Benfica goleia Académica e segura vantagem

SportLisboaBenfica / Facebook

-

 O Benfica recebeu e venceu hoje a Académica, por 5-1, graças a uma entrada de rompante na partida da 28.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, que lhe valeu uma confortável vantagem nos primeiros 20 minutos.

Jardel (oito minutos), Jonas (11) e Lima (19, de grande penalidade) praticamente sentenciaram o encontro diante dos estudantes na primeira parte, antes de o próprio Jonas (53) e Fejsa (84) fecharem as contas do triunfo, que permitiu aos encarnados atingirem os 91 golos marcados nas provas oficiais desta época (71 no campeonato).

Pelo meio, Rafael Lopes (80) ainda reduziu para os visitantes, embora não colocando em causa a vitória do Benfica, que se mantém na liderança isolada, provisoriamente com mais seis pontos do que o FC Porto, que defronta o Rio Ave, em Vila do Conde, quando faltam duas semanas para o clássico que vai opor águias e dragões.

Para o confronto desta tarde, Jorge Jesus voltou a contar com Luisão, que tinha falhado a receção ao Nacional, mas foi obrigado a mexer no lado esquerdo da defesa, colocando André Almeida no lugar do castigado Eliseu.

Perante mais de 55.000 adeptos, o Benfica voltou a ter uma entrada a todo o gás, diante de um adversário que se apresentou com uma estratégia de clara contenção, apresentando-se com cinco defesas, quatro médios e um avançado (5x4x1).

Contudo, a estratégia da briosa caiu completamente por terra nos instantes iniciais, uma vez que o central goleador Jardel surgiu na área a inaugurar o marcador, ainda antes dos 10 minutos.

Ainda os estudantes se recompunham do golpe e Jonas já aumentava o placar, num cabeceamento certeiro, aproveitando as facilidades concedidas pelo aglomerado de homens de negro que se encontravam dentro da área.

No entanto, os estragos iniciais não se ficaram por aí e, à passagem dos 20 minutos, Fernando Alexandre derrubou Lima dentro da área, proporcionando que o avançado brasileiro convertesse o castigo máximo e apontasse o 14.º golo no campeonato.

Sem qualquer possibilidade de alvejar a baliza à guarda de Júlio César, a Académica esteve perto de sair para o intervalo com uma desvantagem ainda mais dilatada, não fossem duas intervenções do guarda-redes Cristiano, a opor-se aos remates de Samaris e Maxi Pereira.

No regresso do descanso, as águias voltaram a castigar a falta de agressividade defensiva do conjunto de Coimbra, com Jonas a bisar, na sequência de uma combinação com André Almeida, que também já tinha assistido o ex-Valência para o primeiro tento deste.

O avançado canarinho esteve perto de alcançar o hat-trick, pouco depois, mas não conseguiu bater Cristiano, à semelhança do que viria a suceder com Salvio, Lima e Gaitán, todos a disporem de ocasiões soberanas.

Mesmo com ténues incursões à área benfiquista, a Académica acabaria por alcançar o tento solitário, aos 80 minutos, por intermédio de Rafael Lopes, que surgiu solto na área e bateu o até então espetador Júlio César.

Com o resultado definido, Jorge Jesus já tinha aproveitado para lançar Fejsa, que não atuava pela equipa principal há quase um ano, e poupar o grego Samaris. A opção do técnico revelar-se-ia tremendamente acertada, já que o médio sérvio carimbou o regresso da melhor forma, apontando o quinto golo da partida e fechando o resultado.

Futebol 365

PARTILHAR

RESPONDER

Setenta anos depois, teste de ADN reúne mãe e filha pela primeira vez

Genevieve achava que a sua bebé recém-nascida tinha morrido no parto. Mas não: foi adotada por uma família da Califórnia que lhe mentiu sobre as origens. Agora conheceram-se graças a um teste de ADN. Quase 70 …

Arcebispos de Barcelona ajudaram padre acusado de abusos a fugir à polícia

O padre Senabre, acusado de ter abusado de um menor de 13 anos, esteve desaparecido por mais de 25 anos. Foi agora encontrado no Equador e o seu caso está a ser investigado pelo Vaticano …

Problemas de direitos humanos persistem em Portugal apesar dos progressos

O mais recente relatório da Amnistia Internacional sobre direitos humanos indica que em Portugal “ainda persistem” desigualdades no acesso a habitação condigna, e diferentes formas de discriminação de pessoas e comunidades mais vulneráveis. O documento divulgado …

Theresa May adia votação do Brexit

A primeira-ministra britânica, Theresa May, confirmou, esta segunda-feira à tarde, perante o parlamento britânico, que será adiada a votação do acordo do Brexit agendada para esta terça-feira, dia 11. A decisão da primeira-ministra britânica procura evitar …

"Lobisomem da Sibéria". Maior assassino em série da Rússia era polícia e matou 78 mulheres

Um ex-polícia russo, já condenado a prisão perpétua pela morte de 22 mulheres, foi sentenciado esta segunda-feira na Sibéria por mais 56 homicídios, o que o torna no maior assassino em série da história recente …

Mais de 20 comboios vão ser suprimidos no Natal e Ano Novo

Mais de duas dezenas de ligações ferroviárias, entre Intercidades e Alfa-Pendulares, serão suprimidas nos dias 24, 25 e 31 de dezembro e 1 de janeiro de 2019, à semelhança de anos anteriores, devido à fraca …

Catalães devem seguir a via eslovena e estar "dispostos a tudo" para alcançar independência

Quim Torra disse este sábado que os catalães devem seguir o exemplo do processo de independência da Eslovénia e estar "dispostos a tudo". O presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, disse este sábado que …

"Injustiça fiscal." Governo rejeita alterar IRS para salários de anos anteriores

O Governo recusou aceitar uma recomendação da Provedora de Justiça que pedia ao Executivo para atualizar o regime de IRS para rendimentos relativos a anos anteriores. No início de outubro, a Provedora da Justiça escreveu a …

Oito anos depois, pensionistas recebem subsídio de Natal por inteiro

Oito anos depois, os pensionistas recebem esta segunda-feira o subsídio de Natal por inteiro, sem cortes e no mês de dezembro. A maioria dos pensionistas da Segurança Social começa esta segunda-feira a receber a pensão de …

Carlos Ghosn, ex-presidente da Renault-Nissan, acusado por ocultar rendimentos

O Ministério Público japonês acusou oficialmente o ex-presidente da Nissan de ocultar rendimentos da empresa durante um período de cinco anos. De acordo com a agência Kyodo e o canal público NHK, o Ministério Público responsabiliza …