo e isso poderia provocar a fome mundial, já que estes animais polinizam a maior parte das áreas de cultivo.

Nos últimos anos, os cientistas notaram um declínio significativo no número de abelhas em todos os continentes, exceto na Antártida, onde estes animais simplesmente não existem: uma descida entre 25% a 30%.

ZAP // RT

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Tal como o Português ou a Matemática a Agricultura e a Apicultura deveriam ser disciplinas obrigatórias nas escolas. Dá que pensar quando leio estas notícias, que adianta saber falar e contar se hoje muitos já não sabem cultivar nem terão o que comer. Se calhar é importante voltar ao ciclo inicial.

    • Falar e contar também dá jeito para aprender apicultura e agricultura. Mas de resto, de acordo. Essas disciplinas de contacto directo com a antureza e os seus ciclos, deveria ser obrigatória.

  2. Este noticia é disparatada não só porque se as temperaturas subirem a flora vai aparecer mais cedo, como pelo facto de hoje em dia se fazer reprodução artificial de rainhas possibilitando fazer milhares de enxames em pouco tempo. Este alarmismo vem a par com uma campanha da AVAAZ do George Soros e trás água no bico!

  3. Ao desaparecerem sem elas a nossa existência também vai desaparecer podem ter a certeza disso … pensei só um bocadinho humanidade só um bocadinho que não seja em vós próprios,façam esse pequeno esforço
    OBRIGADA.

RESPONDER

Quanto vale a vida do seu cão (e a importância que isso tem)

Quanto vale a vida do seu cão? A resposta a esta pergunta pode ser mais importante do que aquilo que pensa e pode mudar drasticamente o preço que pagamos pela sua saúde e bem-estar. Os norte-americanos …

Asteróide passará esta sexta-feira pela Terra a 27.000 km/hora

Um asteróide de grandes dimensões passará pela Terra, atingindo o seu ponto mais próximo do nosso planeta esta sexta-feira, dia 6 de dezembro. O corpo celeste, importa frisar, não representa qualquer perigo para o Homem. …

Banco de França vai testar moeda digital em 2020

O governador do Banco de França anunciou na quarta-feira o lançamento de testes no próximo ano para uma moeda digital, que pode servir de precedente para uma iniciativa do mesmo tipo à escala da zona …

Atlético de Madrid na corrida por Gabigol

O Atlético de Madrid entrou na corrida pela contratação de Gabigol, o artilheiro que está ao serviço do Flamengo por empréstimo do Inter de Milão. A notícia é avançada pelo jornal italiano Gazzetta Dello Sport, …

Australiana condenada a prisão por ter mentido no currículo

Uma australiana de 45 anos foi condenada a um ano de prisão efetiva por ter mentido no seu currículo para conseguir uma vaga no Governo regional, conta esta quinta-feira a ABC Australia. Veronica Hilda Theriault foi …

Homem da comunicação de Rui Rio pertence à maçonaria

João Tocha, o homem que o líder do PSD escolheu para fazer parte da sua comunicação, é maçon, avança a revista Visão esta quinta-feira. Em declarações à Visão, João Tocha, iniciado no Grande Oriente Lusitano …

Marco Silva despedido do Everton

O treinador português Marco Silva foi hoje despedido pelo Everton, clube da Primeira Liga inglesa de futebol, um dia depois do desaire por 5-2 no reduto do rival da cidade, o campeão europeu Liverpool. “O Everton …

Líder Supremo do Irão aprova medidas para reconhecer como "mártires" os mortos dos recentes distúrbios

O líder supremo do Irão aprovou as recomendações de um relatório oficial propondo o reconhecimento como "mártires" dos mortos nos recentes distúrbios no país sem que tenham "desempenhado qualquer papel", indicou esta quinta-feira o seu …

OE2020. Governo quer baixar preço da luz sem mexer no IVA

O Governo socialista está a estudar hipóteses "alternativas" para baixar o preço da luz sem mexer na taxa do IVA, devendo estas soluções constar já da proposta inicial do Orçamento de Estado para 2020 (OE2020). De …

Pelosi acionou votação para impeachment a Trump. "Os factos são incontestáveis"

A Presidente da Câmara de Representantes dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, anunciou esta quinta-feira que o órgão irá avançar com a redação de acusações contra o Presidente norte-americano, no âmbito do processo de impeachment. “As ações …