Indonésia passa Brasil como maior desflorestador do mundo

Aulia Erlangga / Center for International Forestry Research

Desmatamento ena ilha de Sumatra, na Indonésia

Desflorestação ena ilha de Sumatra, na Indonésia

A Indonésia passou o Brasil e tornando-se o maior desflorestador do mundo, com quase o dobro da destruição de florestas em 2012, de acordo com um artigo publicado na revista Nature Climate Change.

O artigo revela que o arquipélago indonésio perdeu quase o dobro (840 mil hectares) de massa florestal em relação ao Brasil (460 mil hectares) em 2012, último ano com dados.

A investigadora Belinda Arunarwati Margono, que faz parte do grupo autor do estudo, explicou à agência EFE que o mais preocupante é que a alarmante desflorestação da Indonésia afeta as florestas primárias, massas florestais virgens que são o habitat de inúmeras espécies animais em vias de extinção, tais como tigres, rinocerontes asiáticos e orangotangos.

Margono afirmou que apesar de o Governo indonésio ter aprovado uma moratória em 2011 com a intenção de limitar o abate de florestas nativas, na realidade a medida apenas protege as florestas menos afetadas pelo homem, enquanto deixa outras sem proteção.

“Por esse motivo dividimos as florestas em duas classes na nossa investigação: as que nunca foram alteradas e as que em algum momento sofreram perturbações devido à atividade humana”, explicou.

Margono declarou que os investigadores descobriram que 98% das florestas primárias abatidas registaram-se na categoria não abrangida pela moratória, causando uma notável perda de habitats de fauna protegida, enquanto libertou também enormes quantidades de dióxido de carbono para a atmosfera.

Indonésia perdeu área florestal do tamanho de Portugal

O estudo, que se intitula “A perda de cobertura florestal primária na Indonésia entre 2000-2012”, foi realizado por um grupo de investigadores da Universidade de Maryland, nos EUA, e do World Resource Institute com acesso a dados do Ministério da Administração Florestal da Indonésia.

Segundo os cientistas, desde o início do século a Indonésia perdeu pelo menos 15,79 milhões de hectares de massa florestal, maior que a área de Portugal continental.

Enquanto no período 2000-2012 a área florestal perdida na Amazónia brasileira caiu uma média anual de 113.800 hectares, na Indonésia o valor aumentou 47.600 hectares todos os anos, um avanço motivado especialmente pela indústria papeleira e de óleo de palma.

Segundo Margono, os resultados do estudo em ilhas como Sumatra, onde 70% das suas florestas foram alteradas ou abatidas, devem servir de advertência para outras zonas do país com menor nível de abate.

“Sumatra é no que se irão converter as outras ilhas no futuro se continuar o uso intensivo das florestas. Seguem-se Kalimantan (Bornéu) e Papua que, se não fizerem nada, podem acabar da mesma maneira”, afirmou a investigadora, que durante sete anos compilou informação no Ministério da Administração Florestal indonésio.

A Indonésia tem uma das maiores áreas florestais do mundo, apenas atrás da Amazónia e do Congo, sendo que nas florestas indonésias se encontram 10% de todas as plantas do planeta, 12% dos mamíferos, 17% dos pássaros e 16% dos anfíbios-répteis.

Ao mesmo tempo, o país é o maior produtor de óleo de palma do mundo e um dos maiores produtores de papel e madeira, indústrias que com a desflorestação contribuem para que a Indonésia seja o terceiro maior emissor de dióxido de carbono do mundo.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Vulcão, La Palma

O Cumbre Vieja também tem negacionistas. "É tudo orquestrado"

Nos últimos dias, as redes sociais têm-se tornado o palco dos "negacionistas dos vulcões" que defendem que, por trás da erupção do Cumbre Vieja, há mão humana. Nas redes sociais já há negacionistas do vulcão Cumbre …

Selecção da Lituânia falhou os Mundiais porque...chegou atrasada

Per Strand venceu, António Morgado ficou em sexto, mas os ciclistas da Lituânia acabaram por marcar a prova de estrada de juniores, nos Mundiais em Flandres. Per Strand Hagenes é o novo campeão mundial júnior de …

Gil Vicente 1-2 Porto | Dragão canta de galo com dois golaços

Foi sofrer até ao fim. Sérgio Conceição tinha alertado que não seria fácil bater o Gil Vicente e foi isso que ocorreu na noite desta sexta-feira em Barcelos. O FC Porto apenas a um minuto dos …

Na II Guerra Mundial, um erro "humilhante" destruiu dois imponentes navios de guerra da Marinha Real

No dia 10 de dezembro de 1941, os japoneses afundaram os imponentes Prince of Wales e Repulse. A culpa foi do almirante Thomas Phillips que, na sequência de um "erro humilhante", acabou também por falecer. Winston …

O robô Atlas, da Boston Dynamics, faz parkour (e até dá um mortal para trás)

O Atlas é, sobretudo, um projeto de investigação: um robô que ajuda os engenheiros da Boston Dynamics a trabalhar em melhores sistemas de controlo e perceção. O parkour é um verdadeiro desafio para os seres humanos, …

Na Tailândia, um "cemitério" de táxis foi transformado numa horta sobre rodas

Desde pimentos a pepinos, beringelas e até mangericão. Num parque de estacionamento ao ar livre em Banguecoque, os táxis abandonados transformam-se em hortas para alimentar os trabalhadores. A pandemia de covid-19 obrigou os táxis de Banguecoque …

Morreu o "último nazi" canadiano, aos 97 anos

Um ucraniano que serviu como tradutor no regime nazi morreu na quinta-feira na sua casa, em Ontário, no Canadá, encerrando uma luta de décadas para deportá-lo e acusá-lo de cúmplice no assassinato de dezenas de …

No Sri Lanka, elefantes traficados foram resgatados. Mas voltaram às pessoas que os compraram ilegalmente

Um tribunal do Sri Lanka devolveu elefantes resgatados a pessoas influentes que foram acusadas de os terem comprado ilegalmente. Durante alguns anos, elefantes selvagens permaneceram na corda bamba de uma intensa batalha de custódia judicial entre …

Sporting 1-0 Marítimo | Porro volta a decidir de penálti

Que sofrimento! É normal ver os “grandes” dominarem por completo os seus adversários, mas nesta partida entre Sporting e Marítimo, em Alvalade, praticamente só houve uma equipa a atacar e a procurar o golo. Ainda assim, …

A falhar pagamentos e com 260 mil milhões de dívida - como é que a Evergrande chegou até aqui?

A situação da imobiliária chinesa Evergrande, que tem uma dívida maior do que a economia portuguesa, está a deixar o mundo ansioso sobre uma eventual repetição da história da crise de 2008, que começou com …