Descoberta passagem misteriosa debaixo do (estranho) palco do Teatro de Shakespeare

DR MOLA

Revelado palco do Teatro Curtain que acolheu companhia de Shakespeare.

Arqueólogos britânicos conseguiram desenterrar o palco do chamado Teatro de Shakespeare, em Londres, e não é nada como se pensava. Além da “estranha forma”, o palco ainda tem debaixo dele uma misteriosa passagem.

OMuseu de Arqueologia de Londres (MOLA) anuncia que, ao cabo de “escavações detalhadas de três meses”, há novos dados sobre o Teatro Curtain, localizado atrás de um pub de Londres, na zona conhecida como Shoreditch.

Este teatro, inaugurado em 1577, acolheu a companhia de William Shakespeare, entre 1597 e 1599, e terá sido o primeiro palco de peças históricas como “Henrique V” e “Romeu e Julieta”.

O MOLA trabalhou durante vários meses no local e agora que terminaram as escavações, anuncia que está confirmado que o “teatro rectangular foi construído propositadamente para performances e entretenimento”.

Numa nota no seu site, o MOLA também destaca a forma “estranha” do “palco rectangular“, “muito mais longo do que se esperava”, e com evidências de uma “passagem misteriosa” por baixo dele.

O palco teria 14 metros de comprimento e somente cinco metros de largura, o que constitui um formato único entre os teatros da mesma altura, do reinado da rainha Isabel I de Inglaterra (1558-1625).

A origem da “box office

“Esta descoberta excitante pode transformar a nossa compreensão da evolução dos teatros isabelinos”, aponta a arqueóloga do MOLA, Heather Knight, citada pelo site Heritage Daily.

Knight também destaca que o estranho formato do palco “levanta questões sobre a função do teatro e o tipo de entretenimento que pode lá ter sido encenado”, bem como se pode ter “influenciado peças como Henrique V e Romeu e Julieta”.

O que é certo é que o Teatro de Shakespeare foi “uma das primeiras casas de diversão isabelinas onde as pessoas pagavam de facto dinheiro para ver performances e ser entretidas”, destaca o MOLA.

DR MOLA

Vestígios de caixas cerâmicas de recolher dinheiro.

Vestígios de caixas cerâmicas para recolher dinheiro.

Os arqueólogos encontraram nas escavações “fragmentos de caixas de cerâmica” que eram usadas para recolher o dinheiro dos espectadores e depois levadas para um espaço para serem esmagadas, para contagem das moedas. “Este espaço era conhecido como box office, que é de facto a origem do termo que ainda hoje usamos”, salienta-se na nota do Museu.

Foram ainda encontrados frascos de beber e cachimbos de barro, contas de vidro e alfinetes que podem ter pertencido aos fatos dos actores, o que nos dá “um vislumbre dos bastidores”, sustenta o MOLA.

Muitos mistérios por resolver

As análises pós-escavação vão agora focar-se na “relação entre a estranha forma do palco, a produção e encenação e as misteriosas áreas de bastidores”, destaca o Museu.

“O nosso plano é fazer mais análise das descobertas em profundidade e mais pesquisa que possa trazer alguma luz a alguns destes mistérios“, aponta Heather Knight.

Os vestígios encontrados estão salvaguardados com “uma membrana protectora e um tipo especial de areia de pH neutro” enquanto decorrem as obras de construção do mega-empreendimento The Stage que vai incluir 400 apartamentos de luxo, vários quilómetros quadrados de escritórios, lojas de retalho e espaços de lazer, além de um centro cultural que vai ter em exibição as descobertas feitas no Teatro Curtain.

SV, ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Europeias: maior votação em 20 anos. PPE e socialistas juntos sem maioria

A taxa de participação nas eleições europeias, realizadas entre quinta-feira e hoje nos 28  Estados-membros da União Europeia, fixou-se nos 50,5%, a mais elevada dos últimos 20 anos e oito pontos acima do anterior sufrágio. Segundo …

Os anéis de Saturno estão a desaparecer (e a culpa é nossa)

Recentemente, um grupo de cientistas alertou que os anéis de Saturno podem vir a desaparecer devido às futuras explorações humanas.  Exploradores de asteróides e bilionários da tecnologia poderão roubar pedras preciosas do Espaço num futuro próximo, …

Forte tempestade faz reaparecer floresta pré-histórica no Reino Unido

A tempestade Hannah, que levou fortes marés e ventos ao Reino Unido, voltou a trazer à luz restos de árvores de uma floresta pré-histórica com cerca de 4.500 anos. Os vestígios estiveram escondidos durante anos …

PS vence Europeias. BE e PAN sorriem, CDS à espera de confirmar resultado catastrófico

As primeiras projeções aos resultados eleitorais geraram palmas e um ambiente efusivo por parte dos militantes do PS. O CDS é um dos grandes derrotados da noite e o PAN a surpresa. As eleições para …

Conan Osiris vence prémio de mais mal vestido em palco

Não é o prémio que Portugal esperava, mas é um prémio. Conan Osiris venceu o Barbara Dex Award, atribuído ao participante do Festival Eurovisão da Canção que veste a pior indumentária em palco. Conan Osiris é …

O exoesqueleto desta aranha parece o capacete de um minúsculo extraterrestre

No mundo animal, o acasalamento pode ser uma verdadeira batalha. As aranhas-pavão, por exemplo, deixam os seus capacetes para trás (literalmente).  Na hora do acasalamento, o macho da aranha-pavão (Maratus velutinus) deixa o seu exoesqueleto para …

Se chover durante a estadia, esta ilha italiana reembolsa os turistas

Há uma ilha italiana que reembolsa os turistas em aso de chuva. A iniciativa desafia as unidades hoteleiras a reembolsarem os clientes se chover mais de duras horas durante o dia. Se é daquelas pessoas que …

Prada deixa de usar peles a partir de fevereiro de 2020

A marca italiana dirigida por Miuccia Prada anunciou o fim da utilização de peles de animais a partir do próximo ano. A coleção apresentada em fevereiro de 2020, correspondente ao outono-inverno 2020/21, será a primeira …

Líderes falam em abstenção e apelam ao voto. Está "um dia maravilhoso para votar"

Cerca de 10,7 milhões de eleitores vão eleger os 21 deputados ao Parlamento Europeu. À boca das urnas, foram vários os líderes políticos que exerceram o seu direito de voto apelando à participação dos portugueses. A …

Se o mundo vivesse como os portugueses os recursos naturais acabavam hoje

Os recursos naturais da Terra chegavam este domingo ao fim se todas as pessoas do planeta consumissem como os portugueses. Na União Europeia, a Estónia e a Dinamarca já esgotaram os recursos em março passado.  Os …