“Estamos em todo o lado”. Memorial de Anne Frank nos EUA vandalizado com suásticas

O único memorial dedicado a Anne Frank nos Estados Unidos foi vandalizado com imagens de suásticas, causando indignação no estado de Idaho, onde o monumento está localizado.

Cartazes foram colados à estátua da jovem alemã vítima do Holocausto com a seguinte frase, junto do símbolo nazi: “Nós estamos em todo o lado.”

P Centro Wassmuth para os Direitos Humanos, que administra o Memorial Anne Frank na cidade de Boise, informou que o ataque ocorreu na terça-feira passada.

O diretor da entidade, Dan Prinzing, disse que o incidente é uma “triste demonstração sobre quem é ou o que é nossa comunidade” e comparou-o com uma “punhalada no coração”.

“Francamente, é um dia triste”, afirmou Prinzing, em declarações  à CNN. “O memorial está localizado no coração da capital; somos o coração da cidade. Um ato de ódio tão flagrante, dirigido dessa forma, encorajado a ocorrer, é simplesmente triste.”

Ainda segundo o diretor do Centro Wassmuth, “o memorial foi financiado por indivíduos, empresas e fundações para ser uma demonstração física dos nossos valores partilhados; reconhecemos hoje que um desses valores é que devemos nos impor para enfrentar o ódio”.

Prinzing disse que, felizmente, nenhum dano material foi causado ao monumento, tendo sido necessária apenas uma limpeza extra para remover o resíduo colante dos cartazes.

Já o chefe da polícia de Boise, Ryan Lee, condenou o ataque como “absolutamente repugnante”, segundo a imprensa local. “É um motivo de preocupação para nós”, disse Lee, prometendo ainda “encontrar aqueles que estão tentando incitar ao ódio na nossa cidade”.

A presidente da câmara de Boise, Lauren McLean, também manifestou indignação. “É chocante, mas sabemos que isso não reflete os valores da nossa sociedade”, afirmou.

O Centro Wassmuth foi nomeado em homenagem ao padre católico Bill Wassmuth (1941-2002), que renunciou à sua função religiosa para se dedicar inteiramente à luta contra os supremacistas brancos e neonazis.

O estado de Idaho é considerado um dos redutos dos extremistas de direita nos Estados Unidos.

O memorial em homenagem a Anne Frank já tinha sido violado com slogans antissemitas e racistas em 2017. O reparo custou 20 mil dólares na época.

Anne Frank é uma das mais conhecidas vítimas do Holocausto. Entre 1942 e 1944, ela documentou, através de um diário, o seu quotidiano familiar num esconderijo em Amsterdão, onde a sua família levou uma existência claustrofóbica e silenciosa na esperança de não ser capturada pelos nazis.

O seu pai, o empresário alemão Otto Frank, tentou levar a esposa e as duas filhas para os Estados Unidos para fugirem da perseguição, mas sem sucesso.

Em 1944, a família judia foi descoberta no anexo na capital holandesa. Anne morreu no campo de concentração de Bergen-Belsen em 1945, mas a história da sua vida percorre o mundo até hoje através do seu diário publicado postumamente.

PARTILHAR

RESPONDER

Mayflower 2.0: um navio autónomo pilotado por IA está a refazer a viagem do original

Quatro séculos e uma pandemia depois de o Mayflower original ter zarpado do porto de Southampton, numa jornada histórica para a América, outro veículo pioneiro com o mesmo nome partiu para refazer a mesma viagem. O …

Halterofilista neozelandesa será a primeira atleta transgénero a competir nos Jogos Olímpicos

A neozelandesa Laurel Hubbard, de 43 anos, classificou-se para os Jogos Olímpicos de Tóquio na categoria acima de 87kg feminina (super pesadas) do levantamento de peso, tornando-se a primeira atleta transgénero a participar na competição. "Estou …

República Checa 0-1 Inglaterra | Serviços mínimos valem topo

A Inglaterra, que tinha assegurado o apuramento na segunda-feira, garantiu o primeiro lugar do Grupo D do Euro 2020, ao vencer a República Checa por 1-0, com um golo madrugador, no mítico estádio de Wembley. Num …

Croácia 3-1 Escócia | Croatas de trivela rumo aos oitavos

A Croácia, liderada pelos ‘craques’ Luka Modric e Ivan Perisic, qualificou-se hoje para os oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao vencer por 3-1 a Escócia, que eliminou, num Grupo D conquistado pela Inglaterra. Os …

Asteroide tem nome de astrofísico português Nuno Peixinho

O astrofísico português Nuno Peixinho dá nome a um asteroide, descoberto em 1998 e que tem pouco mais de 10 quilómetros de diâmetro, anunciou esta segunda-feira o Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), …

"É inaceitável". Ana Mendes Godinho critica situações de trabalho temporário que "duram décadas"

A ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho, insistiu esta terça-feira na relevância do combate à precariedade, sinalizando a intenção de restringir o trabalho temporário. "Tem de haver mecanismos mais fortes para combater a segmentação do mercado …

Hitler expulsou os soldados judeus há oito décadas. Agora, um rabino junta-se ao exército alemão

No início da Segunda Guerra Mundial, Hitler expulsou os judeus das Forças Armadas na década de 1930. Agora, Zsolt Balla irá assumir o cargo de rabino-chefe do exército alemão. Mais de 80 anos depois, aquilo que …

Rio critica Governo após "justa indignação" de Merkel

O presidente do PSD acusou esta terça-feira o Governo de estar a fazer Portugal passar “por uma vergonha desnecessária”, considerando que depois da “vexatória desconsideração” do Reino Unido, os portugueses têm que “ouvir a justa …

Amazon acusada de destruir milhões de itens não vendidos todos os anos

A Amazon foi acusada de destruir milhões de itens não vendidos todos os anos, segundo uma investigação da Newsweek, publicada na segunda-feira. "Uma investigação da ITV News num dos centros de distribuição da Amazon no Reino …

Enquanto o mundo lutava contra uma pandemia, a Guiné declarava o fim do segundo surto do Ébola

No passado sábado, a Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou o fim do segundo surto de Ébola na Guiné-Conacri, que vitimou mortalmente 12 pessoas. "Tenho a honra de declarar o fim do Ébola na Guiné", disse …