Ronaldo ou Messi? Um supercomputador ajudou a decidir quem é o melhor

Um supercomputador ajudou a resolver o eterno debate sobre quem é o melhor jogador do mundo: Cristiano Ronaldo ou Messi. A tecnologia deu vantagem ao argentino.

Cristiano Ronaldo e Lionel Messi são indubitavelmente os jogadores que dominaram o mundo do futebol nos últimos anos. Poucos foram os que lhes conseguiram fazer frente e para ver a hegemonia destes atletas basta olhar para os vencedores da últimas edições da Bola de Ouro. Desde 2008 até ao ano passado, apenas o croata Luka Modric conseguiu vencer o galardão para além de Ronaldo e Messi.

O debate sobre qual é o melhor jogador entre os dois sempre gerou debate entre os amantes do futebol. Agora, um novo estudo da Universidade Católica de Leuven, na Bélgica, em colaboração com a empresa holandesa SciSports, pode ajudar a responder a esta pergunta.

“O valor de um jogador de futebol é geralmente determinado através dos golos e das assistências, mas estima-se que cada jogador participe em cerca de 1.600 ações em média. Este modelo analisa cada uma delas, desde remates, passes, dribles ou roubos de bola. Desta forma, fornece-se uma imagem mais completa de um jogador e o seu valor para a equipa”, explica o coautor do estudo Jesse Davis.

Graças ao poder de um supercomputador, os investigadores compararam dados entre 2013 e 2018, um período em que os dois jogadores se encontraram em Espanha. Apenas foram tidos em consideração os jogos da La Liga, ignorando-se a prestação nas competições europeias e ao serviço das respetivas seleções.

Para desgosto de muitos portugueses, certamente, o supercomputador tomou a sua decisão: Lionel Messi leva vantagem em relação a Cristiano Ronaldo.

“Nas primeiras temporadas analisadas, as pontuações de Messi e Ronaldo são muito próximas. A partir da época 2015/16, Messi afastou-se do seu eterno rival. Há jogadores que têm menos bola, mas com grande impacto. É o caso de Cristiano Ronaldo, enquanto Messi realiza um número muito alto de ações”, explicou o coautor Tom Decroos, citado pelo portal belga Sporza.

Os investigadores compararam ainda os dados do desempenho de Cristiano Ronaldo com os de Eden Hazard, no Chelsea, nesse mesmo período. Curiosamente, a classificação é bastante semelhante.

“Ronaldo é um artilheiro clássico. O seu valor é determinado principalmente pelos seus bons remates. Hazard está mais envolvido no jogo. O seu valor está mais espalhado por passes, dribles e remates”, salientam os investigadores belgas.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Os critérios, definidos a priori, determinam os resultados, porque determinam o que é que vai ser medido/observado. O facto de se ignorarem as competições europeias e os jogos de seleções favorece Messi. Depois há algo que o Real de Madrid desde a saída de Ronaldo evidenciou. O futebol é um jogo coletivo e o facto do Real de Madrid ter Ronaldo ajudou os outros jogadores a serem melhores. Isso também parece acontecer na seleção e na Juventus. Chama-se liderança e tal também não foi medido, tanto quanto parece. Se futebol for habilidade, Messi leva vantagem, se for performance e eficácia aí ganha Ronaldo. Messi é um mágico, Ronaldo um super atleta. São ambos magníficos, mas porque têm características tão distintas dificilmente serão comparáveis. A discussão vai prosseguir.

  2. Quantas vezes vem o Messi defender num canto, dois grandes jogadores cada qual ao seu estilo o Messi só jogou no Barça não fez nada a nível de seleção o Ronaldo por onde tem passado têm ganho sempre troféus importantes, a análise deveria ter sido feita desde que são jogadores profissionais até ao momento assim era mais justa não é

RESPONDER

NASA escolheu SpaceX de Elon Musk para a próxima missão tripulada à Lua

Elon Musk fecha contrato de 2,9 mil milhões de dólares para levar o Homem novamente à Lua. O contrato é a mais importante vitória da SpaceX e reforça a posição da empresa como parceira …

Benfica 1-2 Gil Vicente | Galo canta e silencia águia na Luz

STOP. O Gil Vicente visitou na tarde deste sábado o Benfica e saiu do palco da Luz com os três pontos na bagagem e a “cantar de galo”, ao vencer por 2-1, num duelo relativo …

"Longa vida à monarquia." Realeza britânica tende a viver mais três décadas do que a população geral

As diferenças na longevidade de alguns membros da família real em comparação com a população em geral são extremamente grandes, mas não incomuns. O príncipe Filipe, marido da rainha Isabel II e o consorte mais antigo …

Abominável (e falso) Homem das Neves. Líder russo usou Yeti para atrair turistas para a Sibéria

Um dos líderes regionais mais antigos de Vladimir Putin confessou ter encenado avistamentos falsos de Yetis numa tentativa de encorajar o turismo na Sibéria. Aman Tuleev, um dos líderes regionais de longa data do Presidente russo …

Irão já está a enriquecer urânio a 60%

O Irão avisou e já está a cumprir. Menos de uma semana depois de ter acusado Israel de um ataque contra a sua principal central nuclear, o país diz estar a enriquecer urânio com uma …

Salvini vai a julgamento em Itália por bloqueio de migrantes em navio

Matteo Salvini, líder do partido de extrema-direita italiano Liga, vai ser julgado por acusações de sequestro pela sua decisão de impedir o desembarque de 147 migrantes resgatados no Mediterrâneo pela Open Arms, em agosto de …

Maldivas ponderam oferecer vacinas aos turistas

As Maldivas estão a ponderar dar aos turistas a vacina contra covid-19 quando chegarem para férias, de modo a incentivar o turismo. As Maldivas estão prontas para enfrentar a concorrência acessa assim que o turismo reabrir …

SOS Racismo diz que SEF atentava contra direitos dos imigrantes e aplaude extinção

O Governo decidiu extinguir o SEF e substituí-lo pelo novo Serviço de Estrangeiros e Asilo, com diferentes moldes de funcionamento. A associação SOS Racismo congratulou-se este sábado com a extinção do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras …

Vem aí a Transporter, a van elétrica (e totalmente autónoma) para serviços de entregas

A Mobileye, uma subsidiária da Intel, fechou uma parceria com a startup Udelv para lançar um serviço de entregas em grande escala e com veículos totalmente autónomos já em 2023. A Mobileye, uma subsidiária da Intel …

Ensino à distância roubou a muitos universitários a licenciatura de que estavam à espera

A pandemia de covid-19 obrigou o ensino superior a reinventar-se e se alguns cursos conseguiram adotar o modelo online sem prejuízos, noutros casos o ensino a distância impediu aulas práticas, roubando aos estudantes a licenciatura …