Explosão de comboio faz pelo menos 5 mortos na Bulgária

STR / EPA

-

Pelo menos cinco pessoas morreram e 23 ficaram feridas numa explosão num comboio que transportava tanques de gás e que descarrilou hoje na gare de Hitrino, no nordeste da Bulgária.

Cerca de 20 habitações foram atingidas pela explosão, segundo as autoridades. Uma parte dos 800 habitantes da localidade foram retirados de suas casas.

De acordo com o diretor da Defesa Civil, Nikolay Nikolov, os bombeiros ainda procuram resgatar sobreviventes. “A explosão também causou um incêndio, uma segunda explosão, mas as pessoas da aldeia estão a ser retiradas, disse o chefe de segurança contra incêndios e defesa da polícia, citado pela Reuters.

Cerca de 150 bombeiros foram mobilizados para apagar as chamas do incêndio e resgatar os sobreviventes nos edifícios próximos da estação.

Pelo menos três dos feridos estão em estado grave, segundo a agência Reuters, pelo que o número de vítimas mortais poderá vir a aumentar nas próximas horas, admitiu o primeiro-ministro búlgaro, Boiko Borisov, à chegada ao local, a cerca de 280 quilómetros da cidade de Sofia, capital da Bulgária.

Sete dos tanques do comboio descarrilaram e explodiram depois de atingir as linhas de transporte de eletricidade. A polícia está já a investigar as causas do acidente.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Sem padrinhos, nem donos". Líder da JP levanta congresso centrista

O candidato à liderança do CDS Francisco Rodrigues dos Santos arrancou este sábado no congresso centrista, que está a decorrer em Aveiro, a maior ovação dos delegados, com um discurso inflamado, em defesa de um …

Quando chegaram à Europa pela primeira vez, as batatas eram "hereges"

Os espanhóis foram os primeiros europeus a encontrar batatas na América do Sul nos anos 1530. Porém, quando foram trazidas para o Velho Continente, não foram bem recebidas por todos. Depois de terem sido encontradas pelos …

Ano vai ser "inevitavelmente" de contestação social, avisa CGTP

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, disse esta sexta-feira que este ano vai ser “inevitavelmente” de contestação social se o Governo e as empresas continuarem a insistir num modelo de baixos salários. O líder da intersindical …

Maior ameaça ao crescimento português vem de Espanha

Diz o ditado popular que de Espanha nem bom vento, nem bom casamento. Mas, na verdade, o crescimento económico do país vizinho tem contribuído para puxar pela economia portuguesa. Agora, quando se prevê um abrandamento …

Cabo Verde esteve sem Internet durante 24 horas

O arquipélago de Cabo Verde voltou a ter acesso à Internet na tarde desta sexta-feira, cerca de 24 horas depois de uma instabilidade provocada por falhas no fornecedor internacional do serviço. O país tinha ficado sem …

Ventura em operação de charme no Porto depois de um atraso muito criticado no Parlamento

O deputado André Ventura, eleito pelo Chega, tem agendada para este sábado uma verdadeira operação de charme no Porto, com encontros com o presidente da Associação Comercial do Porto e com apoiantes do partido. Iniciativas …

Assistente social acusada de maltratar 14 crianças em centro de acolhimento

O Ministério Público (MP) acusa uma mulher de 46 anos, que era assistente social e diretora técnica de um centro de acolhimento na Maia, no distrito do Porto, de maltratar 14 crianças nesta instituição. De …

Marcelo não vê razão de preocupação com empresas portuguesas de Isabel dos Santos

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse esta sexta-feira ter sinais de que não há razão para preocupação nos setores económicos e empresas portuguesas nas quais a Isabel dos Santos está a vender …

Mina de lítio em Montalegre. "Impactes negativos minimizáveis” e 370 empregos

O Estudo de Impacte Ambiental (EIA) da concessão de exploração de lítio, em Montalegre, conclui que o projeto possui “impactes negativos” que, no entanto, “não são significativos”, “são minimizáveis” e de “abrangência local”. O EIA do …

Cristas faz o mea culpa e abandona o congresso. Corrida à sucessão faz-se a cinco

O 28.º congresso nacional do CDS arrancou este no Parque de Feiras e Exposições de Aveiro com o discurso da líder demissionária Assunção Cristas, que fez uma espécie de mea culpa e agradeceu aos centristas …