Manifestantes pró-independência incendeiam parlamento em Papua e Papua Ocidental

Sofwan Azhari / EPA

Milhares de manifestantes pró-independência incendiaram esta segunda-feira o edifício do parlamento local e organizaram outros tumultos nas províncias indonésias de Papua e Papua Ocidental, na sequência da detenção, no fim de semana, de estudantes universitários papuas independentistas.

O vice-governador da província de Papua Ocidental, Mohammad Lakotani, disse que a manifestação de hoje foi um protesto contra alegadas detenções e insultos a dezenas de estudantes papuas nas cidades de Surabaya e Malang, província de Java Oriental, feitas pelas forças de segurança.

Segundo o vice-governador, uma multidão enfurecida ateou fogo a pneus e ramos de árvores em Manikwari, capital da província, e há imagens de televisão que mostram chamas e fumo a sair do edifício do parlamento. Os manifestantes também incendiaram alguns carros, além de bloquearem estradas, segundo mostram as televisões locais e vídeos de ativistas.

Vários milhares de manifestantes também organizaram protestos em Jayapura, a capital da província vizinha de Papua, onde milhares de pessoas percorreram a cidade de mota, pedindo a independência das duas províncias.

“Não somos vermelhos, somos estrela da manhã”, gritavam os estudantes aludindo à bandeira da Indonésia e ao pendão da Papua, respetivamente. Este último é proibido e pode dar direito a 15 anos de prisão a quem o exibir.

As autoridades recomendaram aos residentes não-papuas que permanecessem nas suas casas, não tendo ainda sido relatados confrontos, segundo disse a uma televisão o chefe da Polícia Nacional, Tito Karnavian.

Os protestos foram convocados após a prisão de 43 ativistas universitários, que na sexta-feira e no sábado foram cercados na sua residência na cidade de Surabaya, em Java, por nacionalistas indonésios por terem, alegadamente, profanado a bandeira daquele país asiático.

Segundo a estação do Qatar, os estudantes foram libertados ainda no domingo, mas entretanto a tensão social já era alta e o Comité Nacional da Papua Ocidental (KNPB) já exortara a população a protestar contra o Governo. Há relatos de manifestantes aguerridos terem arrancado a bandeira indonésia do edifício do Governador Provincial da Papua, Lukas Enembe.

Os nacionalistas indonésios gritaram insultos racistas e ameaçaram os independentistas papuas e, no sábado, a polícia acabou por intervir disparando gás lacrimogéneo para os expulsar da residência, tendo-os detido durante algumas horas.

Pelo menos 95 pessoas morreram nas mãos das Forças de Segurança indonésias em Papua e Papua Ocidental entre 2010 e 2018, segundo a Amnistia Internacional, pelo que tanto os jornalistas como os observadores estrangeiros têm restringido o acesso a essas duas províncias.

As duas províncias Papua ocupam a metade ocidental da ilha da Nova Guiné, um território rico em recursos naturais e onde o movimento de independência ganhou força a partir de 1963, quando a Holanda se retirou da Indonésia, até então sua colónia. A outra metade da Nova Guiné integra o estado independente da República de Papua Nova Guiné.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Eureka. Trabalhadores foram despedidos e fábrica fechou, mas estão a apresentar nova marca em Milão

A empresa responsável pela marca Eureka Shoes, que fechou as lojas e a fábrica, e despediu 150 trabalhadores em Portugal, está agora a apresentar uma nova marca em Milão. No mês passado, a empresa de calçado …

Tribunal de Contas critica modelo de financiamento do Ensino Superior (e diz que Governo não cumpriu lei de bases)

No seguimento de uma auditoria ao método de financiamento do ensino superior, para o Tribunal de Contas (TdC), entre 2016 e 2018, o modelo de financiamento concretizado pelo governo não cumpriu o estipulado na Lei …

Cientistas encontram no Ébola um aliado inesperado contra os tumores cerebrais

Cientistas encontraram um gene do vírus do Ébola que mostrou ser útil no combate contra os glioblastomas, que são tumores cerebrais que reaparecem após serem eliminados. O gliobastoma é um tumor que cresce e espalha-se depressa …

Estivadores do Porto de Lisboa iniciam greve de três semanas

Os estivadores do Porto de Lisboa iniciam, esta quarta-feira, uma greve de três semanas em protesto contra os salários em atraso e incumprimento dos acordos celebrados por parte da Associação de Empresas de Trabalho Portuário …

Michael Vang. Passou despercebido por Portugal, mas carrega os sonhos de toda uma etnia

Michael Vang é dos pouquíssimos jogadores de origem Hmong a jogar futebol profissionalmente. Agora nos Estados Unidos, o jovem teve uma passagem apagada por Portugal. Os Hmong são um grupo étnico asiático originário das regiões montanhosas …

Há pessoas sem a parte olfativa do cérebro que conseguem cheirar (e cientistas não sabem porquê)

Cientistas encontraram casos em que as pessoas não tinham bulbo olfativo, a parte do cérebro responsável pelo olfato, mas mesmo assim conseguiam cheirar. Anosmia consiste na perda total ou parcial do olfato e esta é uma …

Cientistas detetam estranhos movimentos de gás na Via Láctea (em redor de algo "invisível")

Os astrónomos detetaram movimentos de nuvens de gás incomuns perto do centro da Via Láctea, que podem sugerir a presença de um desconhecido buraco negro de classe intermediária. Os investigadores que rastrearam os gases no centro …

Hackers podem facilmente piratear satélites (e transformá-los em armas)

Piratear satélites pode não ser assim tão complicado quanto pensamos. Os hackers podem simplesmente desligá-los ou até mesmo usá-los como armas. No mês passado, a SpaceX tornou-se a operadora da maior constelação de satélites ativos do …

Gelo a cair num buraco faz barulhos estranhos (e parece uma batalha de lasers)

Alguma vez pensou o que se ouve quando deixamos cair gelo num buraco gelado profundo? Já não precisamos de pensar mais - e já podemos ouvir. O vídeo do pedaço de gelo a cair num buraco …

Tribunal recusa exumar corpo. Rosa Grilo conhece sentença a 3 de março

A leitura do acórdão no processo do homicídio do triatleta ficou agendada, esta terça-feira, para o dia 3 de março. De acordo com o Diário de Notícias, a defesa de Rosa Grilo pediu a exumação do …