Vêm aí noites tropicais e temperaturas que podem atingir os 40 graus

António Cotrim / Lusa

Este tempo quente deverá manter-se, pelo menos, até meio do mês. Mas há quatro distritos sob aviso amarelo, devido à chuva e trovoada.

As temperaturas em Portugal continental vão subir a partir desta quarta-feira, podendo atingir os 40 graus em algumas regiões. Regista-se assim um aumento significativo de perigo de incêndios rurais.

“Para hoje e amanhã as temperaturas máximas vão estar entre os 25 e os 35 graus, mais elevadas no interior, e as mínimas entre os 15 e os 20 graus, mas a partir de quinta-feira temos uma situação diferente com um aumento da temperatura para valores entre os 35 e os 40, podendo ser superiores em alguns locais principalmente no Vale do Tejo, interior do Alentejo, Algarve e sotavento algarvio”, adiantou o meteorologista Bruno Café, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

A partir de quarta-feira, um “fluxo do quadrante leste na circulação de um anticiclone localizado a nordeste dos Açores, estendendo-se em crista até à Europa Central, transportará uma massa de ar quente e seco sobre o território do continente”.

“Além das máximas, vamos ter igualmente uma subida das mínimas associadas a noites tropicais, ou seja acima dos 20 graus em alguns locais como o Algarve, terras altas e Vale do Tejo”, acrescentou Bruno Café.

Quatro distritos sob aviso amarelo

Os distritos de Vila Real, Bragança, Viseu e Guarda estão, esta terça-feira, sob aviso amarelo devido à previsão de aguaceiros, granizo, e acompanhados de trovoada e rajadas de vento forte, segundo o IPMA.

De acordo com o instituto, o aviso amarelo para os quatro distritos do continente vai estar em vigor entre as 14h00 e as 21h00 de hoje.

“Até quarta-feira, existem condições de instabilidade devido a uma depressão em altitude, pelo que é provável a ocorrência de aguaceiros e trovoada nas regiões Norte e Centro, em especial no interior”, alertou Bruno Café.

Segundo Bruno Café, para quarta-feira ainda estão previstos aguaceiros e trovoada, mas a probabilidade de ocorrerem já será menor em relação ao dia de hoje.

O aviso amarelo — o menos grave de uma escala de três — é emitido pelo IPMA sempre que existe risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.