Instituto do Sangue abre a porta à dádiva de sangue por homossexuais

Tânia Rêgo / ABr

-

O Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST) prepara-se para rever os critérios da dádiva de sangue e deverá alterar a política que proíbe homossexuais e bissexuais de fazer dádivas.

De acordo com o Público, a versão definitiva do relatório do grupo de trabalho do IPST ainda não está concluída, mas o texto final já foi genericamente aprovado na semana passada e deverá recomendar a exclusão temporária dos homossexuais e bissexuais das listas de dadores.

A recomendação poderá depois ser aceite ou não pelo Ministério da Saúde, que receberá porteriormente a versão definitiva do relatório, que deverá ser redigida nos próximos dias.

O teor do texto aprovado pelos sete membros do grupo de trabalho ainda não é conhecido, mas o presidente do conselho diretivo do IPST, Hélder Trindade, já tinha admitido, num debate promovido a 23 de junho pela Ordem dos Médicos, em Lisboa, o presidente do conselho directivo do IPST já tinha desvendado o sentido das recomendações, que as recomendações deveriam ser alteradas no sentido de alterar a política que proíbe a doação da parte de homossexuais e bissexuais.

“Portugal vai com certeza mudar, assim que tivermos os resultados do grupo de trabalho”, declarou Hélder Trindade, referindo-se ao período durante o qual um homossexual ou um bissexual pode ser impedido de dar sangue. “Se vai ficar cinco anos, um ano, seis meses, isso não sei dizer, depende do grupo”, acrescentou.

Em Portugal, atualmente, está definido como fator de exclusão para a dádiva de sangue “ser homem que tem sexo com homens” – ou seja, qualquer homem que se apresente num serviço de recolha de sangue só é aceite se declarar que nunca teve quaisquer contactos sexuais com outros homens.

No Reino Unido, desde 2011 que os homo e bissexuais são autorizados a dar sangue, desde que estejam pelo menos 12 meses sem praticar sexo anal, com ou sem preservativo.

A questão foi debatida em abril, no Parlamento, com grupos parlamentares a acusarem o IPTS de discriminação. “A categoria ‘homens que têm sexo com homens’ é uma categoria preconceituosa e é absurda do ponto de vista da avaliação do risco. Primeiro presume que um homem que faz sexo com homens faz sempre sexo anal. Depois não considera o fator da desproteção. O fator de risco são as práticas sexuais desprotegidas“, defendeu na altura José Soeiro, deputado do Bloco de Esquerda.

Hélder Trindade respondeu frisando que o “IPST não tem preconceitos” e que debate estes assuntos com um olhar “técnico e científico”.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas descobrem como a água é regenerada nos asteróides

Uma equipa de cientistas descobriu como as moléculas de água podem ser regeneradas nos asteróides que se deslocam pelo Espaço, num avanço emocionante que pode estender-se a outros corpos como a Lua. A nova investigação, publicada …

Foguete impresso em 3D está quase pronto para a sua primeira missão no Espaço

A Relativity Space é uma empresa que pretende lançar em órbita o primeiro foguete imprimido a 3D. A startup diz que já recolheu o financiamento necessário para a sua primeira missão. Com uma visão inovadora, a …

Casaco e guitarra de Kurt Cobain vão a leilão (e valem milhares de euros)

O casaco que o líder dos Nirvana usou no lendário concerto MTV Unplugged in New York vai ser leiloado, com um preço de venda estimado em 270 mil euros. Uma guitarra de Cobain pode ficar …

"50 sombras" da Idade Média. Páginas censuradas de um livro francês encontradas nos EUA

As páginas de um romance medieval foram descobertas nos arquivos da Diocese de Worcester, no estado norte-americano de Massachusetts.  Investigadores descobriram uma versão perdida de um romance medieval, que contém cenas eróticas. O poema francês - …

A tecnologia usada na Bitcoin também está a ser usada para encontrar o amor

Várias dating apps (aplicações de encontros) estão a recorrer ao blockchain para que os seus utilizadores possam encontrar a cara-metade de uma forma mais segura e transparente. O Tinder é provavelmente a dating app mais usada …

Elon Musk quer enviar passageiros para o Espaço já no próximo ano

O bilionário Elon Musk, também fundador da fabricante de automóveis elétricos Tesla, fez um anúncio surpreendente: quer que pôr passageiros no Espaço já em 2020. “Isto pode soar totalmente louco, mas queremos tentar entrar em órbita …

Cientistas reverteram principal sintoma da esquizofrenia em camundongos

Um medicamento que está atualmente a ser desenvolvido para tratar a leucemia reverteu (em camundongos) um sintoma de esquizofrenia anteriormente intratável: o enfraquecimento da memória de trabalho. A memória de trabalho é um processo cerebral fundamental usado …

Para as criaturas marinhas, as doenças infecciosas são a sentinela da mudança

Uma recente investigação analisou as mudanças nas doenças relatadas em espécies submarinas num período de 44 anos. A conclusão não surpreende: a saúde dos oceanos está a piorar a passos largos. A compreensão das tendências oceânicas …

Solidariedade e ambiente. Nos EUA, já é possível doar as suas peças Lego

Nunca somos demasiado velhos para brincar com peças Lego. No entanto, se estiver a ficar sem espaço para as arrumar e estiver à procura de uma forma de garantir que os seus blocos acabam em …

Eis os primeiros smartphones pensados e fabricados em África

https://vimeo.com/365789486 No Ruanda nasceram os primeiros rebentos do grupo Mara, que anunciou o lançamento dos seus dois primeiros smartphones. São os primeiros a serem totalmente fabricados em África. Estes são os dois primeiros smartphones totalmente fabricados em …