O aumento da neve derretida no inverno está a ameaçar os recursos hídricos

Com o rápido derretimento do gelo no inverno em toda a zona oeste, o perigo de incêndio e problemas na agricultura são cada vez mais iminentes, uma vez que os recursos hídricos se encontram ameaçados.

Os investigadores descobriram que, desde o final dos anos 1970, a fronteira do inverno com a primavera tem desaparecido lentamente.

Embora as estações com aumentos significativos de degelo se tenham registado principalmente em novembro e março, os especialistas perceberam que o degelo está a aumentar em todos os meses da estação fria – de outubro a março.

As novas descobertas, publicadas na Nature Climate Change a 5 de abril, têm implicações importantes para o planeamento de recursos hídricos.

A nova pesquisa descobriu que o derretimento antes do dia 1 de abril aumentou em quase metade das mais de 600 estações no oeste da América do Norte, numa média de 3,5% por década.

“Historicamente, os gestores de água usam o dia 1 de abril para distinguir inverno e primavera, mas essa distinção está a tornar-se cada vez mais confusa à medida que o degelo aumenta durante o inverno”, disse Noah Molotch, coautor do estudo.

A neve é a principal fonte de água e fluxo de riacho no oeste da América do Norte e fornece água para cerca de mil milhões de pessoas em todo o mundo.

No oeste, as montanhas nevadas atuam como torres de água, reservando água para o alto até que derreta, tornando-a disponível para as elevações mais baixas que precisam dela durante o verão, como um sistema de irrigação por gotejamento natural.

“Esse gotejamento lento da água de degelo que ocorre de forma confiável durante a estação seca é algo em que construímos toda a nossa infraestrutura hídrica no oeste”, disse Keith Musselman, autor do estudo. “Dependemos muito dessa água que desce nossos rios e riachos na estação quente entre julho e agosto”, acrescentou.

O facto de haver mais neve derretida no inverno está a mudar o tempo de entrada da água no sistema, ativando o sistema de irrigação por gotejamento natural com mais frequência no inverno, afastando-o do verão, explicam os especialistas.

Esta é uma grande preocupação para a gestão dos recursos hídricos e previsão de secas no oeste, que depende muito dos níveis de neve acumulada no final do inverno em março e abril.

A mudança no tempo de entrega de água também pode afetar as temporadas de incêndios florestais e as necessidades de irrigação agrícola, escreve o Phys.

Ana Isabel Moura Ana Isabel Moura, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

FC Porto 1-0 Guimarães | Dragão já vê Sporting no horizonte

O Porto venceu no fecho da 28ª jornada da Liga NOS pela margem mínima, na recepção ao Vitória SC, e conseguiu o principal objectivo, que passava por somar os três pontos e reduzir para quatro …

Italiano faltou ao trabalho durante 15 anos, mas ganhou quase 600 mil euros

Um funcionário de um hospital no sul de Itália recebeu o salário durante 15 anos, apesar de nunca ter aparecido para trabalhar. De acordo com a polícia italiana, citada pela cadeia televisiva CNN, Salvatore Scumace está …

Google ficou sem o domínio na Argentina (e Nicolás achou que ia ser o novo dono)

Na última quarta-feira, um jovem argentino achou que ia ficar rico à custa da distração da Google no seu país. Acabou por não acontecer e tudo ficou resolvido. "Que pague a dívida externa", "que compre vacinas", …

Lola, a robô humanóide, dá "passos de bebé" (e equilibra-se com as mãos)

Uma equipa de cientistas está a ensinar a robô humanóide Lola a dar "passos de bebé", equilibrando-se com as suas mãos em vários pontos de contacto. Há muito tempo que os investigadores estudam a locomoção de …

Presidente da República veta decreto sobre inseminação post mortem

O Presidente da República vetou, esta quinta-feira, o decreto do Parlamento sobre inseminação post mortem, considerando que suscita dúvidas no plano do direito sucessório e questionando a sua aplicação retroativa. Na mensagem dirigida à Assembleia da …

Primeiro-ministro francês está a receber centenas de peças de lingerie no correio

O primeiro-ministro francês tem estado a receber roupa interior feminina na sua caixa de correio. Foi a forma encontrada pelas lojas de lingerie para protestarem contra as restrições da pandemia que as obrigam a estar …

Inteligência artificial "identifica" autores dos Manuscritos do Mar Morto

Investigadores da Universidade de Groningen, nos Países Baixos, recorreram à inteligência artificial para concluir que os Manuscritos do Mar Morto foram redigidos por vários escribas, o que abre uma "nova janela" para o estudo do …

Inteligência Artificial vai ajudar a identificar fontes de poluição no Bangladesh

A produção de tijolos é uma fonte de poluição que ameaça a saúde da população e do planeta, mas regular esta indústria pode ser uma tarefa difícil para as autoridades. Para resolver o problema, uma …

Portimonense 1-5 Benfica | "Águia" arrasa em solo algarvio

O Benfica regressou aos triunfos depois de ter vencido o Portimonense por 5-1, numa partida relativa à 28.ª jornada da Liga NOS, após o desaire registado na recepção ao Gil Vicente.  Porém, não foi um duelo …

Vigaristas burlaram mulher de 90 anos em 32 milhões de dólares

Uma mulher de Hong Kong, de 90 anos, foi defraudada em 32 milhões de dólares por burlões que se fizeram passar por agentes policiais chineses, via chamada telefónica. A Agence France-Presse (AFP) escreve que um jovem …