Reator de fusão nuclear cria plasma de hidrogénio pela primeira vez na História

(dr) Max-Planck Institut für Plasmaphysik

O reator de fusão nuclear stellarator Wendelstein 7-X

Cientistas do Instituto Max Planck, na Alemanha, realizaram com sucesso uma revolucionária experiência de fusão nuclear.

Usando o seu reator experimental, o stellarator Wendelstein 7-X (W7X), os físicos conseguiram sustentar um plasma de hidrogénio – um passo fundamental no caminho para a criação de fusão nuclear viável.

A chanceler alemã, Angela Merkel (que é doutora em Física), ligou o aparelho na tarde desta quarta-feira.

A Alemanha tem estado à frente nos avanços da pesquisa sobre energia nuclear: esta é a segunda vez que disparam com sucesso o seu reator experimental de fusão.

Em dezembro do ano passado, a equipa conseguiu suspender um plasma de hélio pela primeira vez na história, e agora alcançou o mesmo feito com hidrogénio.

No entanto, gerar um plasma de hidrogénio – ainda que apenas por alguns milissegundos – é consideravelmente mais difícil do que um de hélio, tratando-se de um feito verdadeiro notável.

Investimento de longo prazo

A fusão de hidrogénio liberta muito mais energia do que a fusão do hélio e é por isso que sustentar um plasma de hidrogénio superaquecido representa um enorme passo para a investigação em fusão nuclear.

John Jelonnek, físico do Instituto de Tecnologia de Karlsruhe, liderou uma equipa que foi responsável pela instalação dos poderosos componentes do aquecimento do reator.

 

“Não estamos a fazer isto para nós, mas sim para os nossos filhos e netos”, afirmou em entrevista ao jornal britânico The Guardian.

Como ressalta o portal I Fucking Love Science, sendo esta uma fonte de energia limpa e quase ilimitada, não é exagerado dizer que a fusão nuclear controlada – replicando o processo que alimenta o sol – mudaria o mundo.

Para iniciar o processo de fusão, temperaturas extremamente altas – cerca de 100 milhões de graus Celsius – precisam ser alcançadas dentro do reator. A estas temperaturas, os átomos de hidrogénio tornam-se energeticamente agitados.

A uma temperatura de ignição suficientemente alta – com o auxílio de um efeito chamado “túnel quântico” – os átomos começam a colidir e fundir-se, libertando energia dentro de uma nuvem de plasma e formando elementos mais pesados.

Para que o plasma se sustente, ele não deve tocar as paredes frias do reator; assim, as 425 toneladas de ímanes supercondutores e super-resfriados do stellarator W7X são usados ​​para mantê-lo suspenso no mesmo lugar.

Entre os gigantes

O reator de fusão experimental Wendelstein 7-X, com 16 metros de comprimento, é um dos maiores do mundo. Demorou 19 anos a ser concluído e custou mil milhões de euros.

Este reator não foi projetado para produzir qualquer energia utilizável, mas sim recriar as condições encontradas no núcleo de nosso sol – ou seja, criar um plasma super-quente e sustentado, a fonte de energia de um reator de fusão viável.

O objetivo final é apenas manter o plasma por 30 minutos, provando que a sua tecnologia pode operar continuamente.

Esta primeira geração de plasma de hélio, no ano passado, também “limpou” o stellarator, removendo as partículas de sujidade que teriam interferido com o mais difícil e mais importante teste de geração de plasma de hidrogénio.

HypeScience

PARTILHAR

RESPONDER

Nova Zelândia decreta em junho erradicação de contágios. Está há 13 dias consecutivos sem novos casos

A Nova Zelândia, país que tem sido apontado internacionalmente como exemplar no combate à pandemia de covid-19, prevê decretar a “erradicação da doença” no país no próximo dia 15 de junho. A informação foi avançada esta …

Secretário da Defesa discorda de Trump no envio de tropas para conter distúrbios. Aliados europeus afastam-se

O Secretário norte-americano da Defesa, Mark Esper, rompeu na quarta-feira com o Presidente, Donald Trump, no apoio ao envio das forças armadas para as cidades e os estados que se recusarem "a tomar as medidas …

Vai "nascer" em Arouca a maior ponte suspensa do mundo. É a esperança para fazer renascer o turismo

O Turismo de Arouca está a enfrentar dificuldades devido à quebra gerada pela pandemia, mas os empresários aguardam com expectativa a abertura daquela que será a maior ponte suspensa do mundo, já descrita como "extraordinária". Ainda …

"Será difícil não voltar a adiar a abertura" dos centros comerciais na região de Lisboa

O presidente da Associação dos Médicos de Saúde Pública, Ricardo Mexia, considerou que "será difícil não voltar a adiar a abertura" dos centros comerciais na Grande Lisboa, tendo em conta os números da região nos …

Atraso na partilha de informação. Responsáveis da OMS recusam responder a perguntas sobre China

Os mais altos responsáveis da Organização Mundial de Saúde (OMS) recusaram-se esta quarta-feira a responder diretamente a perguntas sobre um atraso da China na partilha do mapa genético do novo coronavírus com a agência. Três perguntas …

Espanha reabre fronteiras a 22 de junho. Portugal diz que ainda não há uma decisão tomada

Espanha vai reabrir as fronteiras com Portugal e França a 22 de junho. O país tinha planeado abrir as fronteiras ao turismo estrangeiro a 1 de julho, mas decidiu adiantar a data. Porém, Portugal diz …

Conceição critica arbitragem, mas em Espanha fala-se de penálti de Pepe "que roça o escândalo"

Os 'dragões' perderam no primeiro jogo após a retoma do campeonato. Sérgio Conceição deixou críticas à arbitragem, mas em Espanha fala-se de um penálti escandaloso... de Pepe. O FC Porto ficou com a liderança da I …

Redução do IVA, abono para crianças e incentivos para comprar elétricos. O plano de 130 mil milhões de Merkel

A chanceler alemã, Angela Merkel, anunciou esta quinta-feira um pacote de estímulo de 130 mil milhões de euros para este ano e 2021, para impulsionar a economia do país, duramente atingida pela pandemia de covid-19. Entre …

De Jorge Jesus a Bruno de Carvalho. Rui Pinto terá espiado 72 pessoas e entidades

O português Rui Pinto terá espiado 72 pessoas e entidades, acusa o Tribunal da Relação de Lisboa. A defesa do denunciante criticou a manutenção da prisão preventiva. De acordo com o acórdão do Tribunal da Relação …

Empresas podem manter lay-off até ao fim de setembro. Apoio pode chegar a 85% do salário

Os traços gerais do plano do Governo para a retoma da economia e para tentar travar a escalada do desemprego foram apresentados aos parceiros sociais, esta terça-feira, por Ana Mendes Godinho, ministra do Trabalho, Solidariedade …