Cientistas descobrem chimpanzés selvagens infetados com lepra pela primeira vez

Kimberley Hockings / Tai Chimpanzee Project

Woodstock, chimpanzé macho do Parque Nacional de Taï, infetado com Lepra

A lepra é uma doença particularmente perturbadora e dolorosa que, até agora, foi encontrada sobretudo em humanos. Mas uma equipa internacional de investigadores detetou recentemente a doença em chimpanzés selvagens.

Kimberley Hockings, um cientista que trabalha no Parque Nacional de Cantanhez, na Guiné-Bissau, reparou que vários chimpanzés selvagens daquele local apresentavam lesões no rosto.

“Nunca vi isto em chimpanzés”, escreveu Fabian Leendertz, veterinário de vida selvagem, a quem Hockings enviou um e-mail a pedir ajuda.

O veterinário decidiu, então, examinar amostras fecais de Woodstock, um chimpanzé selvagem do Parque Nacional Taï que apresentava os mesmos sintomas, e encontrou traços de Mycobacterium leprae, a bactéria que provoca a Lepra.

Além disso, os investigadores sequenciaram o genoma do patógeno e descobriram que era de um genótipo raro chamado 2F. Já na Guiné-Bissau, os chimpanzés estavam infetados com outro genótipo chamado 4N/O.

A lepra é uma doença sobre a qual não existe muita informação, mas que já afetou milhões de pessoas em todo o mundo. Depois de ter sido descoberta uma combinação de antibióticos que tratava a doença, o interesse científico diminuiu e, durante anos, os investigadores pensaram que afetava apenas humanos.

Mas, nas últimas duas décadas, o patógeno foi descoberto em tatus-galinha e esquilos vermelhos, onde se observou o mesmo genótipo bacteriano, denominado 3I, associado a infeções humanas na Europa medieval – o que indica que este terá passado dos humanos para os animais.

Agora, o novo estudo mostra que os chimpanzés selvagens sofrem de lepra, uma doença nunca antes documentada nestes animais. As estirpes da doença não parecem, no entanto, relacionadas e é improvável que tenham origem no contacto com humanos, argumentam os autores. O que significa que a descoberta pode indicar uma fonte desconhecida de lepra.

De acordo com a Science Magazine, as doenças humanas podem transmitir-se para os chimpanzés, com consequências devastadoras, mas Leendertz acredita que uma transmissão recente entre humanos e chimpanzés é improvável.

Além disso, os genótipos responsáveis ​​por ambos os surtos são raros em humanos, diz o estudo. “O cenário mais provável é que haja algum reservatório de lepra não identificado”, disse o veterinário.

Anne Stone, uma geneticista evolucionista na Universidade Arizona State, disse que suspeita há muito tempo que a bactéria da lepra possa prosperar noutro reservatório, em parte por causa do tamanho pequeno do seu genoma.

Além disso, Stone sugere que a bactéria poderia ter outro hospedeiro antes de passar para os humanos. “Os dados apontam cada vez mais para a possibilidade de que algo que não os humanos seja realmente o hospedeiro principal”, diz Stone, explicando que esse hospedeiro tanto poderia ser um animal caçado pelos chimpanzés como o meio ambiente.

Mas os roedores são os principais candidatos a hospedeiro, diz a cientista, que não descarta a hipótese de alguns insetos também terem sido infetados pela doença.

É um novo caminho interessante para a pesquisa da lepra, diz Charlotte Avanzi, outra autora do artigo. “Qualquer pista que possamos obter de animais ou de qualquer lugar é muito, muito útil”, acrescenta.

Até ao momento, os chimpanzés infetados parecem estar a lidar bem com a doença, embora um esteja a perder peso, diz Hockings. Mas tratá-los não é uma opção, “os humanos precisam de tomar antibióticos durante meses para tratar a lepra. Não se pode fazer isso com animais selvagens”, explica acrescenta Leendertz.

Por enquanto, a doença não parece colocar em risco os grupos como um todo, “mas é uma ameaça adicional, claro, além da caça ilegal, perda de habitat e outras doenças”, diz.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Bayern Munique 'festeja' nono título consecutivo com goleada

O Bayern Munique coroou este sábado o seu nono título consecutivo na Liga alemã de futebol com uma goleada no triunfo diante do Borussia Moenchengladbach (6-0), num jogo com um hat-trick de Lewandowski. Antes de pisar …

A piscina infinita mais alta do mundo fica no Dubai

Haverá poucas coisas tão libertadoras como dar um mergulho numa piscina infinita com vista para o oceano. Agora, quem visitar o Dubai poderá fazê-lo numa piscina a quase 300 metros acima do nível do mar. Segundo …

"Polskie Babcie", as avós que lutam pela democracia na Polónia

Um grupo de idosas polacas organiza protestos, todas as semanas, para lutar pela democracia no país, governado pelo partido de direita nacional-conservador e democrata-cristão Lei e Justiça (PiS). É hora de ponta em Varsóvia, capital da …

Cimeira Social. Jerónimo de Sousa diz que não se respondeu aos verdadeiros problemas

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, afirmou este sábado, no Porto, que a Cimeira Social da União Europeia não respondeu às necessidades associadas ao emprego, à valorização dos salários e ao fim da precarização …

Babbage escreveu uma carta a Tennyson. Exigia a "correção matemática" de um poema

A perspicácia matemática de Charles Babbage levou-o a escrever uma carta ao poeta Alfred Tennyson, que exigia, de certa forma, rigor e precisão no poema The Vision Of Sin. Charles Babbage é conhecido como o pai …

Covid-19: Portugal com uma morte e 324 novos casos nas últimas 24 horas

Portugal registou hoje uma morte atribuída à covid-19, 324 novos casos de infeção pelo novo coronavírus e uma ligeira subida no número de internamentos em enfermaria, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o …

Roma já tem uma máquina de venda automática de pizza

A capital italiana tem agora uma máquina de venda automática que faz pizzas em apenas três minutos. Os preços variam de 4,50 aos seis euros (e as opiniões sobre esta ideia também). Raffaele Esposito, o napolitano …

Morreu Bo, o cão de água português de Barack Obama

Bo, o cão de água português que o ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, adotou em 2009 morreu este domingo com 13 anos, em consequência de um cancro, anunciou o político nas redes sociais. O cão …

Futuro pós-vacinação entre reforço de dose, controlo de variantes e medicamentos

A incerteza sobre a duração da imunidade das vacinas contra a covid-19 deixa o futuro do combate à doença entre o reforço da vacinação, a monitorização de novas variantes e o desenvolvimento de terapêuticas alternativas, …

Presidente da República promulga Carta de Direitos Humanos na Era Digital

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, promulgou este sábado a Carta de Direitos Humanos na Era Digital, aprovada em abril na Assembleia da República, segundo uma nota divulgada no site da Presidência. A lei, …