“O cheiro é terrível”. Nuvens de espuma tóxica invadem ruas na Colômbia

1

Alcaldía de Mosquera / Twitter

Nuvens de espuma tóxica em Mosquera, na Colômbia

Nuvens de espuma com um cheiro desagradável infestaram casas, empresas e obrigaram os residentes de Mosquera a fugir da cidade. As autoridades aconselharam as pessoas a não se aproximarem muito.

Uma nuvem de espuma tóxica com mau cheiro transbordou um rio poluído perto da capital colombiana Bogotá, cobrindo casas e empresas, e obrigando os residentes a fugir e a desviar-se nas nas ruas.

“O cheiro é terrível — tivemos de suportar esta espuma durante muito tempo”, conta Luz Mariela Gómez, líder da comunidade, aos canais de televisão locais.

“Estamos a correr um risco. Alguém pode cair lá em baixo e nós não conseguiremos encontrá-los”, acrescenta Gómez, segundo o The Guardian.

Fotografias do subúrbio residencial de Mosquera mostram várias nuvens de espuma a soterrar pavimentos e a sobrevoar os residentes. Uma estrada que faz ligação a uma escola local teve mesmo de ser bloqueada.

As autoridades ambientais locais informaram que a espuma poluída — que tem sido vista na cidade várias vezes ao longo dos últimos anos — está a aumentar devido ao despejo de resíduos, produtos químicos e detergentes no sistema fluvial. As chuvas fortes vieram agravar o problema.

O gabinete do Presidente da Câmara de Mosquera partilhou no Twitter fotos da espuma tóxica, ao lado de habitantes da cidade.

Gian Gerometta, Presidente da Câmara de Mosquera, alegou que a acumulação de poluição se devia em parte a um bloqueio causado por plantas no rio. “Estamos conscientes dos riscos que podem surgir devido a este fenómeno”, explica.

As autoridades também alertaram os habitantes locais para não se aproximarem demasiado da espuma, que pode causar problemas respiratórios e irritações de pele.

“É importante que as crianças sejam mantidas afastadas, pois ainda não sabemos totalmente o que é este material”, sublinhou Edwin García, um especialista ambiental.

Acrescentou também que uma estação de tratamento na região tem estado a trabalhar para descontaminar o rio desde 2020. “Iremos monitorizar e limpar todo o rio para evitar que a espuma continue a aumentar“.

  ZAP //

1 Comment

  1. A humanidade ainda não percebeu que os rios estão para o planeta como as veias para um ser vivo, portanto transformaram os rios em intestino grosso e as consequências estão cada vez mais à prova!

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.