Energia escura pode ser razão pela qual o tempo não anda para trás

É uma daquelas coisas que sabemos quase instintivamente – o tempo anda para frente e nunca para trás. Mas porque será que o tempo anda sempre numa direção, e não na outra?

Esta simples pergunta continua a incomodar os físicos. Afinal, existem certos processos físicos que são, na verdade, reversíveis no tempo – esses processos parecem iguais, independentemente do modo como são executados.

Por exemplo, a gravidade opera da mesma maneira, independentemente da seta do tempo: um planeta vai orbitar uma estrela exatamente da mesma maneira, apenas com a direção daquela órbita invertida.

Mas há um aspeto do Universo que depende da direção da seta do tempo: a Segunda Lei da Termodinâmica, que afirma que a desordem de um sistema fechado (como o nosso Universo) deve aumentar, nunca diminuir.

Tal situação é normalmente chamada de “entropia”, e é por esta razão que os ovos partidos não podem ser reconstruidos e algo que esteja morto não pode, simplesmente, ressuscitar.

A Segunda Lei da Termodinâmica, ou segundo princípio da termodinâmica expressa que a quantidade de entropia de qualquer sistema isolado termodinamicamente tende a incrementar-se com o tempo, até alcançar um valor máximo. in: Wikipedia

Sistemas complexos, como as estrelas, os planetas e os seres humanos podem surgir localmente, mas requerem uma quantidade excessiva de energia para serem criados, o que só aumenta a entropia geral do sistema.

É por isso que a Segunda Lei da Termodinâmica é universalmente reconhecida como o mecanismo que dá direccionalidade ao tempo – mas entender o “como” de algo, não é o mesmo que entender o porquê.

Ligação entre energia escura e a Segunda Lei da Termodinâmica

Para compreender as origens da Seta do Tempo, dois físicos arménios, Armen Allahverdyan e Vahagn Gurzadyan, decidiram procurar uma ligação entre a chamada “energia escura” e a Segunda Lei da Termodinâmica.

A energia escura é uma substância misteriosa que é proposta como uma explicação para o facto de o Universo estar a expandir, em vez de desacelerar e desmoronar – como a nossa atual compreensão da gravidade diz que deveria acontecer.

Os cientistas realizaram uma simulação para testar como é que a órbita de um planeta mudaria, caso a energia escura estivesse ausente, ou presente, como no nosso próprio Universo.

O que os especialistas descobriram foi, no mínimo, intrigante: se a energia escura está ausente, ou se a gravidade mantém o espaço unido, um planeta orbita a sua estrela da mesma forma, independentemente de o tempo andar “para a frente” ou “para trás”.

Mas, se a energia escura mantém o espaço, eventualmente, durante imensas escalas de tempo, o planeta é atirado para longe da estrela.

O que significa que há uma direção temporal quando a energia escura é introduzida: numa direção, vemos um planeta a escapar da gravidade de uma estrela; na outra, um planeta é capturado por uma estrela e transforma-se numa parte do seu sistema.

Por enquanto, não há nada absolutamente conclusivo sobre o estudo, que foi publicado na revista Physical Review.

Os autores não estão a afirmar que a energia escura é responsável pela seta do tempo. Mas há algo sugestivo sobre o assunto – que a Segunda Lei da Termodinâmica e a energia escura podem ser duas facetas do mesmo fenómeno, alguma quantidade misteriosa do nosso Universo que transmite ou requer uma seta do tempo.

Então, da próxima vez que estiver atrasado, basta dizer que a culpa é da energia escura. Assim ninguém vai poder dizer que está errado.

ZAP / Hypescience

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. “o tempo anda para frente e nunca para trás. Mas porque será que o tempo anda sempre numa direção, e não na outra?” –
    O tempo linear é uma GRANDE ilusão humana.
    O tempo apenas é. Sempre no agora. Existem ainda os conceitos de espaço/tempo e tempo/espaço, duas coisas completamente diferentes e que, se souberem o seu significado, comseguem perceber muita coisa.
    Esses cientistas mainstream ainda têm que aprender muito com a física quântica alternativa…

  2. Realmente a falta de conhecinentos cientificos espelha-se muito nos media não espevializados e de referencia! Ninguém está isento de errar mas há muitos atirados por aí bem evitáveis.
    O tempo é um valor variável nas equações que descrevem o movimento, ou seja uma medida relativamente a um padrão de referencia estabelecido como seja a velocidade de propagação da luz no vazio.
    Esta velocidade considerada constante em termos de um dado observador têm contudo implicações curiosasdecorrentes das equações e constatações que ocorrem por efeitos da interação da gravidade no conceito relativistico do edpaçoo tempo.
    Ou seja se aumentarmos a gravidade por efeitos da atracção de massas ou mesmo por aceleração ocorre o fenomeno da compressão espacial ou do tempo encurtanto as dimensões geometricas e atrazando todos os fenomenos conhevidos como se o tempo decorresse mais lentamente. Este fenómeno ocorre e é perceptivel nod relógios de akta precisão dos engenhos espaciais quer pela alteração dos efeitos graviticos quer pelas acelerações suportadas fenómeno perfeitamente de acordo com as equações da t. Da relatividade.
    Junto a objectos imensamente massivos o tempo parece a um observador fora que está quase parado!
    Etc. Muito haveria a dizer para que quem não se debruçou sobre isto entebda melhor as peculiaridades do universo.

RESPONDER

Bruno Fernandes critica horário tardio dos jogos do campeonato

No final da partida com o SC Braga, Bruno Fernandes falou aos jornalistas e aproveitou para criticar o horário tardio de alguns jogos do campeonato. A partida começou às 21h. Este domingo, 12 jogos depois, o …

Protesto em Hong Kong juntou mais de 1,7 milhões de manifestantes

Mais de 1,7 milhões de pessoas manifestaram-se no domingo, em Hong Kong, informou o movimento pró-democracia que tem liderado os grandes protestos contra a lei da extradição, desde o início de junho. Em conferência de imprensa, …

Medvedev entra no top 5 mundial do ténis. Pedro Sousa sobe 23 lugares

Medvedev, de 23 anos, que nunca tinha vencido um torneio de categoria Masters 1000, subiu três posições e figura pela primeira vez entre os cinco primeiros da tabela. O russo Daniil Medvedev, vencedor do torneio Masters …

Só 2% das escolas em Portugal têm desfibrilhadores

Apenas 129 dos 5.909 estabelecimentos de ensino em Portugal têm desfibrilhadores automáticos externos (DAE), o que representa 2,1%. Os dados recolhidos pelo Jornal de Notícias são do INEM, que assegura ainda que nas comunidades escolares existem …

Cerca de oito mil pessoas retiradas da Grã Canária devido a incêndio

Cerca de oito mil pessoas foram retiradas das suas casas em várias cidades no norte da Grã Canária na sequência do incêndio florestal que lavra desde sábado naquela ilha espanhola. De acordo com a agência de …

Guerra aberta no PSD/Porto. Líder local desafiado a demitir-se

Hugo Neto escreveu mensagem dura contra Rui Rio e agora recebeu uma carta de militantes do Porto pedindo-lhe que se demita, acusado de falta de "caráter, lealdade, responsabilidade e espírito de serviço". "Expostos os motivos pessoais, …

SNMMP promete greve cirúrgica caso acordo com a Antram falhe

Caso as negociações entre o SNMMP e a Antram falhem, o sindicato poderá voltar a fazer greve. Rui Rio acusou o Governo de montar "um circo com fins eleitorais". Depois de no domingo o Sindicato Nacional …

Taxa das bebidas açucaradas subiu preços (mas não reduziu hábitos de consumo)

Apesar dos aumentos de preço impostos aos refrigerantes, devido à taxa introduzida pelo Governo em 2017, não foram registadas menos vendas. O objetivo da medida, que pretendia incentivar a redução do consumo de bebidas açucaradas, parece …

Caos, fronteiras fechadas e falta de combustível, comida e medicamentos. Eis os efeitos do Brexit sem acordo

Documentos oficiais divulgados este domingo pelo jornal Sunday Times alertam que uma saída do Reino Unido da União Europeia (UE) sem acordo vai implicar um período de escassez de combustível, alimentos e medicamentos e o …

A NASA já escolheu os lugares de pouso no “Asteróide do Apocalipse”

Depois de mais de oito meses a explorar o asteróide Bennu, também conhecido como o "Asteróide do Apocalipse", a NASA já escolheu quatro áreas na sua superfície onde a nave espacial da missão OSIRIS-REx irá …