Maduro suspende pagamento a deputados venezuelanos

Hugoshi / wikimedia

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro

O presidente do parlamento venezuelano, onde a oposição detém a maioria, disse este sábado que o Governo do Presidente Nicolás Maduro suspendeu o envio de recursos para pagamento aos deputados.

“O Governo não enviou os recursos para a Assembleia Nacional (AN), para o pagamento aos deputados”, afirmou Henry Ramos Allup aos jornalistas, recordando que o Presidente Nicolás Maduro anunciou recentemente que pretendia suspender o envio de recursos económicos para o parlamento.

Henry Ramos Allup referiu também que os recursos chegam de maneira irregular e que do Escritório Nacional de Orçamento informaram que “só remeterão o dinheiro para o pagamento dos salários dos empregados e pessoal técnico”.

Mandam do Governo o que lhes dá gana, mas ainda que o Executivo acredite que suprimirá o funcionamento da AN, não será assim”, disse o responsável, precisando que o parlamento notificará o Executivo, na próxima semana, do valor exato dos recursos a enviar para pagamento aos deputados.

Por outro lado, o vice-presidente do parlamento, Simón Calzadilla, sublinhou que mesmo que “os parlamentares tenham que sair à rua, com um pote para recolher dinheiro, a AN não deixará de funcionar”.

“Ninguém nos deterá. O parlamento é a voz do povo venezuelano, no meio da crise do país”, afirmou.

A 03 de agosto último o Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou que pediu ao Supremo Tribunal de Justiça (STJ) para analisar a pertinência da suspensão das transferências de recursos económicos para a Assembleia Nacional.

Na altura Nicolás Maduro disse não poder “utilizar os recursos públicos em instituições que desacatam e apelam ao desacato das leis”.

O Presidente da Venezuela questionou a decisão da direção do parlamento de incorporar três deputados da oposição que tinham sido suspensos pelo STJ por alegadas irregularidades no processo eleitoral.

Ramos Allup pôs-se à margem da lei e da Constituição. O que fez é muito grave, desrespeitar uma sentença do STJ, desrespeitar a letra da Constituição e as leis e dizer que não acatará nenhuma sentença”, disse Nicolás Maduro à televisão estatal venezuelana.

A aliança Mesa da Unidade Democrática (MUD) obteve em dezembro a primeira vitória da oposição venezuelana em 16 anos, conseguindo eleger 112 dos 167 lugares que compõem o parlamento, uma maioria de dois terços que lhe conferiu amplos poderes.

No entanto, a 31 de dezembro de 2015, o STJ ordenou a suspensão da proclamação de três parlamentares da oposição e um do Governo, por alegadas irregularidades na campanha eleitoral, levando a que apenas 109 deputados da oposição e 54 do Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV) tenham iniciado funções a dia 05 de janeiro.

Desde que a oposição passou a ser maioria a MUD tem estado a tentar realizar um referendo para revogar o mandato de Nicolás Maduro.

/Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

    • …ou antes que lhe façam o serviço bem feito, que é isso que ele procura. A noticia diz que a oposição detém a maioria dos deputados, então como se justifica que ele esteja no governo a matar as pessoas à fome, à falta de medicamentos. Esse quadrupede enlouqueceu? O que está ele a fazer do país? Como quer ele levantar o país? Com moribundos? Agora suspendeu o salário dos deputados, não tarda atiram-se a ele e era uma vez uma coisa que caíu de madura…

  1. As posições e atitudes deste grunho estão a radicalizar-se.
    Não obstante o povo estar a viver muito mal, sem bens alimentares essenciais, medicamentos, etc, este atrasado mental não descola do poder. O homem está louco e perdeu completamente a noção da realidade. Sente-se o dono do País.
    Ou muito me engano ou, em muito pouco tempo estala uma guerra civil.

RESPONDER

EUA aprovam terceira dose da Pfizer para maiores de 65 anos e grupos de risco

A Food and Drugs Adminustration (FDA) anunciou, na noite de quarta-feira, ter dado luz verde à administração de uma terceira dose da vacina da Pfizer em alguns casos. O organismo que regula a comercialização de medicamentos …

Estabelecimentos de Santos vão encerrar mais cedo. Psicólogos alertam que fim de restrições pode levar a excessos

Redução do horário é a solução encontrada pelos empresários para dar resposta à recente onda de criminalidade que se tem registado na zona de Santos. Especialistas em psicologia apontam o levantar das medidas de restrição, …

885 novos casos e cinco mortes. Internamentos continuam em queda

Portugal registou 885 novos casos e cinco mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde. Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, Portugal registou, nas últimas …

Número de professores de informática é insuficiente para responder à procura

Aquela que poderia ser uma notícia positiva tem, na realidade, um contexto negativo, já que evidencia uma falha estrutural do sistema de ensino português. De acordo com as informações veiculadas pela Direção-Geral da Administração Escolar (DGAE), …

De olhos postos em Almada e com a aposta em Joana Mortágua, o Bloco volta a prometer passes a 20 euros

Em campanha em Almada com Joana Mortágua, a habitação e os passes sociais foram os temas em cima da mesa do Bloco de Esquerda. Depois de andar em campanha no Norte, o Bloco de Esquerda foi …

Brasil, EUA e Canadá. TAP prevê aumento de voos entre outubro e março

A TAP já está de olhos postos em novos voos para recuperar a sua operação no segundo semestre do ano e no inverno IATA – entre outubro e março. A empresa “espera progressos em termos de …

Vulcão, La Palma

Uma tragédia anunciada em Janeiro. Cinzas do vulcão de La Palma a caminho de Portugal

A lava do vulcão Cumbre Vieja continua a cobrir La Palma, nas Canárias, e já destruiu mais de 300 casas. Enquanto as cinzas vulcânicas se estão a deslocar para a Península Ibérica, surge a notícia …

Líder parlamentar do BE diz que Costa "transformou eleições numa caricatura"

O líder parlamentar do BE, Pedro Filipe Soares, afirmou na quarta-feira que António Costa transformou as eleições autárquicas de 26 de setembro numa “caricatura”, considerando que o primeiro-ministro “vai a todo o lado prometer tudo”. O …

Estalou o verniz entre a UEFA e a FIFA. Órgão Europeu critica Mundial a cada dois anos e admite boicote

A UEFA aponta vários riscos associados ao aumento da frequência do Mundial, como a perda de importância dos torneios femininos e juvenis, o impacto no calendário das outras competições e os efeitos na saúde dos …

Centro de Cancro do Pâncreas Botton-Champalimaud

Novo Centro de Cancro do Pâncreas em Lisboa é único no mundo (e tem a bênção dos Reis de Espanha)

Inaugura, na próxima segunda-feira, o novo Centro de Cancro do Pâncreas Botton-Champalimaud que resulta de uma parceria entre a Fundação Champalimaud e o casal espanhol Maurizio e Charlotte Botton. Os Reis de Espanha vão marcar …