Cientistas revelam como o álcool nos torna mais agressivos

No estudo participaram homens jovens a quem foi administrado dois copos de vodka para avaliar a reação do cérebro e níveis de agressividade em resposta a uma provocação.

Cientistas australianos identificaram com grande exatidão porquê e como é que as pessoas se tornam mais agressivas depois de beber álcool. E ainda que as mudanças químicas no cérebro causadas pelo álcool já tenham sido assinaladas como causa de violência durante décadas, o novo estudo vem confirmar isso mesmo.

Os especialistas, coordenados por Thomas Denson, professor de psicologia da Universidade de Austrália, chegaram à conclusão de que as bebidas alcoólicas podem promover um comportamento agressivo porque impede a ação de controlo do córtex pré-frontal, a área do cérebro desenhada para mitigar a agressividade.

O estudo foi publicado no início do ano na revista Cognitive, Affective & Behavioral Neuroscience.

Para corroborar a hipótese, no estudo participaram 50 homens jovens saudáveis, que foram divididos em dois grupos. O primeiro ingeriu dois copos de vodka – cada um com 2,42 mililitros da bebida destilada a 37,5% por cada quilo de peso corporal -, enquanto que ao segundo foi administrado um placebo, segundo a RT.

Depois, todos os participantes foram submetidos a uma ressonância magnética e a realizar uma série de tarefas competitivas com outras pessoas de forma a avaliar os níveis de agressão em resposta a uma provocação.

A ressonância magnética permitiu observar a ativação de áreas do cérebro passo a passo. Dessa forma, os investigadores perceberam que as provocações não tiveram qualquer efeito sobre as respostas neurais dos participantes. No entanto, durante os comportamentos agressivos, só os que beberam álcool mostraram uma clara diminuição na atividade do córtex pré-frontal médio e dorso-lateral, “incluindo com uma dose baixa”.

“Estas regiões podem apoiar diferentes comportamentos, como a paz em frente a uma agressão, dependendo se a pessoa está sóbria ou não”, assegura Denson.

Estas descobertas apoiam a teoria que considera a disfunção do córtex pré-frontal como um fator que catalisa a agressão nas pessoas com intoxicação etílica. Estima-se que o álcool está na origem de 50% dos delitos violentos.

Denson e os seus colegas afirmaram que levarão a cabo mais estudos em profundidade e com um maior número de participantes para confirmar a correlação entre o álcool e o “bloqueio” da função inibidora por parte do córtex pré-frontal.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Disputa sobre os nossos ancestrais resolvida pela evidência genética mais antiga de sempre

Informações genéticas de um fóssil humano com 800 mil anos foram recuperadas pela primeira vez. Os resultados esclarecem uma das ramificações da nossa árvore genealógica. A evidência genética foi retirada de um dente pertencente a um …

"Claramente abusivo". Isabel dos Santos contesta arresto de ações da NOS

As empresas da empresária angolana Isabel dos Santos que, em conjunto com a Sonaecom, controlam a maioria do capital da operadora NOS, consideraram que o arresto das suas participações na empresa é “abusivo” e “excessivo”. A …

Boris Johnson hospitalizado para fazer mais exames à covid-19

O primeiro-ministro britânico, que deu positivo para o novo coronavírus há dez dias, foi hospitalizado, este domingo, para novos exames. "A conselho do seu médico, o primeiro-ministro foi internado no hospital para exames esta noite", indicou …

Mistura de nanopartículas carregadas pode ser o cocktail fatal das células cancerígenas

Uma equipa de investigadores da Coreia do Sul descobriu que podem dar um golpe fatal nas células cancerígenas com uma cuidadosa mistura de nanopartículas carregadas. Os lisossomas são os caixotes do lixo das células. Contêm enzimas …

Diretora-geral da Saúde da Escócia demite-se após furar confinamento que impôs

A diretora-geral da Saúde da Escócia, Catherine Calderwood, anunciou na noite de domingo a sua demissão após ter desrespeitado as regras de confinamento que impôs, ao deslocar-se por duas vezes à sua segunda casa durante …

Maduro pede aos norte-americanos que impeçam "novo Vietname" perto de casa

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, dirigiu este domingo uma carta aos norte-americanos, apelando a que travem as alegadas intenções de Trump de avançar para um conflito armado com a Venezuela e impeçam "outro Vietname …

Apareceu um enorme buraco na camada de ozono por cima do Pólo Norte

O Arctic Ozone Watch da NASA relatou a formação de um grande buraco na camada de azono acima do Pólo Norte, que pode ser o maior já registado no norte. Em março, os relatórios de balões …

Descoberto novo candidato a superterra habitável a 12 anos-luz

Um sistema estelar recém-descoberto a 12 anos-luz inclui três mundos na faixa de tamanho entre a Terra e Neptuno, um deles na "zona habitável" da estrela, onde o calor do hospedeiro permite a existência de …

Na Terra ou em Marte: reator híbrido converte CO2 em produtos orgânicos

Uma equipa de investigadores desenvolveu um reator híbrido que utiliza bactérias "ciborgues" incorporadas em nanofios para produzir alimentos, combustível e oxigénio. Segundo o comunicado da Universidade da Califórnia, em Berkeley, este sistema é muito semelhante ao …

Já pode visitar o ponto mais profundo dos 5 oceanos (mas há um preço)

Graças a um explorador rico, em maio, alguns sortudos poderão escapar da pandemia de covid-19 durante um curto período de tempo, mergulhando ao ponto mais profundo conhecido dos oceanos da Terra. O Challenger Deep é o …