Camiões a gás natural emitem mais óxido de azoto do que camiões a gasóleo

Scania / Flickr

Os camiões movidos a gás natural liquefeito (GNL) emitem até cinco vezes mais óxido de azoto (NOx) do que os camiões a gasóleo, indicaram testes na estrada pedidos pelo Governo holandês e esta quarta-feira divulgados.

Os resultados foram divulgados pela Federação Europeia dos Transportes e Ambiente (T&E) esta quarta-feira, que diz que os testes confirmam que os governos da União Europeia devem acabar com os incentivos ao GNL.

Em Portugal, o imposto especial sobre o consumo aplicado ao gás é de 1,86 euros por unidade de energia, enquanto no caso do gasóleo é de 13,54 euros, refere a associação ambientalista portuguesa Zero, que faz parte da T&E.

A Zero defende que “se o imposto sobre o gasóleo fosse aplicado na mesma medida ao gás, Portugal poderia beneficiar de receitas adicionais de impostos na ordem dos 7,98 milhões de euros”.

De acordo com a T&E, organização ambientalista não governamental que representa 58 entidades de 26 países, os resultados dos testes são contrários aos argumentos apresentados pelos fabricantes dos camiões movidos a GNL, que dizem que estes veículos reduzem as emissões de NOx em mais de 30%.

Nos testes a três camiões a GNL, em cidade ou em estrada, as emissões variaram entre dois a cinco vezes mais NOx do que num camião a gasóleo.

Em comunicado a Zero exige que o Governo deixe de promover o GNL e incentive o setor da logística na transição das frotas a GNL para frotas elétricas. Além disso, nota que apesar de o setor do gás tentar fazer crer que o GNL tem um benefício climático, “a verdade é que continua a tratar-se de um combustível fóssil, como o petróleo e o carvão, por isso contribui para as alterações climáticas”.

Nas cidades, acrescenta-se no comunicado, a poluição emitida pelos camiões a GNL “pode causar impactos na saúde ainda mais significativos do que os camiões a gasóleo”.

// Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Não vamos aqui tecer considerações científicas, porque apenas seriam entendidas por um número restrito de pessoas e o objectivo destes fóruns é o de abrangerem o maior número de leitores. Mas quem estuda as coisas ligadas à mobilidade há muito que sabe que há apenas um combustível que é absolutamente neutro para o meio ambiente, desde que seja descontado o transporte ou a mobilidade individual egoísta. Esse combustível é o hidrogénio. Se a intenção é mesmo salvar o planeta não há qualquer outra alternativa viável. Sejamos honestos de uma vez por todas, porque a jusante estão os nossos filhos e netos e os descendentes destes. Já de pouco, de muito pouco servem os mercedes, os audis, os jaguares, os porches, os maseratis, os land rovers, os ferraris e outras marcas jocosas que vemos aos domingos de tarde nas parques dos hiper, nas redondezas dos campos de futebol e onde quer que haja grandes aglomerações de pessoas. Quando vemos gente com esse tipo de equipamentos imediatamente se lhes associa analfabetismo e incúria, o desrespeito pelo planeta e pelos biliões de esfomeados que nele vivem já quase sem água e sem ar. Mudaram os tempos , não passe por pessoa com a mania das grandezas, que é um a doença mental… e perigosa nos tempos que correm. Troque o seu porsche ou jaguar por uma bicicleta a pedal e vai ver como há mais pessoas a gostarem de si.

Nova aplicação deteta insuficiência cardíaca através da voz

Foi desenvolvida uma nova aplicação para smartphones que prevê a insuficiência cardíaca através da voz. A tecnologia baseia-se num dos sintomas mais comuns: a falta de ar. O sintoma mais comum da insuficiência cardíaca é a …

Atividade física ajuda a prevenir a perda de visão

Uma nova investigação sugere que o exercício físico pode ser um componente-chave na prevenção da perda de visão. Os benefícios da atividade física são cada vez mais conhecidos, mas há alguns que devem ser tidos em …

Dubai vai construir uma cidade marciana no deserto

O Dubai tem em mãos um projeto ambicioso: a construção de uma cidade marciana. O projeto foi apresentado por uma empresa sediada em Copenhaga e Nova Iorque e é uma parte do plano dos Emirados …

Coreia do Norte voltou a rejeitar negociações com os Estados Unidos

A Coreia do Norte disse, esta terça-feira, que não tenciona retomar o diálogo com os Estados Unidos, quando o vice-secretário de Estado norte-americano, Stephen Biegun, chegou à Coreia do Sul para discutir diplomacia nuclear. Num comunicado …

Construiu uma cadeira de rodas com bicicletas elétricas para a namorada. Agora, vai produzi-la em massa

Para Zack Nelson, construir esta  peça inovadora de engenharia foi "super divertido e surpreendentemente simples". Há cerca de um ano, Zack Nelson, o youtuber de tecnologia do canal JerryRigEverything, uniu duas bicicletas elétricas para criar uma …

A reeleição de Trump nunca esteve tão ameaçada. A culpa é do pessimismo dos americanos

A gestão do Presidente norte-americano face à pandemia e a perspetiva de uma crise económica ameaçam a reeleição de Donald Trump. Um estudo de opinião da Fundação Peter G Peterson para o The Financial Times indica …

Ministros da Indonésia promovem colar de eucalipto como cura para a covid-19

O ministro da Agricultura da Indonésia foi muito criticado por especialistas por alegar que um colar feito de eucalipto pode ajudar a impedir a transmissão da covid-19. Segundo o The Guardian, o ministro da Agricultura da …

SATA pede auxílio ao Estado no valor de 163 milhões de euros

A SATA, companhia aérea detida a 100% pela Região Autónoma dos Açores, precisa do valor até ao final do ano para pagar dívidas. A SATA pediu um auxílio ao Estado de 163 milhões de euros para …

Cortiça portuguesa usada em foguetões da Space X

A Corticeira Amorim forneceu a Space X, de Elon Musk, para componentes usados nos foguetões espaciais da empresa, adiantou o presidente da empresa, António Rios Amorim. "É o nosso maior cliente [deste segmento] neste momento desde …

Pandemia põe em risco mais de 40% dos empregos no Algarve

Além do Algarve, outros destinos turísticos europeus, como ilhas do sul da Grécia, Canárias e Baleares, estão também em risco. As regiões onde o turismo tem mais peso enfrentam um risco maior de destruição de emprego, …