7 anos de prisão para quem forçar casamento em Inglaterra

Na Inglaterra e no País de Gales forçar alguém a casar-se é a partir de hoje passível de uma condenação a sete anos de prisão, com a entrada em vigor de uma nova lei.

A legislação considera um crime forçar um cidadão britânico a casar-se, mesmo que tal aconteça fora do território nacional, dando resposta aos casos de muitos jovens que são levados para o estrangeiro para casar, sobretudo para o Paquistão, Índia e Bangladesh.

Perto de dois terços dos casos tratados pelo organismo governamental encarregado da questão, a Forced Marriage Unit (FMU), dizem respeito às comunidades do sul da Ásia.

Os activistas congratularam-se com a nova legislação, que consideram “um enorme passo em frente”, esperando o governo que ela possa proteger as potenciais vítimas.

ukhomeoffice / Flickr

Theresa May

Theresa May

“Os casamentos forçados são uma tragédia para cada uma das vítimas e a sua natureza leva a que muitos casos não sejam conhecidos”, disse a ministra do Interior britânica, Theresa May.

“A criminalização, a partir de hoje, é mais um passo dado por este governo para garantir que as vítimas são protegidas pela lei e que têm a confiança, a segurança e a liberdade para escolher”, adiantou.

A exposição dos casamentos forçados tem vindo a aumentar na última década. O ano passado a FMU tratou de 1.300 casos, 18 dos quais de homens.

Quarenta por cento das vítimas tinham até 17 anos, três quartos tinham menos de 22.

Os casos envolviam 74 países diferentes, embora 43 por cento estivessem ligados ao Paquistão, 11 por cento à Índia e 10 por cento ao Bangladesh.

Outros países com numerosos casos incluem o Afeganistão, Somália, Iraque, Nigéria, Arábia Saudita, Iémen, Irão e Tunísia.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ordem dos Médicos alerta para “grave sobrecarga” nas urgências pela Linha SNS 24

A Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM) alertou que a atuação da Linha SNS 24, no âmbito da covid-19, causa uma “grave sobrecarga” nas urgências, pelo que defende alterações na referenciação dos …

"Votei num tipo chamado Trump". Presidente dos EUA votou antecipadamente na Florida

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, votou este sábado antecipadamente em West Palm Beach, na Florida, para as eleições presidenciais, juntando-se aos quase 55 milhões de americanos que também já o fizeram. Donald Trump …

Chegou o camião autónomo que não precisa de motorista para se deslocar

No ano passado foi lançado o T-pod, um protótipo de um camião elétrico autónomo e sem cabine. Agora, o seu fabricante, a empresa sueca Einride, revelou a última geração do veículo, que vai passar a …

"O medo não é a vacina". Centenas de pessoas contestam medidas do Governo em Lisboa

Centenas de pessoas contestaram este sábado as medidas impostas pelo Governo para mitigar os efeitos da pandemia de covid-19, com gritos pela “liberdade” e pela “verdade”, numa manifestação realizada na praça do Rossio, em Lisboa. A …

Os humanos estão a pôr em causa a alimentação dos animais predadores

Os animais predadores que vivem perto de humanos estão a obter metade dos alimentos supostos e isso pode ser muito prejudicial, referem investigadores americanos. De acordo com um novo estudo publicado no jornal Proceedings of the …

Plataformas de streaming passam a ter de pagar 1% do seu lucro ao Estado

As plataformas de streaming passam a pagar uma taxa, após a proposta de lei ser aprovada esta sexta-feira, na Assembleia da República. Serviços como a Netflix, a HBO Portugal ou a Disney +, passam a …

Porto 1-0 Gil Vicente | Dupla Shoya-Evanilson embala “dragão”

Difícil, mas justo. O FC Porto recebeu o Gil Vicente numa noite chuvosa no Dragão, dominou claramente até aos 75 minutos – altura em que Zaidu foi expulso – e venceu por 1-0. Um resultado …

O novo recurso da Google encontra qualquer música. Basta cantarolar, assobiar ou cantar

Na semana passada, a gigante tecnológica da Google lançou uma versão atualizada da aplicação que ajuda a encontrar qualquer música que esteja presa na sua cabeça - mas que não saiba o nome. Com a nova …

Pintura de Jacob Lawrence desaparecida há 60 anos foi encontrada em Nova Iorque

Uma visitante do Met, nos Estados Unidos, descobriu o paredeiro do quadro desaparecido de Jacob Lawrence. A mulher associou o quadro a um pendurado na sala de estar dos seus vizinhos, suspeitando que poderia fazer …

Fezes ancestrais ajudam a descobrir como o microbioma afeta a nossa saúde

Um novo estudo, realizado em Israel e na Letónia, analisou fezes ancestrais e comparou-as com o nosso microbioma para tentar descobrir pistas sobre as doenças modernas. A equipa de investigadores, que trabalhou enterrada até aos joelhos …