O mau humor é contagiante (pelo menos entre os corvos)

Uma recente investigação sugere que os corvos partilham as emoções negativas dos seus pares. Já as positivas, nem por isso.

Os corvos são muito inteligentes e bons a resolver problemas. Contudo, este novo estudo sugere algo mais sobre o comportamento destas aves: a forma de agir dos corvos sugere que são capazes de sentir empatia.

Thomas Bugnyar, investigador da Universidade de Viena, na Áustria, liderou uma equipa de cientistas que se propôs a avaliar um dos pilares da empatia nestes animais: a capacidade de partilhar emoções. Como resume o investigador, citado pela Visão, para sentir pelos outros, é preciso sentir como os outros.

Se avaliar emoções numa ave não é fácil, muito mais difícil é avaliar de que forma as emoções de um influenciam as de outro, uma vez que qualquer pista comportamental nesse sentido pode tratar-se apenas de um fenómeno de imitação.

Mas os resultados deixaram poucas dúvidas. Na experiência realizada por esta equipa, quando os corvos observaram as reações dos outros a uma comida de que não tinham gostado, o interesse na sua própria comida diminuiu.

As aves demonstraram este comportamento sem ter qualquer contacto visual com os alimentos que tinham causado desagrado nos seus pares, pelo que não se tratou de uma reação à comida, mas sim de uma capacidade de perceber e partilhar as emoções negativas.

No início da experiência, os cientistas decidiram avaliar como os pássaros reagiram a estímulos neutros, com um teste cognitivo usado para estudar vários animais. “Perguntar como avaliam um copo – se meio cheio ou meio vazio”, explica o líder da equipa.

Oito corvos, testados aos pares, puderam escolher entre uma caixa com um snack de queijo e outra caixa vazia. Uma vez aprendida a localização de cada opção, foi-lhes apresentada uma terceira caixa, colocada num novo local. A forma como cada ave reagia à caixa nova foi interpretada como pessimismo ou otimismo – ou seja, se encaravam a terceira caixa com desconfiança, ou se a viam como uma coisa boa.

De seguida, a um dos elementos do par foi foram mostradas cenouras cruas e comida seca para cão, antes de um destes alimentos desaparecer da sua vista. Os animais que ficavam com as cenouras davam sinais de insatisfação com a opção, chegando a ignorá-la. Sem ver a comida nem o investigador, o outro elemento do par observava a reação do parceiro.

Submetidos uma segunda vez ao emsmo teste, os corvos que tinham observado a alegria do seu par mantiveram o mesmo nível de interesse; mas os que tinham visto o parceiro reagir negativamente, demoraram o dobro do tempo a tomar a decisão de se aproximar da terceira caixa incerta.

Segundo os investigadores, esta quebra de interesse justifica-se pela influência do desapontamento do seu par. Repetida quatro vezes, a experiência reforçou a teoria de que as respostas negativas parecem ser contagiantes, mas as positivas não.

Neste aspeto, os investigadores sublinham que as emoções negativas são mais facilmente provocadas e observadas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

PCP mantém festa do Avante! e pede calma às "almas mais inquietas"

O secretário-geral do PCP admitiu hoje que “não seria um drama”, devido à pandemia de covid-19, cancelar a festa do Avante, e garantiu que não é por dinheiro que os comunistas estão empenhados em realizá-la …

Futebol inglês aponta regresso para dia 17 de junho

A Liga inglesa de futebol, suspensa desde 13 de março devido à pandemia da covid-19, vai regressar em 17 de junho, com a realização de dois encontros em atraso, de acordo com BBC e Sky …

Estado investe 2.000 milhões na ferrovia, mas comboios vão circular à mesma velocidade

O investimento da Infraestruturas de Portugal deverá rondar os 2.000 milhões de euros, mas este montante servirá quase exclusivamente para eletrificação de linhas e substituição de sinalização. De acordo com a edição desta quinta-feira do jornal …

SBSR confirma Foals, Local Natives e Boy Pablo para a edição de 2021

Os Foals, os Local Natives e o músico Boy Pablo são os primeiros nomes reagendados para a 26.ª edição do Festival Super Bock Super Rock, remarcada para julho de 2021, foi hoje anunciado. O SBSR deveria …

Artistas com espetáculos cancelados recebem pelo menos 50%

O primeiro-ministro referendou, esta quarta-feira, a lei que regula a possibilidade de festivais e espetáculos no verão e que assegura apoio financeiro a artistas alvo de cancelamento ou reagendamento dos espetáculos por causa da pandemia. Este …

EUA anunciam fim da isenção de sanções no programa nuclear civil iraniano

Os Estados Unidos (EUA) anunciaram na quarta-feira o fim das derrogações que autorizaram até agora projetos relacionados com o programa nuclear civil iraniano, acordo internacional de 2015 do qual Washington se retirou. "Hoje, anuncio o fim …

Violência doméstica, droga, bairros problemáticos. Agentes da PSP obrigados a usar coletes anti-bala

A Direção Nacional da Polícia de Segurança Pública (PSP) decidiu tornar obrigatório o uso de coletes balísticos em oito tipos de situações. De acordo com o Jornal de Notícias, os agentes da PSP vão passar a …

Benfica e FC Porto estão entre os clubes europeus com maior valor comercial

O Benfica e o FC Porto estão em 24.º e 30.º, respetivamente, na lista dos 32 clubes de futebol europeus com maior valor comercial, que é liderada pelos espanhóis do Real Madrid. O Benfica (24.º) e …

Estados Unidos podem vir a acusar Cilia Flores, mulher de Maduro, por narcotráfico

Os Estados Unidos podem vir a acusar formalmente a mulher do presidente venezuelano, Nicolás Maduro, por crimes de tráfico de droga e corrupção. A notícia foi avançada esta quarta-feira pela Reuters, que cita quatro fontes diferentes. …

PSD quer lay-off até final do ano e Estado menos "dorminhoco"

O PSD apresentou hoje um conjunto de 26 "ideias e sugestões" na área social, incluindo o prolongamento do 'lay-off' simplificado até ao final do ano, a reafetação de recursos na administração pública e um Estado …