Brilho do Big Bang permitiu descobrir o jato de um buraco negro distante

NASA / JPL-Caltech

-

Astrónomos usaram o Observatório de raios-X Chandra, da NASA, para descobrir um jato de um buraco negro supermassivo muito distante iluminado pela luz mais antiga do Universo.

Esta descoberta mostra que os buracos negros com jatos poderosos podem ser mais comuns do que se pensava nos primeiros milhares de milhões de anos após o Big Bang.

A luz detetada deste jato foi emitida quando o Universo tinha apenas 2,7 mil milhões de anos, um quinto da sua idade atual. Nesse ponto, a intensidade da radiação cósmica de fundo em micro-ondas, ou CMB (inglês para cosmic microwave background radiation), deixada para trás pelo Big Bang, era muito maior do que é hoje.

O jato, descoberto no sistema conhecido como B3 0727+409, mede pelo menos 300 mil anos-luz. Já foram detetados muitos jatos longos emitidos por buracos negros supermassivos no Universo próximo, mas mantém-se uma questão de debate a forma exata como estes jatos emitem raios-X. Em B3 0727+409, parece que a CMB está a ser impulsionada para comprimentos de onda em raios-X.

A. Simionescu / ISAS / CXC / NASA / DSS

O grande jato em raios-X associado com o quasar B3 0727+409

O grande jato em raios-X associado com o quasar B3 0727+409

“Dado que estamos a ver este jato quando o Universo tinha menos de três mil milhões de anos, o jato é cerca de 150 vezes mais brilhante em raios-X do que seria no Universo próximo”, afirma Aurora Simionescu, do Institute of Space and Astronautical Studies (ISAS) da JAXA, que liderou o estudo.

À medida que os eletrões no jato voam a partir do buraco negro até perto da velocidade da luz, movem-se através do mar de radiação da CMB e colidem com fotões em micro-ondas, aumentando a energia dos fotões até à banda dos raios-X para serem detetados pelo Chandra.

Isto significa que os eletrões no jato de B3 0727+409 devem manter-se em movimento quase à velocidade da luz durante centenas de milhares de anos-luz.

Os eletrões nos jatos dos buracos negros emitem fortemente em comprimentos de onda do rádio, por isso normalmente estes sistemas são descobertos com observações no rádio.

A descoberta do jato em B3 0727+409 é especial, até agora, porque quase nenhum sinal no rádio foi detetado neste objeto, ao mesmo tempo que é facilmente observado na imagem de raios-X.

“Nós essencialmente deparámo-nos com este jato impressionante porque estava, por acaso, no campo de visão do Chandra enquanto observávamos outra coisa”, explica o coautor Lukasz Stawarz, da Universidade Jagiellonski, na Polónia.

Até agora, os cientistas identificaram muito poucos jatos distantes o suficiente para que o seu brilho em raios-X seja amplificado pela CMB tão claramente quanto no sistema B3 0727+409.

No entanto, acrescenta Stawarz, “se os jatos brilhantes em raios-X podem existir com homólogos muito fracos ou não detetados no rádio, isso significa que poderão haver muito mais lá fora, porque não temos andado sistematicamente à procura deles”.

“A atividade dos buracos negros supermassivos, incluindo o lançamento de jatos, pode ser diferente no início do Universo do que o que vemos mais tarde”, afirma o coautor Teddy Cheung, do Laboratório de Pesquisa Naval em Washington DC, EUA. “Ao descobrir e estudar mais destes jatos distantes, podemos começar a entender como as propriedades dos buracos negros supermassivos podem mudar ao longo de milhares de milhões de anos”.

Os resultados foram publicados na edição de 1 janeiro da Astrophysical Journal Letters e estão disponiveis online.

CCVAlg

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Catarina Martins desvaloriza críticas internas. BE "é o partido mais plural da sociedade portuguesa"

Catarina Martins disse ser natural que sejam apresentadas várias moções à convenção do partido. Alguns membros apontam falta de debate interno, críticas relativizadas pela coordenadora. Catarina Martins considerou natural que se apresentem várias moções à convenção …

Homens e mulheres já podem entrar juntos em restaurantes na Arábia Saudita

A Arábia Saudita acabou com a exigência de entradas separadas em restaurantes para homens e mulheres e com a separação entre sexos à mesa. Até agora era obrigatório ter uma entrada para famílias e mulheres …

Exército japonês pediu uma escrava sexual para cada 70 soldados na II Guerra Mundial

Durante a Segunda Guerra Mundial, o exército do Japão pediu ao Governo que fornecesse uma escrava sexual para cada 70 soldados, de acordo com documentos históricos analisados pela agência de notícias nipónica Kyodo News. Os 23 …

Centeno apresenta linhas gerais do Orçamento aos partidos na terça-feira

Mário Centeno apresenta aos partidos, esta terça-feira, as linhas gerais da proposta de Orçamento do Estado. Só o Livre fica de fora por "impedimento de agenda". O Governo apresenta amanhã, dia 10 de dezembro, as linhas …

Amianto. Fenprof vai apresentar queixa em Bruxelas

A Fenprof acusa o Governo português de não cumprir a diretiva comunitária que impõe a retirada de amianto de edifícios públicos, incluindo escolas. A Federação Nacional de Professores (Fenprof) vai apresentar uma queixa à Comissão Europeia …

Luís Maximiano: "Battaglia levou com o garrafão de água e o Misic com um cinto na cara"

O guarda-redes do Sporting disse esta segunda-feira que ficou “bloqueado e sem reação” durante o ataque à Academia de Alcochete, descrevendo as agressões aos colegas de equipa, após a entrada no balneário de mais de …

Peritos da Ordem admitem práticas ilícitas na venda de produtos no BES e Banif

Os peritos da Ordem dos Advogados que analisaram as reclamações de lesados do BES e do Banif disseram esta segunda-feira aos jornalistas que encontraram indícios de práticas ilícitas na venda de produtos financeiros por aqueles …

Já há rascunho do acordo da COP25 (mas nada está ainda totalmente fechado)

Esta segunda-feira arranca a semana decisiva, depois de uma semana de trabalho técnico ara definir as linhas que vão dar origem ao documento final da 25.ª Convenção das Partes (COP25) da Convenção-Quadro das Nações Unidas …

Novos escalões de IRS só serão criados "a meio da legislatura"

Esta segunda-feira, o Governo disse aos parceiros sociais que só deverão acontecer "mexidas no IRS", nomeadamente a criação de novos escalões, a meio desta legislatura. O Governo de António Costa confirmou aos parceiros sociais que a …

Navios em Portugal poluem tanto quanto as oito cidades com mais carros

O transporte marítimo deve integrar o regime de comércio de licenças de emissão da União Europeia (UE), defendeu, esta segunda-feira, a associação ambientalista ZERO, exigindo limites de emissão de dióxido de carbono (CO2) para navios …