Emigrantes portugueses na Suíça vivem mais tempo que os suíços

Um demógrafo da Universidade de Genebra concluiu que os emigrantes portugueses na Suíça vivem mais tempo que os suíços, numa investigação sobre a esperança de vida dos migrantes.

“Os Portugueses residentes na Suíça tinham uma esperança de vida de 78,9 anos para os homens e 82,8 anos para as mulheres em 2000, contra 76,9 anos para os homens suíços e 82,5 anos para as mulheres suíças”, disse à Lusa Jonathan Zufferey, investigador do centro de investigação LIVES e autor da tese, “Porque os migrantes vivem mais tempo?“.

De acordo com Jonathan Zufferey, as comunidades portuguesa, turca e de cidadãos da ex-Jugoslávia, gozam de maior longevidade em comparação com os Suíços.

“É um paradoxo no sentido em que os estrangeiros na Suíça ocupam posições inferiores na escala social, o que constitui um dos principais indicadores na questão da mortalidade”, disse o investigador.

Segundo o demógrafo, a taxa de mortalidade dos portugueses é 10% inferior à dos Suíços entre os 25 e 79 anos, mas atinge 65% quando se toma em conta as dimensões sociais.

Jonathan Zufferey sublinhou que este tipo de resultado já foi observado em outros países ocidentais como nos Estados Unidos, onde a comunidade hispânica tem uma esperança de vida maior.

Para o demógrafo, vários factores podem explicar este fenómeno. “Os mais fortes migram e os com menos saúde tendem a voltar para o país de origem se não podem trabalhar ou estar com a família”, disse.

Zufferey acrescenta que factores culturais e factores adquiridos durante o processo de migração também influem sobre a longevidade, como o facto de haver mais ambição e ser mais combativo.

O estudo do investigador foi realizado a partir de dados do recenseamento do ano 2000 e de registos de óbito entre 2000 e 2008. O estudo não inclui estatísticas sobre os requerentes de asilo e os trabalhadores clandestinos.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Blá blá blá". Greta Thunberg acusa líderes mundiais de não cumprirem com as promessas climáticas

Ativista considera que os anúncios feitos pelos líderes mundiais não passam de bonitas intenções que, na prática, não se traduzem em ações com verdadeiro impacto na luta contra as alterações climáticas. Greta Thunberg acusou os líderes …

Mulher com síndrome de Down perde ação judicial contra a lei do aborto no Reino Unido

Na semana passada, uma mulher com síndrome de Down perdeu uma ação judicial contra o governo britânico por causa de uma lei que permite o aborto até ao fim da gestação de fetos que poderão …

Tribunal condena corticeira da Feira por despedir trabalhadora que denunciou assédio

A corticeira Fernando Couto foi condenada pelo Tribunal da Feira a pagar uma coima de cerca de 11 mil euros por ter despedido a operária Cristina Tavares, após esta ter denunciado ser vítima de assédio …

Dupla de cientistas apresenta uma nova abordagem para reciclar plástico

Um novo estudo oferece uma abordagem totalmente nova para reciclar plástico, tendo sido inspirada na forma como a natureza naturalmente "recicla" os componentes dos polímeros orgânicos presentes no ambiente. As proteínas são um dos principais compostos …

Edição de 2021 da Web Summit recebe 40 mil participantes. Moedas como presidente não será problema

Evento, que se realiza entre 1 e 4 de Novembro, volta a decorrer em formato presencial depois de em 2020 a pandemia ter transferido as atividades para o ambiente digital. O presidente executivo da Web Summit, …

Alunos carenciados com desempenho inferior aos dos mais favorecidos

Mesmo tendo acesso a meios digitais, o desempenho dos alunos carenciados foi sempre “inferior” aos dos seus colegas oriundos de meios mais favorecidos.  Segundo noticia o Público, esta é uma das principais conclusões a que chegou …

José Rendeiro condenado a três anos e seis meses de prisão efetiva

Embaixador jubilado Júlio Mascarenhas acusa o BPP de o ter convencido a investir num produto com juros e capital garantido num momento em que o banco já atravessava sérias dificuldades. O antigo presidente do Banco Privado …

Cantor R. Kelly declarado culpado por crime organizado e tráfico sexual

O cantor norte-americano R. Kelly foi esta segunda-feira declarado culpado por crime organizado e tráfico sexual, após um julgamento em Nova Iorque, nos Estados Unidos da América (EUA), que decorreu durante seis semanas, no qual …

"A FIFA engloba 211 países e 133 nunca estiveram num Mundial"

Arsène Wenger apresenta argumentos para defender a realização de um campeonato do mundo de dois em dois anos. O novo calendário FIFA continua a originar reacções e entrevistas. Arsène Wenger falou sobre as propostas - a …

Responsáveis do Lar do Comércio acusados por 67 crimes de maus tratos

O Ministério Público (MP) imputou 67 crimes de maus tratos, 17 deles agravados por resultarem em morte, a um ex-presidente e a uma diretora de serviços do Lar do Comércio, em Matosinhos. Num processo em que …