Ronaldo ou Messi? Um supercomputador ajudou a decidir quem é o melhor

Um supercomputador ajudou a resolver o eterno debate sobre quem é o melhor jogador do mundo: Cristiano Ronaldo ou Messi. A tecnologia deu vantagem ao argentino.

Cristiano Ronaldo e Lionel Messi são indubitavelmente os jogadores que dominaram o mundo do futebol nos últimos anos. Poucos foram os que lhes conseguiram fazer frente e para ver a hegemonia destes atletas basta olhar para os vencedores da últimas edições da Bola de Ouro. Desde 2008 até ao ano passado, apenas o croata Luka Modric conseguiu vencer o galardão para além de Ronaldo e Messi.

O debate sobre qual é o melhor jogador entre os dois sempre gerou debate entre os amantes do futebol. Agora, um novo estudo da Universidade Católica de Leuven, na Bélgica, em colaboração com a empresa holandesa SciSports, pode ajudar a responder a esta pergunta.

“O valor de um jogador de futebol é geralmente determinado através dos golos e das assistências, mas estima-se que cada jogador participe em cerca de 1.600 ações em média. Este modelo analisa cada uma delas, desde remates, passes, dribles ou roubos de bola. Desta forma, fornece-se uma imagem mais completa de um jogador e o seu valor para a equipa”, explica o coautor do estudo Jesse Davis.

Graças ao poder de um supercomputador, os investigadores compararam dados entre 2013 e 2018, um período em que os dois jogadores se encontraram em Espanha. Apenas foram tidos em consideração os jogos da La Liga, ignorando-se a prestação nas competições europeias e ao serviço das respetivas seleções.

Para desgosto de muitos portugueses, certamente, o supercomputador tomou a sua decisão: Lionel Messi leva vantagem em relação a Cristiano Ronaldo.

“Nas primeiras temporadas analisadas, as pontuações de Messi e Ronaldo são muito próximas. A partir da época 2015/16, Messi afastou-se do seu eterno rival. Há jogadores que têm menos bola, mas com grande impacto. É o caso de Cristiano Ronaldo, enquanto Messi realiza um número muito alto de ações”, explicou o coautor Tom Decroos, citado pelo portal belga Sporza.

Os investigadores compararam ainda os dados do desempenho de Cristiano Ronaldo com os de Eden Hazard, no Chelsea, nesse mesmo período. Curiosamente, a classificação é bastante semelhante.

“Ronaldo é um artilheiro clássico. O seu valor é determinado principalmente pelos seus bons remates. Hazard está mais envolvido no jogo. O seu valor está mais espalhado por passes, dribles e remates”, salientam os investigadores belgas.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Os critérios, definidos a priori, determinam os resultados, porque determinam o que é que vai ser medido/observado. O facto de se ignorarem as competições europeias e os jogos de seleções favorece Messi. Depois há algo que o Real de Madrid desde a saída de Ronaldo evidenciou. O futebol é um jogo coletivo e o facto do Real de Madrid ter Ronaldo ajudou os outros jogadores a serem melhores. Isso também parece acontecer na seleção e na Juventus. Chama-se liderança e tal também não foi medido, tanto quanto parece. Se futebol for habilidade, Messi leva vantagem, se for performance e eficácia aí ganha Ronaldo. Messi é um mágico, Ronaldo um super atleta. São ambos magníficos, mas porque têm características tão distintas dificilmente serão comparáveis. A discussão vai prosseguir.

  2. Quantas vezes vem o Messi defender num canto, dois grandes jogadores cada qual ao seu estilo o Messi só jogou no Barça não fez nada a nível de seleção o Ronaldo por onde tem passado têm ganho sempre troféus importantes, a análise deveria ter sido feita desde que são jogadores profissionais até ao momento assim era mais justa não é

RESPONDER

Tribunal Europeu dos Direitos Humanos culpa Rússia pelo assassinato de Alexander Litvinenko

Decisão remonta ao incidente de novembro de 2006, que ocorreu num hotel londrino, seis anos após o dissidente político se ter mudado para o Reino Unido, precisamente para fugir às ameaças do regime de Vladimir …

"Tratam-nos assim por causa da cor da nossa pele". Polícias nos EUA filmados a chicotear migrantes

Fotos e vídeos mostram polícias na fronteira a carregar contra migrantes e a usar objectos semelhantes a chicotes. A Casa Branca já condenou a situação e promete que vai investigar o sucedido. Pareciam imagens do tempo …

Benfica: a principal ameaça na Liga dos Campeões será Darwin

Pelo menos é a visão catalã. Benfica é o próximo adversário do Barcelona. Mais um jogo, mais uma vitória. O Benfica só sabe ganhar no campeonato português, para já, e na noite passada venceu em casa …

Estado vai financiar formação de funcionários públicos em universidades e politécnicos

Verbas destinadas ao projeto provêm do Orçamento do Estado e do Plano de Recuperação e Resiliência — cerca de 600 milhões. O Estado vai financiar, inteira ou parcialmente, as formações profissionais dos profissionais públicos, através do …

Sevilha rescinde com jogador por má forma física

O Sevilha anunciou a rescisão de contrato com o defesa-central Joris Gnagnon por falta de profissionalismo relativamente à sua forma física. De acordo com o jornal A Bola, o Sevilha rescindiu contrato com o defesa-central francês …

"O nosso Governo está pronto". Trudeau volta a ganhar as eleições - mas sem maioria absoluta

O líder do Partido Liberal do Canadá (LP) Justin Trudeau disse hoje, depois de ganhar as eleições gerais do país, que os eleitores canadianos escolheram "um plano progressivo" e que está pronto para formar um …

Travar margens nos combustíveis pode acabar por prejudicar os consumidores (e até fechar bombas)

A proposta de lei do Governo aprovada, na semana passada, para a limitação das margens das petrolíferas nos preços dos combustíveis pode acabar por travar a concorrência e até levar ao encerramento de bombas de …

"Nunca se pode tirar Messi" (mas há um gesto que pode explicar a sua substituição)

A substituição de Messi, e a forma como reagiu, no jogo entre o Paris Saint-Germain e o Lyon da Liga francesa, continua a dar que falar. E agora avança-se a possibilidade de o craque argentino …

Médicos querem que norma de isolamento tenha em conta a atual taxa de vacinação

Com o regresso às aulas, médicos de saúde pública defendem a revisão da norma referente ao isolamento de contactos de risco, para que esta tenha em consideração a elevada taxa de vacinação. O ano letivo arrancou …

Com Moedas como alvo e Temido como "guardiã", Medina prometeu um novo futuro para Lisboa

O candidato da coligação PS/Livre à presidência da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, acusou a direita de ambicionar nas autárquicas de domingo “a segunda volta do jogo que perdeu na disputa do poder legislativo”. Fernando Medina …