Os nossos melhores amigos de quatro patas gostam tanto de nós que até sonham connosco

(dr) Envato Elements

Um cão, deitado no chão, com um olhar triste

Os cães têm ciclos de sono REM, tal como nós, em que é muito provável que tenham sonhos compostos com fragmentos do seu dia-a-dia, exactamente como os sonhos dos humanos.

São os nossos melhores amigos e os seus cérebros têm algumas parecenças com os nossos. Alguma vez viu o seu cão a mexer-se enquanto dorme? Pode ser que o seu companheiro de quatro patas estivesse a sonhar e, quem sabe, consigo.

Os ciclos de sono dos cães são parecidos com os dos humanos e esta semelhança tem levado a que os investigadores especulem que os sonhos dos cães sejam como os nossos, ou seja, que tenham a ver actividades do seu quotidiano.

Tal como nós, os cães têm ciclos de sono REM (Rapid Eye Movement, ou seja, Movimento Rápido dos Olhos) e não-REM e apesar de dormirem entre 12 e 14 horas por dia, os seus ciclos são muito mais curtos que os nossos, aponta o Science Focus da BBC.

Enquanto nós temos entre quatro e seis ciclos de 90 minutos por noite, os nossos amigos de quatro patas têm entre 15 e 20 ciclos nocturnos. O mais provável é que os sonhos dos cães incluam fragmentos da sua vida e enquanto seu dono, o seu animal de estimação também pode sonhar consigo. Dada a visão menos colorida dos cães, é também possível que os seus sonhos também sejam mais acinzentados.

De acordo com o especialista em cães Stanley Coren, que é também autor do livro Do Dogs Dream?, os nossos amigos de quatro patas de maior porte têm ciclos de sono mais longos, tendo um novo sonho a cada 90 minutos. Já os cães mais pequenos, têm sonhos mais pequenos e com maior frequência.

A hipótese de que os cães sonham partiu de um estudo dos professores do Massachusetts Institute of Technology Kenway Louie e Matthew Wilson, que avaliaram os neurónios no hipocampo dos ratos para perceberem o padrão de actividade neural durante o sono REM.

A investigação concluiu que os ratos se lembravam de experiências específicas enquanto dormem, ou seja, os ratos estavam a sonhar. Foram conseguidos resultados semelhantes nos gatos, pelo que se concluiu que os cães (e provavelmente todos os mamíferos) também devem sonhar.

Dado não serem tão criativos como nós, é pouco provável que os cães tenham pesadelos. Por isso, se estiver preocupado com a possibilidade do seu cão ter um pesadelo, acordá-lo é uma má ideia, visto que isso interrompe o seu ciclo de sono.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.