Os pica-paus da bolota não são só comunistas. São também swingers

Os pica-paus da bolota, famosos por criar celeiros com dezenas de milhares de bolotas, têm um comportamento social tão peculiar e laços familiares tão estreitos que os ornitólogos da Guerra Fria lhe chamaram “pássaro comunista”.

Os pica-paus da bolota – Melanerpes formicivorus – são pássaros de porte médio com plumagem exuberante que chamam a atenção. No entanto, o que os faz especialmente conhecidos é a sua dependência de bolotas.

Uma vez que estas aparecem sazonalmente, estes pica-paus garantem um fornecimento constante ao longo do ano, construindo grande “celeiros” para as armazenar. São muitas vezes construídos por dezenas de milhares de aves, que perfuram milhares de buracos nas árvores ou numa outra estrutura de madeira.

Mas este não é o único traço que os torna únicos: os pica-paus de bolota têm uma estrutura social complexa que os distingue das outras aves. Vivem em grupos familiares que podem ter até 15 adultos, mantêm e defendem o celeiro e ajudam a criar os pintainhos num único ninho.

Esta é uma estrutura familiar tão incomum nos pássaros que o ilustrador de animação Walter Lantz se inspirou nesta espécie para criar o Woody Woodpecker, o famoso pica-pau que nem durante a sua lua-de-mel deixava de perfurar o telhado da sua cabana para construir o celeiro.

A estrutura familiar dos pica-paus das bolotas foi inicialmente estudada em 1925 pelo cientista Frank Leach, que na altura, pouco mais de 7 anos após a revolução russa, publicou um artigo onde não hesitou em chamar comunistas aos pica-paus da bolota.

Frank A. Leach / The Condor

Observações de campo a longo prazo da actividade destas simpáticas aves sugerem que o seu comportamento peculiar e a demografia das suas comunidades deriva da sua dependência das bolotas, que influenciam os seus comportamentos sociais.

Durante mais de 40 verões, o ornitólogo Walter Koenig, professor da Universidade de Cornell em Nova York, e a sua equipa viajaram para o Hastings Natural History Reservation, na California, para estudar a complexidade social destas aves. Os resultados da pesquisa foram publicados em 2015.

A equipa tem recolhido o ADN das aves para conseguir acompanhar a relação genética entre os animais. Os resultados revelaram que estes animais são poliginandros, um comportamento extremamente raro em aves, em que machos e fêmeas trocam entre si os parceiros de acasalamento durante a época de reprodução.

“Os machos reprodutores estão todos relacionados uns com os outros, as fêmeas reprodutoras também”, explicou o professor Koenig. “Mas os machos reprodutores não estão relacionados com as fêmeas”, uma vez que os pássaros evitam a endogamia.

A genética revelou também que alguns adultos não se reproduzem, limitando-se a ajudar as crias. Começar um grupo familiar exige iniciar a construção de um novo celeiro, e isso faz com que deixar o grupo parental seja uma decisão séria, que deve ser ponderada.

“Como não se conseguem reproduzir, estes pica-paus preferem permanecer no grupo em que nasceram e ajudar a criar os irmãos mais novos“, explica o professor Koenig.

Quando há 100 anos Frank Leach estudou os pica-paus da bolota, estava ainda longe de adivinhar a complexidade das relações familiares destas aves, que são não só comunistas, mas também verdadeiros swingers.

ZAP // Forbes

 

PARTILHAR

RESPONDER

Atrizes de "Smallville" envolvidas em seita de tráfico sexual. "Chloe" detida

Allison Mack, conhecida pelo seu papel na série televisiva "Smallville", foi detida e acusada de tráfico sexual pela sua alegada ligação à seita Nxivm. Allison Mack, de 35 anos, atriz da série "Smallville", deverá comparecer em …

Naturopata tratou criança de 4 anos com saliva de cão raivoso

Uma naturopata canadiana tratou um criança hiperativa de 4 anos com saliva de um cão raivoso. O anúncio surpreendeu a comunidade médica internacional, que reagiu de forma negativa. Uma naturopata canadiana assumiu no seu blogue pessoal …

Ilha troca de país a cada seis meses

No meio do rio Bidasoa, entre França e Espanha, há uma ilha que vai alternando de nacionalidade de seis em seis meses. A ilha mede apenas 38 metros de largura e 215 de comprimento, medidas que lhe …

Cientistas criam implante vaginal que promete proteger as mulheres do VIH

O novo dispositivo desenvolvido por cientistas na Universidade de Waterloo, no Canadá, faz com que o número de células do VIH que se fixam no trato genital feminino diminua. Já há um implante que protege as …

Mais de 20 mortos em protestos na Nicarágua

Mais de duas de dezenas de pessoas, entre as quais um jornalista, morreram durante os protestos na Nicarágua contra a reforma da segurança social do Governo de Daniel Ortega. A Associated Press (AP) relata que num …

Não há evidências que provem que os animais conseguem prever terremotos

Uma nova revisão estatística conclui que a evidência de que os animais conseguem prever terramotos é bastante insubstancial. Se acha que os animais presentem quando um terramoto está a chegar, desengane-se: está amplamente implícito que os …

Falsa BBC anuncia guerra nuclear e deixa o mundo alarmado

Uma conta de YouTube publicou um vídeo em que o suposto jornalista da BBC anunciava uma guerra nuclear entre a Rússia e a NATO. Nos últimos dias, foi publicado um vídeo no YouTube que simulava o …

Morreu Verne Troyer, o “Mini Me” de Austin Powers

O ator norte-americano Verne Troyer, conhecido por ter interpretado "Mini Me" nos filmes da série "Austin Powers", morreu este sábado, aos 49 anos. Verne Troyer, conhecido sobretudo pelo papel de "Mini Me" em Austin Powers, morreu …

NASA vai enviar à Lua nave espacial construída com peças impressas em 3D

A NASA vai dar mais um "pequeno passo para o homem, mas um grande passo para a humanidade" ao enviar um foguetão construído apenas com peças 3D à Lua. No próximo ano, a NASA vai dar …

Além de ser o mais venenoso do mundo, este peixe também tem canivetes nos olhos

Os peixes-pedra já eram uma espécie de meter medo no mundo aquático, agora a situação piorou: além de serem o tipo mais venenoso de peixe que conhecemos, têm vários espinhos afiados nos olhos. Os cientistas descobriram …