Pessoas que sentem raiva com facilidade pensam que são mais inteligentes do que são na realidade

Um estudo recente sugere que pessoas que sentem raiva muito facilmente se consideram mais inteligentes do que na realidade são, devido a um excesso de confiança.

Marcin Zajenkowski, autor do estudo, publicado recentemente na revista científica Intelligence, e psicólogo da Universidade de Varsóvia, na Polónia, começou por explicar que a raiva difere significativamente de outras emoções negativas, como a tristeza, a ansiedade ou a depressão.

Ao contrário dessas emoções, investigações anteriores mostraram que a raiva é uma emoção negativa incomum, por ser frequentemente associada a traços positivos, como o otimismo. No entanto, até agora, a forma como a raiva afeta a inteligência não era totalmente clara. Zajenkowski suspeita de que pessoas com raiva tendem a superestimar a sua própria inteligência.

Para corroborar essa suspeita, a equipa de cientistas entrevistou mais de 520 estudantes, que responderam a perguntas estratégicas que tinham como objetivo avaliar com que facilidade e frequência ficam chateados e mal humorados. Posteriormente, os alunos fizeram uma pesquisa para avaliar a sua própria inteligência, antes de fazerem um teste objetivo.

Segundo os resultados, os estudantes com uma maior tendência para ficarem mal humorados superestimavam as suas habilidades cognitivas. Por outro lado, os alunos que eram mais neuróticos – um traço frequentemente associado à raiva – subestimavam a sua própria inteligência. O neuroticismo refere-se a traços negativos como a ansiedade irracional e a angustia.

Os investigadores descobriram ainda que as personalidades mais mal-humoradas estavam associadas a “ilusões narcisistas”. Além disso, e não surpreendentemente, descobriram que o narcisismo é um fator-chave na hora de as pessoas se avaliarem a si próprias no que diz respeito à sua inteligência.

Ainda assim, o estudo não provou qualquer relação entre a raiva e o nível real de inteligência. Apesar de os investigadores terem encontrado uma associação entre estes dois traços, não está claro se existe, de facto, uma relação de causa e efeito entre a raiva e a superestima da inteligência.

Além disso, o estudo não testou de que forma a raiva afeta a inteligência no calor do momento. O estudo avaliou a raiva como um traço de personalidade, mas a raiva é muitas vezes uma emoção temporária.

Serão precisas investigações adicionais para descobrir se as pessoas que não se chateiam facilmente podem estar excessivamente confiantes nas suas habilidades cognitivas apenas no momento em que estão perturbadas.

PARTILHAR

RESPONDER

Documentário "low cost" afirma que Jesus era, afinal, um filósofo grego

O documentário Bible Conspiracies (Conspirações Bíblicas, em tradução livre), disponível na Amazon Prime desde novembro de 2017, tem dado que falar. Durante o filme, realizado em 2016, são proferidas várias afirmações que contrariam o que …

Choupette já é a gata mais rica do mundo e pode herdar fortuna de Karl Lagerfeld

A gata do estilista Karl Lagerfeld, Choupette, pode ser uma das beneficiárias da sua fortuna de mais de 170 milhões de euros. Não é que o felino precisasse, já que tem, só por si, um …

Gravuras rupestres descobertas na Serra da Gardunha

Um conjunto de rochas com gravuras rupestres foi descoberto na Serra da Gardunha, Fundão, e a primeira análise indica que serão do período entre o Calcolítico e a Idade do Bronze, disse o arqueólogo Martinho …

Cinco telemóveis são apreendidos por dia nas prisões portuguesas

O número de apreensões de telemóveis, drogas e armas brancas nas prisões portuguesas caiu em 2018. Ainda assim, foram confiscados 1934 aparelhos, o que dá uma média superior a cinco por dia. Para os guardas prisionais, …

Estado vai dar incentivo de 250 euros para compra de bicicletas elétricas

Visando impulsionar o uso de veículos mais verdes, o Governo vai conceder um incentivo de 250 euros para a compra de uma bicicleta elétrica. Os detalhes das novas regras deverão ser anunciadas já nos próximos …

Lisboa em primeiro lugar no ranking das cidades mais atrativas para investir

A capital portuguesa subiu do 10.º para o 1.º lugar no ranking das cidades mais atrativas para investir, da PricewaterhouseCoopers, avança a Visão. Lisboa foi alvo de uma ascensão sem precedentes, subindo do 10.º para o …

O Sol vai brilhar e os termómetros vão chegar aos 26 graus este fim de semana

As temperaturas máximas vão subir e o fim de semana promete ser solarengo, com os termómetros a chegarem aos 26 graus Celsius. A temperatura máxima vai subir nos próximos dias em Portugal continental, com a máxima …

Lidl deixa de vender sacos de plástico em Portugal

O Lidl Portugal vai deixar de vender sacos de plástico em todas as suas lojas no mercado português até ao final do ano, medida que será faseada e arranca em maio na região Norte, anunciou …

As mulheres ganham menos 2464 euros do que os homens por ano

Em média, as mulheres em Portugal ganham menos 176 euros por mês do que os homens. Anualmente, cria-se um fosso de 2464 euros, segundo dados de 2017 acedidos pelo Diário de Notícias. O diário avança estes …

Vem aí um novo Cartão de Cidadão e vai ser igual ao dos restantes países da UE

O Cartão do Cidadão vai mudar. As alterações serão residuais e poderão ser observadas já a partir de 2021, ano limite para que se atualize o formato de todos os documentos de identidade na União …