Magawa, o rato que deteta minas, ganhou uma medalha de ouro

PDSA

Magawa, o rato-herói, com a sua medalha de ouro

Magawa, um rato gigante africano, foi treinado para descobrir minas terrestres e tem estado ao serviço no Camboja. O animal foi agora proclamado herói e premiado por salvar vidas naquele país.

A instituição de caridade britânica People’s Dispensary for Sick Animals (PDSA), entregou uma medalha de ouro a Magawa, pelo seu trabalho de deteção de minas terrestres não detonadas, no Camboja.

Décadas de conflito deixaram o país do sudeste asiático repleto de milhões de minas terrestres, munições não detonadas e outros resíduos explosivos de guerra que continuam a matar ou ferir dezenas de pessoas por ano.

Com a ajuda de outros países, o Camboja passou anos a limpar os campos minados, o que é considerado uma tarefa difícil e perigosa. Então, Magawa entrou em ação.

O rato, agora considerado um herói, foi treinado pela organização não-governamental belga APOPO para detetar o cheiro de produtos químicos explosivos encontrados em minas terrestres e indicar a sua localização aos “treinadores”.

Apesar de ser maior do que um rato de estimação comum, Magawa é leve o suficiente para evitar a detonação de uma mina terrestre, ao contrário do que acontece com os “caçadores de minas” humanos.

Ao longo de sete anos, Magawa descobriu 39 minas terrestres e 28 partes de artilharia, ajudando a limpar mais de 141 metros quadrados de terra, de acordo com a PDSA – o que o elege como sendo o rato com melhor desempenho da instituição.

“Magawa é um rato herói. Estamos entusiasmados por comemorar a sua devoção por salvar vidas, concedendo-lhe a medalha de ouro”, disse Jan McLouglin, diretora geral da PDSA, na apresentação virtual da entrega de prémios.

A associação escreveu: “Às vezes, os animais mostram capacidades heroicas em situações extraordinárias.” A medalha de ouro, parte do programa Animal Awards, é o maior reconhecimento “para a coragem animal e dedicação excecional à vida civil”.

Os ratos africanos gigantes são inteligentes e fáceis de treinar e Magawa não é exceção. O rato-herói começou a treinar desde muito novo e “passou em todos os testes com louvor” antes de ser enviado para o Camboja.

De acordo com a PDSA, citada pela CNN, Magawa foi treinado para ignorar sucata e sinaliza o seu domador quando deteta uma mina terrestre. Ele executa a sua função tão rápido que pode limpar uma área semelhante a um campo de ténis em 30 minutos – tarefa que poderia demorar quatro dias com um detetor de metais.

“O trabalho de Magawa salva e transforma vidas, tendo impacto direto sobre os homens, mulheres e crianças das comunidades em que trabalha”, disse a PDSA. “Por cada mina terrestre ou pedaço de artilharia não detonado que ele encontra, acaba com o risco de morte ou de ferimentos graves em locais que já sofrem de dificuldades significativas.”

O Camboja é o país com maior número de amputados per capita no mundo, com 25 mil amputações relacionadas com material militar não detonado.

Vários países deixaram munições não detonadas no Camboja, Vietname e Laos durante a Guerra do Vietname. Cerca de um quarto das bombas não explodiram, o que, de acordo com um relatório de 2019, significa que permanecem ativas, mas fora de vista.

O PDSA estima que ainda existam três milhões de minas terrestres não detonadas no Camboja. De acordo com o mesmo relatório, estima-se que metade do país ainda se encontre armadilhado.

  ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. UAU, um ratinho gigantesco ganhou uma medalhinha de oiro!??? Caramba, agora so falta uma vaca farejar num campinho e detectar as tais minas e lhe oferecerem ma medalha de melhor vaca farejadora.

    Caramba, daqui a nada os animais vao ser nomeados para a Presidencia da Republica em Portugal.
    Bem, seria bem hilariante, ver um animal a dominar os rominantes conscientes dos seres humanos.

    Ja que a maioria dos animais conscientes sao uma verdadeira patifaria, nao fazem um punhado, e ainda por cima, leva/m nacoes ah decadencia.

    VIVA O REINO ANIMAL

RESPONDER

Bloco diz que as suas nove propostas foram rejeitadas. Governo aponta avanços em sete

O Bloco considerou, esta sexta-feira, que o Governo recusou as suas nove propostas para chegar a acordo no Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). O Executivo, por sua vez, considera que há avanços negociais em …

Comissão de inquérito ao Novo Banco. PSD frisa "maioria popular", PS queixa-se de "partidarite"

Os partidos apreciaram, esta sexta-feira, o relatório final da comissão de inquérito ao Novo Banco, aprovado em julho, com o PSD a destacar a "maioria popular" nas conclusões e o PS a criticar a "partidarite" …

"Falta de respeito". Patrões abandonam Concertação Social e pedem audiência a Marcelo

As quatro confederações patronais suspenderam, esta sexta-feira, a sua participação nas reuniões da Concertação Social e decidiram solicitar uma audiência ao Presidente da República, perante a "desconsideração do Governo pelos parceiros sociais" na discussão sobre …

Parlamento aprova diplomas para alargar gratuitidade das creches e "direito ao esquecimento"

O Parlamento aprovou, esta sexta-feira, um projeto-lei para o alargamento da gratuitidade das creches e de soluções equiparadas e ainda um diploma que consagra o "direito ao esquecimento". A Assembleia da República aprovou um projeto-lei do …

Costa está muito empenhado num acordo pelo OE, mas não "a qualquer preço"

O primeiro-ministro disse, esta sexta-feira, que o Governo vai fazer tudo ao seu alcance para chegar a um acordo sobre o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022), mas advertiu que "um acordo não se obtém …

Evergrande escapa por um triz ao default e garante o pagamento de juros de 71.7 milhões de euros

A gigante imobiliária chinesa conseguiu cumprir com o pagamento dos juros no limiar do fim da extensão do prazo. No entanto, persistem os receios sobre a possibilidade da crise na China contagiar a economia mundial. A …

Pessoas a andar na rua em Viena, Áustria

Em caso de apagão geral, Áustria é o primeiro país europeu a ter um Plano B(lackout)

E se houvesse um apagão que afetasse todo o continente europeu? O cenário é o argumento que o Ministério da Defesa austríaco tem usado para enviar um aviso à população desde o início deste mês. A …

Só um terço das empresas em Portugal têm gestores com um curso superior

O estudo da Fundação Francisco Manuel dos Santos refere que este valor é negativo para o país já que a formação superior dos gestores está associada à produtividade e há maior probabilidade da empresa começar …

Governo avança com desconto de 10 cêntimos por litro nos combustíveis para as famílias

O Governo vai criar um desconto de dez cêntimos por litro nos combustíveis para todas as famílias, até 50 litros por mês. Uma medida que estará em vigor entre novembro deste ano e março do …

Inês Sousa Real, porta-voz do PAN

PAN já enviou memorando de entendimento ao Governo

O partido Pessoas–Animais–Natureza enviou ao Governo, esta sexta-feira, o memorando de entendimento com cerca de 60 propostas, no âmbito do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). "O PAN fez chegar ao Governo um memorando do qual …