Instituto do Sangue abre a porta à dádiva de sangue por homossexuais

Tânia Rêgo / ABr

-

O Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST) prepara-se para rever os critérios da dádiva de sangue e deverá alterar a política que proíbe homossexuais e bissexuais de fazer dádivas.

De acordo com o Público, a versão definitiva do relatório do grupo de trabalho do IPST ainda não está concluída, mas o texto final já foi genericamente aprovado na semana passada e deverá recomendar a exclusão temporária dos homossexuais e bissexuais das listas de dadores.

A recomendação poderá depois ser aceite ou não pelo Ministério da Saúde, que receberá porteriormente a versão definitiva do relatório, que deverá ser redigida nos próximos dias.

O teor do texto aprovado pelos sete membros do grupo de trabalho ainda não é conhecido, mas o presidente do conselho diretivo do IPST, Hélder Trindade, já tinha admitido, num debate promovido a 23 de junho pela Ordem dos Médicos, em Lisboa, o presidente do conselho directivo do IPST já tinha desvendado o sentido das recomendações, que as recomendações deveriam ser alteradas no sentido de alterar a política que proíbe a doação da parte de homossexuais e bissexuais.

“Portugal vai com certeza mudar, assim que tivermos os resultados do grupo de trabalho”, declarou Hélder Trindade, referindo-se ao período durante o qual um homossexual ou um bissexual pode ser impedido de dar sangue. “Se vai ficar cinco anos, um ano, seis meses, isso não sei dizer, depende do grupo”, acrescentou.

Em Portugal, atualmente, está definido como fator de exclusão para a dádiva de sangue “ser homem que tem sexo com homens” – ou seja, qualquer homem que se apresente num serviço de recolha de sangue só é aceite se declarar que nunca teve quaisquer contactos sexuais com outros homens.

No Reino Unido, desde 2011 que os homo e bissexuais são autorizados a dar sangue, desde que estejam pelo menos 12 meses sem praticar sexo anal, com ou sem preservativo.

A questão foi debatida em abril, no Parlamento, com grupos parlamentares a acusarem o IPTS de discriminação. “A categoria ‘homens que têm sexo com homens’ é uma categoria preconceituosa e é absurda do ponto de vista da avaliação do risco. Primeiro presume que um homem que faz sexo com homens faz sempre sexo anal. Depois não considera o fator da desproteção. O fator de risco são as práticas sexuais desprotegidas“, defendeu na altura José Soeiro, deputado do Bloco de Esquerda.

Hélder Trindade respondeu frisando que o “IPST não tem preconceitos” e que debate estes assuntos com um olhar “técnico e científico”.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Guardas da Revolução do Irão prometem vingar morte do general Soleimani

O chefe dos Guardas da Revolução, o exército ideológico do Irão, garantiu hoje que a morte do general Qassem Soleimani, alvo de um raide aéreo dos Estados Unidos, será vingada em “todos os seus implicados”. “Senhor …

"O mundo está no momento mais perigoso da história humana", diz Noam Chomsky

O professor norte-americano Noam Chomsky, conhecido como o pai da linguística moderna, advertiu que o mundo está no momento mais perigoso da história da humanidade devido à crise climática, à ameaça de guerra nuclear e …

Portugal com 849 novas infecções por covid-19. Há 20.722 casos activos

Portugal registou 849 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, mantendo-se a tendência de subida verificada nos dias anteriores. Mas o número de pacientes recuperados também não era tão alto desde Julho. O boletim da …

A Grândola Vila Morena abafou "a maior marcha alguma vez vista" do Chega

Com a Praça do Giraldo, em Évora, dividida por barreiras anti-motim, os participantes da concentração "Pela Liberdade" receberam os apoiantes do Chega de André Ventura ao som de "Grândola Vila Morena" e empunhando cravos vermelhos …

Pandemia assola Irão. EUA com mais 888 mortos. 19 países europeus bateram recorde de casos

Naquele que é o número mais elevado de casos diários desde abril, a Alemanha registou 2.297 novos contágios, 19 países europeus já ultrapassaram o recorde de casos do pico da pandemia. O Irão ultrapassou as …

Rangel "é um turista do carago". SMS atestam que Vieira usou Benfica em "benefício pessoal"

Luís Filipe Vieira é um dos acusados da Operação Lex, com o Ministério Público (MP) a alegar que o presidente do Benfica utilizou o clube em "benefício pessoal" para obter uma cunha do juiz Rui Rangel. O …

Farmácias em risco de não ter vacinas da gripe para tantos pedidos

As farmácias privadas receiam não ter doses suficientes de vacina contra a gripe para dar resposta a todos os pedidos. As encomendas da vacina já sãocinco vezes mais do que as registadas em 2019. A preocupação …

É responsabilidade a mais. Médicos não querem integrar Brigadas Rápidas dos lares

Está a ser difícil contratar médicos para as Brigadas de Intervenção Rápida dos lares que foram anunciadas pelo Governo. Mesmo a receberem acima da tabela de pagamentos, os médicos receiam a falta de condições e …

Restrições a turistas suavizadas. Finlândia tenta salvar a Lapónia (e a época de inverno)

A Finlândia, que vê o turismo estrangeiro em perigo na Lapónia, permite a partir de hoje a entrada de turistas de cerca de vinte países sem terem de fazer quarentena. As medidas surgem numa altura em …

"Foi uma vergonha". PS em choque com saída de Jamila e com o poder de Temido

A saída de Jamila Madeira do cargo de secretária de Estado Adjunta e da Saúde, a pedido da ministra Marta Temido, deixou alguns socialistas "arrepiados" e há um desconforto interno com a situação. É mais …