Egípcios encontraram antiga necrópole com uma “mensagem da vida depois da morte”

O Ministro das Antiguidades do Egipto anunciou a descoberta de uma antiga necrópole, perto de uma cidade do Vale do Nilo, que pode tornar-se na próxima “galinha dos ovos de ouro” do turismo do país. Ou assim se espera.

Até agora os arqueólogos encontraram dezenas de túmulos de pedra, incluindo 40 sarcófagos, jóias, cerâmica e uma máscara de ouro, com mais de 2 mil anos, datando do último período dos Faraós. A descoberta foi feita num local perto de Minya, cidade localizada no Vale do Nilo, a sul do Cairo.

Muitos dos artefactos e dos túmulos são de sacerdotes do antigo deus egípcio Thoth que zelava pela sabedoria, a escrita, a ciência, a magia e o julgamento dos mortos, de acordo com o site Phys.org.

Um desses sacerdotes será um dos “Grandes Cinco”, os mais importantes sacerdotes de Thoth, refere a BBC.

O túmulo desse alto sacerdote inclui mais de 1000 estatuetas e quatro vasos com tampas, com a forma dos rostos dos quatro filhos do deus Horus, que “ainda contêm os órgãos internos mumificados” do falecido, explica o director da missão de escavação, Mostafa Waziri.

“Os vasos estão decorados com textos hieróglifos que mostram o nome e os títulos dos seus donos”, refere ainda Waziri. O arqueólogo fala ainda na “maravilhosa coincidência” da descoberta de um colar de encanto de Ano Novo, com a inscrição “Feliz Ano Novo”.

“É uma mensagem que nos foi enviada da vida depois da morte”, considera Waziri. Entre as descobertas efectuadas está, ainda, um colar de bronze com uma imagem da deusa Nut que, para os egípcios, oferecia protecção na vida do além.

O ministro das Antiguidades do Egipto, Khaled al-Enany, já referiu que “isto é apenas o início de uma nova descoberta”. “Muito em breve, vamos acrescentar uma nova atracção arqueológica ao Egipto Médio”, salientou.

O director da missão de escavação acredita que os trabalhos no local devem demorar ainda mais cinco anos, de modo a ser possível “desenterrar todas as sepulturas do cemitério”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Um medicamento comum utilizado para tratar a diarreia pode ajudar a combater células cancerígenas agressivas

Um fármaco comum prescrito para tratar a diarreia pode ajudar a combater um tipo agressivo de cancro cerebral (glioblastoma), sugere uma nova investigação levada a cabo pela Universidade de Frankfurt, na Alemanha. Em causa está …

"Bola de fogo" cruzou o céu sobre o Mediterrâneo a 105 mil quilómetros por hora

Uma "bola de fogo" atravessou o mar Mediterrâneo e o norte de Marrocos na noite de quarta-feira, a 105.000 quilómetros por hora. A bola de fogo foi observada por um projeto científico espanhol a uma velocidade …

Duterte rejeita que a filha o vá suceder na liderança das Filipinas. "Isto não é para mulheres"

O líder das Filipinas, Rodrigo Duterte, descartou, na quarta-feira, a hipótese de a filha o vir a suceder no próximo ano, acrescentando que a presidência não é tarefa para uma mulher por causa das …

"Uma memória a flutuar no oceano." Encontrada, dois anos depois, uma mensagem numa garrafa

Uma mensagem no interior de uma garrafa sobreviveu a uma viagem de dois anos pelo oceano. Recentemente, chegou às mãos de um ativista ecológico, enquanto limpava uma praia da Papua Nova Guiné. Em novembro do ano …

As células imortais de Henrietta Lacks revolucionaram a Ciência

O ano de 1951 foi muito importante no campo da biotecnologia e, surpreendentemente, tudo começou com a chegada de Henrietta Lacks a um hospital norte-americano. Descendente de escravos, Loretta Pleasant nasceu a 1 de agosto de …

Humanidade não será capaz de controlar máquinas superinteligentes, avisam cientistas

Uma equipa de investigadores do Instituto Max Planck para o Desenvolvimento Humano sugere que seria impossível controlar máquinas superinteligentes. A tecnologia de Inteligência Artificial (IA) continua a evoluir de vento em popa, enquanto alguns cientistas e …

Em 1950, a vacinação em massa salvou a Escócia

Em 1950, Glasgow, na Escócia, viu-se a braços com um surto de varíola e o cenário era muito semelhante ao que vivemos hoje: as autoridades sanitárias tentavam rastrear todos os contactos de pessoas portadoras do vírus, …

Japonês aluga-se a si próprio "para não fazer nada". E tem milhares de clientes

Um homem japonês que ganha a vida a alugar-se a si próprio “para não fazer nada” atraiu milhares de clientes. O negócio começou em 2018. Por 10.000 ienes (cerca de 79 euros) - mais despesas com …

Documentos de vacinas roubados por hackers também foram "manipulados"

A Agência Europeia do Medicamento, entidade reguladora da União Europeia (UE), informou este sábado que os documentos da vacina contra a covid-19 roubados e colocados na Internet por hackers foram também "manipulados". A manipulação aconteceu depois …

Há 11 anos que não se consumia tanta eletricidade num só dia. A culpa é do frio

O país está a bater recordes de energia, tanto em termos de pico como de consumo diário. A culpa é da vaga de frio que assolou Portugal neste Inverno. O consumo de eletricidade bateu, na quarta-feira, …