Ex-agente da CIA abandona Itália por temer pela vida

A antiga agente da CIA Sabrina de Sousa abandonou Itália, onde se encontrava a cumprir uma pena de trabalho comunitário, por temer pela vida. Vai regressar aos Estados Unidos.

Em declarações ao jornal italiano Corriere Della Sera, a ex-espia, que tem nacionalidade portuguesa e norte-americana, afirmou que decidiu sair de Itália depois do Secretário de Estado Mike Pompeo e a diretora da CIA Gina Haspel terem ido a Roma numa visita oficial este mês.

“Fiquei aterrorizada pelas consequências que poderia enfrentar. A chegada de Haspel a Itália veio confirmar ao Governo italiano que a Administração norte-americana lavou as mãos no meu caso. A última vez que um diretor da CIA, John Brennan, visitou Portugal, acabei na prisão”, afirmou ao jornal italiano.

Sabrina de Sousa declarou ainda que deverá fazer novas revelações no seu caso dadas as recentes alterações do chamado Whistleblower Act – a lei norte-americana que permite, segundo explica o semanário Expresso, a proteção de denunciantes que expõem informações secretas.

Em 2017, uma juíza concedeu a Sabrina de Sousa a liberdade condicional para substituir a prisão onde ela deveria permanecer por três anos. Agora, alguns meses depois, a ex-espia preferiu violar as suas obrigações e regressar aos Estados Unidos. A Itália poderá pedir a sua prisão nos Estados Unidos e a subsequente extradição.

Sabrina de Sousa cumpria uma pena de trabalho a favor da comunidade, pelo rapto do clérigo radical islâmico Abu Omar, em 2003. Foi a única operacional da CIA condenada no caso.

A ex-agente da CIA, detida em 2015 em Portugal ao abrigo de um pedido de extradição para Itália, foi libertada em março de 2017 por decisão do Tribunal da Relação de Lisboa, após o Presidente italiano, Sergio Mattarella, ter concedido um perdão de um ano à pena de quatro anos de prisão aplicada a Sabrina de Sousa, em julgamento à revelia, pelo rapto do clérico radical.

O Tribunal da Relação de Lisboa determinou que Sabrina de Sousa fosse “colocada imediatamente em liberdade”, por solicitação das autoridades transalpinas, uma vez que, pela lei italiana, as penas até três anos podem ser substituídas por trabalho a favor da comunidade.

A diminuição da pena de prisão levou o procurador de Milão, titular do processo de Sabrina de Sousa, a revogar o Mandado de Detenção Europeu, cancelando a extradição da ex-agente da CIA.

ZAP //

 

 

PARTILHAR

RESPONDER

Homem na casa dos 20 anos morre de peste no Novo México

Um homem na casa dos 20 anos morreu de peste septicémica no estado norte-americano do Novo México, anunciaram as autoridades de saúde deste estado. A vítima, cuja identidade não foi revelada publicamente, viva em Rio …

Cara do pintor italiano Rafael reconstruida para resolver mistério do seu túmulo

Uma equipa de especialistas fez uma reconstrução em 3D da cara do pintor italiano renascentista Rafael. Assim, confirmaram o seu aspeto físico e resolveram o mistério relativamente ao seu túmulo. O rosto do pintor italiano Rafael …

Novo método não-invasivo permite diagnosticar cancro cerebral sem fazer incisões

Diagnosticar tumores cerebrais pode ser difícil e muito invasivo. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu um método para detetar cancro no cérebro sem ser necessária qualquer incisão. Os tumores cerebrais são normalmente diagnosticados através de imagens …

A última plataforma de gelo intacta do Canadá colapsou. Criou um icebergue maior do que o Porto

A plataforma de gelo Milne, no Canadá, fragmentou-se no final do mês de julho, formando vários icebergues, dois dos quais de grandes dimensões. Cientistas ouvidos pela agência noticiosa AP referem que esta era uma plataforma especial, …

Ícones da moda de luto: a indústria fashion nunca mais será a mesma

Muitas são as áreas da economia a ser gravemente afetadas pela pandemia de covid-19. A indústria da moda não foge à tendência e já são muitos os líderes de grandes marcas a "declarar morte" à …

Covid-19: Cigarros eletrónicos aumentam riscos de infeção em cinco a sete vezes para jovens

O risco de contrair covid-19 entre adolescentes e jovens adultos que fumam cigarros eletrónicos é cinco a sete vezes superior, segundo um estudo liderado pela faculdade de Medicina da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos. O …

Apenas 10% da população escreve com a mão esquerda. Cientistas lutam para explicar porquê

Em praticamente qualquer lugar do globo, apenas 10% das pessoas são canhotas, isto é, têm maior habilidade com o lado esquerdo do corpo, especialmente com a mão, comparativamente com o lado direito. Os cientistas tentam há …

Para reavivar o turismo, esta pequena cidade está a contar com a ajuda dos "vampiros"

A pequena cidade de Forks, em Washington, nos Estados Unidos, é lar de 3.600 pessoas, cujos meios de subsistência nos últimos 15 anos foram impulsionados por uma indústria do turismo alimentada por "Crepúsculo", a série …

Tim Cook acaba de se juntar ao clube dos milionário à boleia de recorde histórico da Apple

O diretor-executivo (CEO) da Apple, Tim Cook, acaba de se juntar à lista de multimilionários do mundo, depois de a gigante tecnológica norte-americana atingir um valor de mercado histórico. De acordo com os cálculos da …

Cientistas calculam probabilidade de contágio ao viajar de comboio

Investigadores da Universidade de Southampton, no Reino Unido, calcularam a probabilidade de contrair covid-19 ao viajar numa carruagem de comboio com uma pessoa infetada. Em colaboração com a Academia Chinesa de Ciências, a Academia Chinesa de …