Aves vs Sporting | Aves abate leão ferido e faz História no Jamor

Desportivo das Aves fez História e conquistou a sua primeira Taça de Portugal. A formação de Santo Tirso bateu o Sporting na final do Jamor por 2-1, num jogo em que esteve sempre na frente e apenas nos minutos finais teve de sofrer a bem sofrer para aguentar a vantagem, perante um “leão” a dar tudo por tudo em busca do empate.

O guarda-redes Quim, com seis defesas, foi talvez a figura maior da sua equipa, a par de Alexandre Guedes, autor dos dois golos da equipa nortenha.

O Sporting dominou, atacou muito, mas nunca mostrou a frescura mental necessária para concretizar essa superioridade nem travar algumas das rápidas transições contrárias.

O Jogo explicado em Números

  • Jogo muito movimentado logo no arranque, com o Sporting a registar 60% de posse de bola nos primeiros dez minutos e a melhor ocasião do jogo. Gelson Martins, isolado, viu Quim negar-lhe o golo, embora numa situação de ângulo reduzido para o extremo. O Aves, porém, tinha também um remate, e enquadrado.
  • Aos 14 minutos, os dois protagonistas, mais uma vez, com Quim a negar novo golo a Gelson. Estava a desenhar-se um dos mais interessantes duelos do encontro. Mas quem falha, arrisca-se a sofrer e, num contra-ataque bem desenhado, o Aves fez golo, aos 16 minutos. Braga cruzou da direita e Alexandre Guedes, ao segundo poste, fez o um “salto de peixe” e desviou para o fundo da baliza de Rui Patrício.
  • Pelos 20 minutos, os “leões” continuavam a dominar na posse de bola (60%) e nos remates, com quatro disparos, três enquadrados (todos defendidos por Quim). Os avenses precisaram de apenas dois disparos (ambos com boa direcção), para marcar.
  • Notava-se falta de intensidade e capacidade de reacção dos jogadores leoninos, embora mantivessem total domínio das operações e mostrassem estar sempre muito perto de chegar ao golo. Chegada a meia-hora, faltava ao “leão” o último passe de qualidade para efectivar essa veia autoritária. Nesta fase, o Sporting registava já seis disparos, quatro com boa direcção, para além de quatro cantos, para um dos homens de Vila das Aves.
  • A estratégia do Aves ia resultando, com a zona frontal à sua grande área bem povoava, com Vítor Gomes e Fernando Tissone a cobrirem muito terreno. E as transições permitiam à equipa ter, perto do intervalo, quatro remates, sendo três deles enquadrados.
  • Vantagem do Aves chegado o descanso, fundamentalmente porque soube lidar com o jogo do Sporting, não lhe dando espaço em zona frontal nem metros aos alas para imprimirem intensidade ao jogo leonino. Os homens de Alvalade mostravam claramente falta de pique e capacidade de reacção, apesar do domínio apresentado – 66% de posse de bola, sete remates, quatro enquadrados (6-4 para o Aves), quatro cantos contra um. Os homens de Santo Tirso foram bem mais efectivos e esclarecidos, aproveitando a sua melhor oportunidade para marcar.
  • Sporting com mais vigor no arranque do segundo tempo, a chegar aos 68% de posse à passagem da hora de jogo, para além de três remates, um deles enquadrados. O Aves não teve alternativa senão encolher-se, não indo além de um disparo nesta fase, com boa direcção.
  • Aos poucos os “leões” começaram a perder gás, sendo que aos 70 minutos, os avenses passaram a usufruir de 38% de posse, com apreciável total de oito remates, cinco deles enquadrados. Porém, abusava nas faltas, com 16 registadas até esta altura contra apenas cinco da formação. Quim era a grande figura.
  • Era um sinal de que as coisas estavam a mudar… e mudaram mesmo. Aos 72 minutos, o herói do Aves, Alexandre Guedes, isolou-se, deixou-se apanhar por Sebastián Coates, mas teve a calma para fintar o uruguaio (que mal reagiu), flectir para o meio e rematar cruzado, de pé direito, para o 2-0.
  • Aos 78 minutos, após defesa de Quim a remate de Bruno Fernandes, a bola sobrou para Bas Dost que, sozinho, acertou na barra da baliza do Aves. Uma perdida incrível do holandês, visivelmente abatido e de cabeça baixa.
  • Bruno Fernandes, com seis remates por volta dos 80 minutos, era dos poucos com clarividência nos momentos de ataque do “leão”, mas a verdade é que apenas enquadrara dois. O médio era, igualmente, o homem com mais cruzamentos no jogo, nada menos que sete.
  • A esperança do Sporting reacendeu-se quando, aos 85 minutos, Fredy Montero reduziu para 2-1, com um remate acrobático. Mas apesar da grande pressão leonina, o Aves aguentou a vantagem e conquistou a sua primeira Taça de Portugal.
PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Há uma rua no Texas onde todas as casas foram impressas em 3D

Esta é a primeira comunidade de casas impressas em 3D nos EUA que está pronta a receber habitantes. A construção torna as habitações mais resistentes ao fogo e a inundações. Chama-se East 17th Street e fica …

A filha de Picasso doou nove obras do artista espanhol a França

A família de Pablo Picasso doou nove obras do artista ao Estado francês, que serão agora integradas no Museu Picasso, em Paris. Maya, a filha de Pablo Picasso, doou nove obras do artista como parte de …

Dormir bem? Depois da pandemia, não

O novo coronavírus criou uma "nação" de pessoas com insónias. Trabalhar menos horas pode ajudar. Insónias. Já eram um problema para muita gente até ao início de 2020 mas a pandemia que mudou o mundo também …

"Não posso ficar sentado a ver-nos voltar a 1972". Médico desafia a lei no Texas e admite que já fez um aborto

Um médico texano escreveu uma coluna de opinião no Washington Post a admitir que já fez um aborto no estado, depois da lei que proíbe interromper as gravidezes após seis semanas ter entrado em vigor. Em …

A cidade mais segura do mundo foi revelada (e é europeia)

Copenhaga foi eleita a cidade mais segura do mundo em 2021 pelo Índice de Cidades Seguras (SCI), da Economist Intelligence Unit. Quando se trata de escolher o destino a visitar, a segurança é um dos aspetos …

Benfica 3-1 Boavista | Águia evolui com Darwin para a vitória

Desde 1982/83 que o Benfica não vencia os primeiros seis jogos no Campeonato. Pois bem, na noite desta segunda-feira, os encarnados venceram o duelo ante o Boavista e fizeram xeque-mate graças ao bis de Darwin …

Milhões de pessoas em risco de tráfico e escravidão devido à crise climática, revela relatório

Milhões de pessoas forçadas a deixar as suas casas por causa da seca severa e ciclones correm o risco da escravidão moderna e de tráfico humano nas próximas décadas, alertou um novo relatório publicado esta …

Mercado teme corrida ao imobiliário com o fim dos vistos gold

A partir de janeiro, segundo as novas regras aplicáveis aos vistos gold, vão deixar de estar abrangidos os investimentos em imobiliário com destino a habitação em Lisboa, no Porto e no litoral. O regime que visa …

Desempregados inscritos no IEFP caem 10% em agosto

O número de desempregados inscritos no Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a cair, pelo quinto mês consecutivo. Agosto fechou com 368.404 desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego De acordo com os dados …

Agora que a catedral de Notre-Dame está estabilizada, pode dar-se início à reconstrução

Dois anos e meio após o incêndio que devastou a catedral de Notre-Dame, o edifício encontra-se seguro para iniciar o processo de reconstrução, que se espera estar concluído em 2024. Os trabalhos de segurança e consolidação …