Cientistas descobrem que o universo não deveria existir

Z. Levay and R. van der Marel, STScI; T. Hallas; and A. Mellinger / NASA, ESA

O nosso universo não se destruiu quando foi criado, fenómeno que deveria ter acontecido. Cientistas do CERN afirmam que o universo não deveria existir e até se questionam como é possível vivermos nele.

De acordo com o modelo padrão da física, quando o universo surgiu havia quantidades iguais de matéria e antimatéria, que quando em contacto se anulam – razão pela qual o universo se deveria ter destruído logo à nascença.

Embora tenham tentado, alguns dos melhores cientistas do mundo não conseguiram até agora explicar a razão pela qual isso não aconteceu.

Ainda assim, as equipas de investigação têm tentado encontrar uma diferença entre a matéria e a antimatéria que possa explicar o facto de não se terem anulado assim que entraram em contacto.

Um novo estudo, realizado por uma equipa de investigadores do CERN, testou um conjunto de hipóteses, incluindo a massa e a carga elétrica, para encontrar essa diferença.

“Todas as nossas observações encontraram uma completa simetria entre matéria e antimatéria, e é por isso que o Universo, na verdade, não deveria existir” afirma o físico Christian Smorra, um dos autores do estudo.

Smorra diz que tem que haver uma assimetria algures, mas “não conseguimos entender onde ela se encontra”. Os cientistas já analisaram a possibilidade de haver uma diferença no magnetismo. No entanto, a matéria e a antimatéria são idênticas nesse campo também.

A equipa de investigadores acabou por descobrir que a matéria e a antimatéria são ainda mais simétricas do que imaginavam.

No estudo, os cientistas usaram um dispositivo chamado “armadilha de Penning“, que usa campos magnéticos e elétricos especiais para conseguir capturar e estudar antiprotões. Esta técnica permitiu-lhes medir o magnetismo da antimatéria com muita eficácia.

“Este resultado é o culminar de muitos anos de pesquisa e de desenvolvimento, e a conclusão bem sucedida de uma das medições mais difíceis jamais realizadas”, afirmou o porta-voz do CERN, Stefan Ulmer.

A equipa espera agora examinar pormenorizadamente a antimatéria para tentar resolver o mistério. Enquanto isso, outros cientistas estão a examinar teorias alternativas, como a hipótese de a antimatéria ter uma gravidade “ao contrário”, o que significa que “cairia para cima”.

ZAP // Hype Science / Unilad

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. A razão passa por todos os quânticos adaptarem convenientemente as evoluções à sua necessidade, como Einstein provou recentemente.

  2. Numa situação limite, quando uma partícula colide com a sua antipartícula, ocorre uma explosão e o resultado é uma chuva de fotões. Creio que o fotão é a verdadeira partícula fundamental que está na origem da criação da matéria e da antimatéria. Não acredito na existência do antifotão, logo, no princípio existia um buraco negro feito de luz compactada que, por um fenómeno ainda por explicar, explodiu em todas as direções do espaço vazio puro circundante infinito, libertando todos os fotões que o compunham. Os fotões livres deram origem, com o tempo, à matéria e à antimatéria. Os buracos negros são estrelas de fotões colossalmente comprimidos, ou seja, corpos de luz aprisionada. Na essência, tudo é feito de luz. Óbviamente, tudo isto é especulação pura, até posso estar a delirar, mas também não digo isto à toa.

    • Desde que numa aula de História da Ciência, se questionou sobre o que veriamos se nos movimentassemos à velocidade da luz que eu digo o mesmo que você disse.
      Concordo consigo…somos, provavelmente, dois alucinados… 😉

  3. Mais uma para o álbum .
    O rui aí tem razão ahahaha

    Em lugar de pensar porque deveríamos não existir deveriamos pensar o que vamos fazer com essa “teoria científica” que diz que não deveríamos existir mas aqui estou eu a criticar as ideias brilhantes .

    A teoria não passa de se refutar a si próprio .

  4. Cada uma das nuvens tem uma carga eléctrica igual a zero. No entanto, ocorrem trovoadas mesmo assim. A explicação é que as cargas positivas estão numa extremidade e as negativas estão na outra extremidade. Se duas nuvens com cargas eléctricas opostas se aproximarem ou se houver aproximação à superfície terrestre a uma distância que seja vencida pela amplitude da diferença de potencial, ocorrem os raios ou os relâmpagos. Da mesma forma, a matéria e a anti-matéria podem existir na mesma quantidade mas se não entrarem em contacto não ocorre a sua aniquilação. Na altura do big-bang estavam em contacto? A teoria do big-bang é apenas mais uma teoria para se explicar aquilo que para já não tem explicação. Faz-me lembrar a teoria do Éter e a geração espontânea!

RESPONDER

Refugiados em greve de fome por falta de condições em campo bósnio

Centenas de refugiados de um campo improvisado em Vucjak, na Bósnia, estão em greve de fome pelo segundo dia consecutivo para protestar contra a situação degradante em que se encontram. Os refugiados no campo improvisado …

Ex-aliada de Bolsonaro denuncia grupo difusor de notícias falsas ligado ao Presidente

A deputada brasileira Joice Hasselmann, ex-líder do Governo de Jair Bolsonaro no congresso, denunciou na quarta-feira a atuação de um grupo difusor de "fake news" (notícias falsas) ligado ao atual Presidente, Jair Bolsonaro, e que …

Banco BiG: EUA e China vão chegar a acordo, mas não será duradouro

No "Outlook" para 2020, os analistas do banco BiG defendem que será improvável que Estados Unidos e China cheguem a um consenso suficiente para reverter as taxas aduaneiras impostas. De acordo com os analistas do banco …

Alemanha expulsa dois diplomatas russos. Rússia vai tomar medidas

Dois diplomatas russos, acusados pelo Ministério Público alemão de falta de cooperação na investigação de um homicídio, foram expulsos da Alemanha. A Rússia já reagiu e avisou que tomará medidas. Esta quarta-feira, a Alemanha expulsou "com …

Segurança Social demora quase cinco meses a pagar pensões

Em 2018, os beneficiários da Segurança Social tiveram de esperar, em média, 147 dias - cerca de cinco meses -, entre o dia que se aposentaram e o momento que começaram a receber a pensão …

Empresas fechadas e 28 mil despedimentos. Setor têxtil pode atravessar crise

Até 2025, a indústria têxtil em Portugal pode ver um terço das empresas a fecharem e 28 mil trabalhadores a serem despedidos. Este é o pior cenário equacionado no setor nos próximos anos. O setor da …

Ministério Público arquiva queixa de Aguiar-Branco contra Ana Gomes por difamação

Aguiar Branco tinha levantado um processo de difamação a Ana Gomes por declarações sobre alegadas ligações entre o seu escritório de advogados e o grupo Martifer. O Ministério Público (MP) arquivou a queixa apresentada pelo ex-ministro …

66 louvores a funcionários. Centeno é o ministro mais "agradecido" de todo o Governo

Mário Centeno e os seus secretários de Estado publicaram em Diário da República 66 louvores. O seu gabinete garante que não há qualquer significado político associado - nem mesmo uma despedida anunciada. O louvor é dado …

Os glaciares da Nova Zelândia estão a mudar de cor

À medida que o Hemisfério Sul entra no verão, acontece uma temporada catastrófica de incêndios florestais na costa leste da Austrália. Há casas destruídas, coalas a morrer e um fumo espesso que cobre o estado …

Não se irrite. Fisco vai comunicar de forma mais clara

A Autoridade Tributária e Aduaneira vai lançar um serviço de apoio e defesa ao contribuinte que usará uma linguagem mais simples e clara. A alteração é inspirada num modelo britânico. A Autoridade Tributária e Aduaneira vai …