A partir de segunda-feira, eletrodomésticos vão ter novas etiquetas energéticas

As organizações não-governamentais ambientalistas saúdam as novas etiquetas energéticas, que entram em vigor esta segunda-feira, mas pedem “mais atenção” ao consumidor e “maior rapidez” na reclassificação de “mais produtos”.

Em comunicado, a cooligação Coolproducts, um grupo de mais de 20 organizações, entre as quais a Zero e a Quercus, co-liderado pela ECOS, que se dedica à área da normalização ambiental, e pela federação europeia das associações de ambiente (EEB), “dá as boas-vindas às novas etiquetas energéticas, que têm agora uma escala reclassificada”.

A partir desta segunda-feira, quatro diferentes tipos de aparelhos elétricos terão as suas etiquetas energéticas renovadas: máquinas de lavar loiça, máquinas de lavar roupa, frigoríficos e monitores (incluindo televisores).

Os produtos à venda nas lojas, físicas e online, passam a ter de exibir as novas etiquetas, com um prazo de 14 dias úteis para substituir as antigas.

“As etiquetas energéticas têm incentivado os consumidores a comprar produtos com maior eficiência energética desde há mais de 20 anos”, observam as organizações, considerando “fundamental” que os consumidores tenham acesso a essa informação.

As novas etiquetas energéticas usam uma escala simplificada de A a G, substituindo as categorias A+, A++ e A+++, que não permitia ao consumidor “fazer a distinção entre os [equipamentos] mais e os menos eficientes”.

Na opinião das organizações, “esta reclassificação, com o primeiro A vazio no início, irá permitir que ao longo do tempo surjam aparelhos mais inovadores e eficientes, efetivamente merecedores dos sinais positivos a seguir a esse A”.

Outra novidade é que as etiquetas passam a ter um código QR, que permitirá aos consumidores acederem a informações adicionais sobre os produtos.

“As novas etiquetas vão permitir poupar milhões de euros e reduzir milhões de toneladas de emissões de dióxido de carbono”, sendo, por isso, boas “para a carteira e para o planeta”, saúda a associação Zero, no comunicado.

Porém, os ambientalistas pedem “maior celeridade” e “mais ambição”, acreditando que “muito mais poderia ser alcançado”, nomeadamente se “rapidamente se atualizar para a nova escala todos os produtos de elevado consumo de energia, como ar condicionado, aquecedores e aspiradores de pó”.

Realçando que, “em média, as etiquetas energéticas ajudam cada família europeia a economizar até 285 euros por ano”, as organizações recordam que há 14 categorias de produtos que têm etiqueta energética obrigatória (eletrodomésticos, lâmpadas, ar condicionado, caldeiras).

Lusa // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

RESPONDER

O trabalho de um aluno de Física chamou a atenção dos investigadores quânticos da Amazon

Os cientistas têm várias preocupações relacionadas com o potencial dos computadores quânticos e o progresso neste campo tem sido muito lento. Recentemente, um dos obstáculos pode ter sido reduzido por um estudante de Física da …

Famosa rajada rápida de rádio bateu recorde (e revelou magnetosfera "dançante" em estrela de neutrões)

Duas equipas internacionais de astrónomos publicaram dois artigos científicos com novas informações sobre a famosa rajada rápida de rádio FRB20180916B. No estudo publicado na Astrophysical Journal Letters, os cientistas mediram a radiação das explosões nas frequências …

Farense 0-1 Sporting | Beto e Adán gigantes em noite de recorde leonino

O Sporting sofreu bastante para levar os três pontos na visita ao Farense. O líder do campeonato marcou um golo, por Pedro Gonçalves, dominou durante a primeira parte, mas na segunda deixou os algarvios criarem …

Uma simples mudança está a evitar a morte de um macaco em vias de extinção

Cientistas conseguiram dar uma tábua de salvação a uma espécie de macaco em risco de extinção, cujos espécimes são frequentemente atropelados por automóveis nas estradas de um parque nacional em Zanzibar. De acordo com a Lista …

Antigo rito sagrado "entre irmãos" pode ter sido, na verdade, o casamento homossexual

A adelfopoiese era uma cerimónia praticada historicamente na tradição cristã para unir duas pessoas do mesmo sexo - normalmente homens - num relacionamento reconhecido pela igreja, análogo ao irmão. Segundo documentos históricos, com 20 anos, Simeão …

Talin fechou uma estrada para que sapos e rãs possam atravessar em segurança

A capital da Estónia fechou uma estrada movimentada, durante as noites do mês de abril, para garantir que milhares de sapos e rãs conseguem atravessar em segurança para o local onde se vão reproduzir. Geralmente, são …

Organizador do White Lives Matter está a formar um novo grupo fascista (que quer uma guerra racial)

Organizador do White Lives Matter está a formar um novo grupo fascista, que procura agradar à opinião pública e quer ver uma guerra racial nos Estados Unidos. O organizador do abortado comício White Lives Matter, em …

Bezos nega que funcionários sejam vistos como "robôs". Mas Amazon deve tratá-los "melhor"

O ainda presidente executivo da Amazon, Jeff Bezos, enviou uma última carta aos acionistas da empresa, negando que os funcionários sejam "tratados como robôs", conforme alegaram alguns trabalhadores e críticos da empresa. Segundo Bezos - que …

A imponência do Titanic pode ter acelerado o fim da sua história

Com quase 269 metros de comprimento, o tamanho do Titanic - considerado o maior navio do mundo em 1912 - pode mesmo ter acelerado o fim da sua história. O Titanic media quase 269 metros de …

Pogba diz que a sua relação com Mourinho "mudou da noite para o dia"

O futebolista francês recordou a relação "muito boa" que tinha com o treinador português quando este era treinador do Manchester United, mas que acabou por mudar, segundo as suas palavras, "da noite para o dia". Numa …