Descobertas provas de que a Torre de Babel realmente existiu

Pieter Bruegel the Elder / Wikimedia

Ilustração da construção da Torre de Babel

Há anos que os estudiosos bíblicos têm vindo a debater se a Torre de Babel realmente existiu. Agora, uma inscrição antiga feita numa pedra fornece uma prova notável a seu favor.

A história da Torre de Babel mencionada no Livro do Génesis da Bíblia diz respeito à comunicação entre os povos e fala sobre uma torre gigante que terá sido construída por descendentes de Noé após o Dilúvio, com a intenção de eternizar os seus nomes.

Naquela época, os humanos falavam uma só língua e usavam as mesmas palavras. Um grupo de pessoas, que migrava do Oriente, descobriu uma planície em Sinar, na Mesopotâmia, e ali decidiram construir uma torre que fosse tão alta que alcançasse o céu.

Mas, segundo a história bíblica, o Deus hebraico decidiu confundir-lhes as línguas para impedir que continuassem com a sua construção. A cidade recebeu o nome de “Babel”, que significa confusão em hebraico, porque foi lá que Deus dispersou os seres humanos para toda a terra.

Descoberta

No meio dos restos frágeis da famosa cidade de Babilónia, onde é atualmente o Iraque, há uma vasta estrutura que os registos históricos sugerem ter sido a Torre de Babel.

No entanto, não havia nada que comprovasse tal “lenda” – até que o especialista Andrew George, da Universidade de Londres, no Reino Unido, examinou uma pedra antiga e descobriu uma imagem que revela exatamente qual terá sido aparência da torre.

A pedra data do século 6 aC, e foi encontrada na Babilónia há um século – e a sua importância passou despercebida até hoje.

Andrew Dr. George analisou o artefacto e descobriu um relevo com o desenho de uma torre de degraus e uma figura humana com um bastão e um chapéu em forma de cone. De acordo com especialista, esta é uma forte prova de que a história bíblica da Torre de Babel foi inspirada por este edifício real.

Essa é a primeira vez que uma inscrição histórica confirma a visão que temos desta estrutura gigante, além de identificar o famoso rei Nabucodonosor II, que terá restaurado ou reconstruido uma torre com andares e uma grande escadaria, como se observa no desenho.

No topo do edifício, terá sido construído um local usado para observação das estrelas e realização de cerimónias religiosas.

Além do notável desenho, a pedra também descreve a construção da estrutura, revelando o envolvimento de toda a região – habitantes do “Mar Alto” (que seria o Mediterrâneo) ao “Mar Baixo” (que seria o Golfo Persa).

Segundo o investigador, as inscrições na pedra estão de acordo com a história que a Bíblia conta sobre a criação da torre, por isso é bastante provável que Babel tenha sido um edifício real e não apenas ficção.

PARTILHAR

RESPONDER

"Lesmas-leopardo" acasalam da forma mais espantosamente bizarra (e ninguém sabe porquê)

As "lesmas-leopardo" têm talvez o acasalamento mais intrigante e espantoso de todo o reino animal. Os biólogos ainda não conseguiram decifrar porque razão estes moluscos acasalam desta forma. Na escuridão da noite, duas grandes "lesmas-leopardo" começam …

Naufrágio romano com 2.000 anos encontrado na Grécia. É um dos maiores do Mar Mediterrâneo

Uma equipa de cientistas da Universidade de Patras, na Grécia, descobriu os vestígios de um navio romano que naufragou há cerca de 2.000 anos perto da ilha grega de Kefalonia, avança o Greek City Times.  …

Qual é o verdadeiro significado da vida? Um novo estudo pode ajudar com a resposta

Um novo estudo aponta que encontrar significado na nossa vida é algo positivo para a nossa saúde e bem-estar mental, mas o processo de procura tem o efeito contrário. Encontrar significado na nossa vida é uma …

A crise climática vista do Espaço. Vídeo da NASA revela degelo dos glaciares no Alasca

https://vimeo.com/379314673 Um vídeo publicado recentemente pela NASA mostra o derretimento dos glaciares do Alasca visto do Espaço. Algumas imagens revelam mudanças de quase 50 anos. O nosso planeta está a caminhar a passos largos para uma situação …

Ciência explica porque é que alguns cheiros desencadeiam memórias fortes

O cheirinho de pão acabado de sair do forno pode, por exemplo, funcionar como um portal do tempo, levando-nos de volta àquele pequeno café em Paris que visitámos há alguns anos. Os cheiros têm a capacidade …

Quase 40% dos americanos com dificuldades financeiras. Doar sangue é a sua maior receita

A economia dos Estados Unidos (EUA), considerada uma das maiores do mundo, permitiu avanços sociais e tecnológicos inestimáveis. Contudo, atualmente, cerca de 40% dos norte-americanos afirmam ter dificuldade em pagar por comida, por habitação, por …

"Políticos devem ser colocados contra a parede". Greta pede desculpa

A ativista do clima Greta Thunberg pediu desculpa por ter dito que os políticos devem ser colocados “contra a parede”, após diversas pessoas terem considerado que a jovem estava a defender a violência. A sueca de …

Carnaval belga retirado da lista de Património Imaterial da UNESCO após queixas de antissemitismo

As festas da cidade de Aalst, na Bélgica, foram retirada da lista do Património Imaterial da Humanidade, depois de a UNESCO ter sancionado a presença de carros carnavalescos contendo imagens antissemitas. O presidente da Câmara …

Conselho de Ministros aprova proposta de OE2020 (e foram quase 10 horas de reunião)

O Conselho de Ministros aprovou hoje a proposta de Orçamento do Estado para 2020, dez horas depois de a reunião extraordinária ter começado, anunciou hoje o primeiro-ministro na sua página na rede social Twitter. "O Conselho …

Nova espécie de baleia mostra como este animal evoluiu para conseguir nadar

Cientistas descobriram uma nova espécie de baleia, que existiu há 35 milhões de anos, que pode dar novas pistas sobre como as baleias evoluíram para conseguir nadar. De acordo com a revista Newsweek, os investigadores analisaram …