Relatório revela envolvimento da Igreja Católica em 100 casos de pedofilia na Polónia

Uma comissão estatal que analisou as denúncias de crimes de pedofilia registadas na Polónia entre 2017 e 2020 denunciou na terça-feira que quase um terço dos casos estudados, num total superior a 300 processos, envolvem membros da Igreja Católica.

“A comissão estatal (responsável por matérias relacionadas com crimes de pedofilia) está a tratar de 100 casos nos quais membros do clero são denunciados como autores de agressões sexuais a crianças com menos de 15 anos”, declarou a entidade, na apresentação pública do seu relatório de atividade que integra a análise de um total de 345 casos, citada pela agência Lusa.

No mesmo relatório, esta comissão, criada em 2019, concluiu que em 35% dos casos analisados os perpetradores dos crimes são familiares das vítimas.

A comissão aproveitou igualmente para propor no relatório um conjunto de recomendações legislativas com o objetivo de agilizar os procedimentos judiciais e de reforçar a proteção das vítimas deste tipo de crime.

A entidade divulgou também ter solicitado documentação à Igreja Católica sobre as denúncias efetuadas nesta matéria, mas, segundo indicou, os pedidos ainda não obtiveram uma resposta concreta.

“Até agora, recebemos repetidas garantias da vontade de cooperar (por parte da Igreja), e estamos muito satisfeitos com isso, mas ainda não vimos essa garantia tornar-se uma realidade”, afirmou à comunicação social o presidente da comissão, Blazej Kmieciak.

Em final de junho, a Igreja Católica polaca revelou, num relatório próprio, que tinha recebido desde 2018 várias centenas de novas denúncias de agressões sexuais a menores e que implicavam membros do clero.

Estes dois relatórios surgem num momento em que a Igreja Católica, muito influente a nível político na Polónia, está a ser confrontada por várias acusações de pedofilia e de encobrimento de casos, um assunto que tem sido cada vez mais mediatizado, mas que durante muito tempo foi considerado tabu neste país fortemente católico.

Segundo o relatório da Igreja Católica polaca, um total de 368 casos de agressão sexual, cometidos entre 1958 e o ano passado, foram comunicados diretamente à instituição entre julho de 2018 e o final de 2020.

De acordo com a mesma fonte, 39% das denúncias foram consideradas como credíveis e fundamentadas, enquanto cerca de 10% foram rejeitadas, principalmente por falta de credibilidade. Cerca de 51% das denúncias estão em processo de investigação, referiu ainda o relatório da Igreja Católica polaca.

Desde o ano passado, o Vaticano sancionou oito bispos polacos por terem encoberto atos de pedofilia cometidos por membros do clero.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Empresa canadiana debaixo de fogo por publicar anúncios de emprego destinados a não vacinados

Uma empresa de canoagem, sediada no Canadá, está debaixo de fogo depois de ter colocado anúncios de emprego destinados, exclusivamente, a pessoas não vacinadas contra a covid-19. "Por favor, NÃO se candidate se tiver tomado quaisquer …

Disparam ataques a jornalistas. Bruxelas insta países da UE a aumentar proteção

Os países da União Europeia (UE) foram instados por Bruxelas a tomar medidas para proteger os jornalistas, após um aumento no número de ataques a membros da imprensa. A Comissão Europeia exortou os governos a criarem …

Facebook e Google criticados por anúncios de "reversão do aborto"

O Facebook já veiculou anúncios de "reversão do aborto" 18,4 milhões de vezes desde janeiro de 2020, de acordo com um relatório do Center for Countering Digital Hate (CCDH), promovendo um procedimento "não comprovado, antiético" …

Líder militar dos EUA temeu que Trump começasse guerra nuclear com a China - e chegou a ligar aos chineses

As revelações aparecem em Peril, o novo livro de Bob Woodward e Robert Costa sobre os bastidores da Casa Branca. Trump já respondeu. O General Mark Milley, o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas dos EUA, …

França suspende 3.000 profissionais de saúde que recusaram vacina contra covid-19

A França suspendeu 3.000 profissionais de saúde sem remuneração por se recusarem a tomar a vacina contra a covid-19, revelou o ministro responsável pela pasta, Olivier Véran. Segundo Véran, citado esta quinta-feira pelo Guardian, "várias dezenas" …

Austrália, Reino Unido e EUA assinam pacto de defesa para conter China

A Austrália, os Estados Unidos (EUA) e o Reino Unido anunciaram o "Pacto de Aukus", que visa frente às pretensões territoriais da China no Indo-Pacífico e envolverá a construção de uma frota de submarinos com …

Governo tem margem de 1600 milhões de euros nas negociações do Orçamento

Os dados são de um relatório do Conselho das Finanças Públicas, que deixa alertas para que o executivo não se estique muito no aumento da despesa e no corte à receita. Segundo escreve o Público, o …

Mundial de Futsal. Portugal esmaga as Ilhas Salomão por 7-0 e tem um pé nos oitavos

Portugal lidera o grupo C e pode garantir o apuramento caso Marrocos não perca contra a Tailândia. A seleção portuguesa de futsal, campeã europeia em título, somou hoje o segundo triunfo em dois jogos no grupo …

"Dezenas de pessoas" da comitiva de Putin infetadas com covid-19

O Presidente russo, Vladimir Putin, informou que dezenas de pessoas da sua comitiva testaram positivo para o coronavírus, doença que afetou mais de 7 milhões de habitantes no país. Putin entrou em isolamento no início desta …

Uber investe 90 milhões em novo ‘hub’ e sede em Lisboa e espera contratar mais 200 pessoas

A Uber está a investir 90 milhões de euros num novo ‘hub’ e sede de operações em Lisboa, hoje inaugurados, criando mais de 400 empregos diretos e pretendendo contratar mais 200 pessoas até final do …