Lenda do futebol turco é motorista da Uber nos EUA após ser perseguido por Erdogan

(dr)

Um dos jogadores mais históricos e famosos do futebol turco, Hakan Sukur, é agora motorista da Uber nos Estados Unidos, após ter fugido da Turquia por alegadamente ser perseguido pelo presidente Recep Tayyip Erdogan.

Depois de pendurar as botas em 2008, Hakan Sukur aventurou-se na vida política em 2011, pelo partido AKP, de Erdogan. Segundo o jornal O JOGO, após vários escândalos de corrupção, muitos deles relacionados com futebol, o ex-jogador acabou por deixar o partir, alegando ter sofrido represálias por isso.

Começaram logo as hostilidades. A loja da minha esposa foi apedrejada, os meus filhos foram assediados e o meu pai preso”, recordou em declarações ao jornal alemão “Welt amm Sontag”.

“Não tenho mais nada em nenhum lugar do mundo. Erdogan apoderou-se de tudo o que era meu: o direito à liberdade, o direito de me explicar, de me expressar, o direito ao trabalho”, acrescentou.

Hakan Sukur é um dos melhores jogadores turcos de sempre, contando com 381 golos em 836 jogos oficiais durante toda a sua carreira. O antigo internacional turco é autor do golo mais rápido em Mundiais, tendo precisado de apenas 10,89 segundos para marcar à Coreia do Sul, em 2002, em jogo do 3º/4º lugar.

Considerado uma lenda viva no Galatasaray, onde jogou durante a maior parte da sua carreira, Sukur passou ainda pelo futebol italiano e inglês, jogando no Torino, Inter, Parma e Blackburn.

Agora, aos 48 anos, vivem em Washington e, para além de motorista da Uber, também vende livros.

“Regresse à democracia, à justiça e aos direitos humanos. Seja alguém que se preocupa com os problemas dos indivíduos. Torne-se no presidente que a Turquia precisa“, apelou o antigo jogador.

Ainda em 2016, a Turquia emitiu um mandato de captura contra Hakan Sukur por envolvimento no golpe de Estado no seu país. Na altura, foi acusado pelas autoridades judiciais da província de Sakarya, a leste de Istambul, de estar envolvido na organização liderada por Fethullah Gulen, exilado nos Estados Unidos, e apontado por Ancara como o organizador da intentona militar.

O antigo jogador de futebol foi acusado de ser “membro de um grupo terrorista armado”, a Organização Terrorista Fethullah FETO, tal como é designado pelo governo de Ancara o organismo supostamente liderado por Fethullah Gulen. Também que foi emitido uma outra ordem de prisão que visou o pai de Hakan, Selmet Sukur.

Contudo, as acusações não passaram de um equívoco e foram retiradas mais tarde.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Polícia do Rio de Janeiro matou cinco pessoas por dia em 2019

A polícia do Rio de Janeiro matou 1.810 pessoas em 2019, um recorde de cinco mortes por dia e um aumento de 18% em relação ao ano anterior, informou o Instituto de Segurança Pública (ISP) …

Governo dedica 20 milhões do Orçamento ao combate à violência doméstica

O orçamento total para combater a violência doméstica em 2020 é de 20,3 milhões de euros, adiantou na quinta-feira a ministra de Estado e da Presidência no Parlamento, Mariana Vieira da Silva, sublinhando o reforço orçamental …

Chega quer câmaras nas fardas e nos carros-patrulha

O Chega, liderado por André Ventura, apresentou um projeto de resolução a defender que os agentes das forças de segurança nacionais devem poder utilizar câmaras, que seriam introduzidas nas fardas e nos carros-patrulha. O partido liderado …

"Não tenho o apoio de Assunção Cristas", diz João Almeida

O candidato à liderança do CDS-PP defende que o partido deve, no imediato, fortalecer-se e depois participar numa "plataforma à direita" de alternativa ao PS, com o PSD, mas sem o Chega. "A alternativa à governação …

Campanha internacional quer salvar leões subnutridos em parque no Sudão

Várias fotografias de leões subnutridos no zoo de Al-Qureshi, no Sudão, atraíram a atenção de milhares de pessoas, que tentam agora salvar os animais. O fotógrafo Ashraf Shazly encontrou cinco leões malnutridos, enjaulados e sem …

Joacine Katar Moreira defende mais direitos para deputados não inscritos em partidos

A deputada única do Livre, Joacine Katar Moreira, defendeu nesta sexta-feira o alargamento dos direitos regimentais dos deputados não inscritos em partidos, durante uma reunião do grupo de trabalho para racionalizar os votos objecto de …

Nova universidade internacional de Soros pretende combater populismo e alterações climáticas

O filantropo multimilionário George Soros vai investir mil milhões de dólares (cerca de 904 milhões de euros) numa universidade internacional que terá como foco a oposição a governos autoritários e às alterações climáticas. Segundo avançou o …

"O índio está evoluindo e cada vez mais é um ser humano igual a nós", diz Bolsonaro

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse, durante um vídeo em direto em que comentava a criação do Conselho da Amazónia, que "o índio está evoluindo e cada vez mais é um ser humano igual …

Jorge Brito Pereira deixa de ser advogado de Isabel dos Santos

O advogado anunciou, esta sexta-feira, que saiu da sociedade de advogados Uría Menéndez Proença de Carvalho, suspendeu a atividade profissional e, como consequência, vai cessar "o patrocínio jurídico" à empresária angolana. "Face às informações publicadas nos …

621 milhões de euros. Ministra reconhece que redução do défice no SNS ficou aquém

A ministra da Saúde reconheceu, esta sexta-feira, que a redução do défice do SNS em 2019 para 621 milhões ficou aquém do que estava previsto, sublinhando o aumento dos custos com pessoal. A ministra da Saúde, …