Aves vs Sporting | Aves abate leão ferido e faz História no Jamor

Desportivo das Aves fez História e conquistou a sua primeira Taça de Portugal. A formação de Santo Tirso bateu o Sporting na final do Jamor por 2-1, num jogo em que esteve sempre na frente e apenas nos minutos finais teve de sofrer a bem sofrer para aguentar a vantagem, perante um “leão” a dar tudo por tudo em busca do empate.

O guarda-redes Quim, com seis defesas, foi talvez a figura maior da sua equipa, a par de Alexandre Guedes, autor dos dois golos da equipa nortenha.

O Sporting dominou, atacou muito, mas nunca mostrou a frescura mental necessária para concretizar essa superioridade nem travar algumas das rápidas transições contrárias.

O Jogo explicado em Números

  • Jogo muito movimentado logo no arranque, com o Sporting a registar 60% de posse de bola nos primeiros dez minutos e a melhor ocasião do jogo. Gelson Martins, isolado, viu Quim negar-lhe o golo, embora numa situação de ângulo reduzido para o extremo. O Aves, porém, tinha também um remate, e enquadrado.
  • Aos 14 minutos, os dois protagonistas, mais uma vez, com Quim a negar novo golo a Gelson. Estava a desenhar-se um dos mais interessantes duelos do encontro. Mas quem falha, arrisca-se a sofrer e, num contra-ataque bem desenhado, o Aves fez golo, aos 16 minutos. Braga cruzou da direita e Alexandre Guedes, ao segundo poste, fez o um “salto de peixe” e desviou para o fundo da baliza de Rui Patrício.
  • Pelos 20 minutos, os “leões” continuavam a dominar na posse de bola (60%) e nos remates, com quatro disparos, três enquadrados (todos defendidos por Quim). Os avenses precisaram de apenas dois disparos (ambos com boa direcção), para marcar.
  • Notava-se falta de intensidade e capacidade de reacção dos jogadores leoninos, embora mantivessem total domínio das operações e mostrassem estar sempre muito perto de chegar ao golo. Chegada a meia-hora, faltava ao “leão” o último passe de qualidade para efectivar essa veia autoritária. Nesta fase, o Sporting registava já seis disparos, quatro com boa direcção, para além de quatro cantos, para um dos homens de Vila das Aves.
  • A estratégia do Aves ia resultando, com a zona frontal à sua grande área bem povoava, com Vítor Gomes e Fernando Tissone a cobrirem muito terreno. E as transições permitiam à equipa ter, perto do intervalo, quatro remates, sendo três deles enquadrados.
  • Vantagem do Aves chegado o descanso, fundamentalmente porque soube lidar com o jogo do Sporting, não lhe dando espaço em zona frontal nem metros aos alas para imprimirem intensidade ao jogo leonino. Os homens de Alvalade mostravam claramente falta de pique e capacidade de reacção, apesar do domínio apresentado – 66% de posse de bola, sete remates, quatro enquadrados (6-4 para o Aves), quatro cantos contra um. Os homens de Santo Tirso foram bem mais efectivos e esclarecidos, aproveitando a sua melhor oportunidade para marcar.
  • Sporting com mais vigor no arranque do segundo tempo, a chegar aos 68% de posse à passagem da hora de jogo, para além de três remates, um deles enquadrados. O Aves não teve alternativa senão encolher-se, não indo além de um disparo nesta fase, com boa direcção.
  • Aos poucos os “leões” começaram a perder gás, sendo que aos 70 minutos, os avenses passaram a usufruir de 38% de posse, com apreciável total de oito remates, cinco deles enquadrados. Porém, abusava nas faltas, com 16 registadas até esta altura contra apenas cinco da formação. Quim era a grande figura.
  • Era um sinal de que as coisas estavam a mudar… e mudaram mesmo. Aos 72 minutos, o herói do Aves, Alexandre Guedes, isolou-se, deixou-se apanhar por Sebastián Coates, mas teve a calma para fintar o uruguaio (que mal reagiu), flectir para o meio e rematar cruzado, de pé direito, para o 2-0.
  • Aos 78 minutos, após defesa de Quim a remate de Bruno Fernandes, a bola sobrou para Bas Dost que, sozinho, acertou na barra da baliza do Aves. Uma perdida incrível do holandês, visivelmente abatido e de cabeça baixa.
  • Bruno Fernandes, com seis remates por volta dos 80 minutos, era dos poucos com clarividência nos momentos de ataque do “leão”, mas a verdade é que apenas enquadrara dois. O médio era, igualmente, o homem com mais cruzamentos no jogo, nada menos que sete.
  • A esperança do Sporting reacendeu-se quando, aos 85 minutos, Fredy Montero reduziu para 2-1, com um remate acrobático. Mas apesar da grande pressão leonina, o Aves aguentou a vantagem e conquistou a sua primeira Taça de Portugal.
PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Se não pararmos de comer carne, vamos acabar com o planeta

Cada cidadão deverá reduzir em 75% o seu consumo de carne de vaca, 90% de carne de porco, comer metade da quantidade de ovos e triplicar o consumo de sementes e frutos secos. Segundo um estudo …

Encontrado o mais antigo registo sobre Jerusalém

Especialistas da Autoridade de Arqueologia de Israel (AAI) encontraram uma pedra com uma inscrição de dois mil anos de idade na qual se lê "Jerusalém" em hebraico. Encontrada numa escavação subterrânea por baixo do Centro de …

NASA tem esperança que os ventos de Marte reanimem a Opportunity

Os ventos fortes, que se fazem sentir em Marte num determinado período do ano, poderão ajudar a limpar a poeira dos painéis solares do rover Opportunity, que está adormecido desde junho. De acordo com a …

Dormir muito é tão prejudicial como dormir pouco

Um novo estudo descobriu que dormir muito pode ter consequências tão prejudiciais para a saúde como dormir pouco, reduzindo igualmente as capacidades cognitivas.  Um grupo de cientistas da Universidade norte-americana de Ontario conduziu em junho de 2017 …

Cientistas desenvolveram uma retina humana em laboratório

Cientistas da Johns Hopkins University, nos Estados Unidos, desenvolveram a partir do zero tecido da retina humana para aprender como é que são compostas as células que nos permitem ver o mundo a cores. Os cientistas …

Asteróide deixa cientistas perplexos com a sua superfície incomum

Cientistas receberam os primeiros dados e fotos do rover MASCOT, que pousou recentemente na superfície do asteroide Ryugu, e ficaram completamente perplexos. Os dados obtidos apontam para uma quantidade extremamente baixa de poeira na superfície do …

Ossadas contam história de criança neandertal devorada por pássaro gigante da Idade do Gelo

Arqueólogos descobriram os restos humanos mais antigos já encontrados na Polónia. Análises posteriores revelaram pertencerem a uma criança neandertal que terá sido devorada por um pássaro gigante. Apesar de as ossadas terem sido recuperadas há já …

Cientistas descobrem de que são feitos os exoplanetas semelhantes à Terra

Investigadores da Universidade de Zurique analisaram a composição e estrutura de exoplanetas distantes usando ferramentas estatísticas. A sua análise indica se um planeta é parecido com a Terra, se é composto por rocha pura ou …

10% dos homens são daltónicos

Um em cada 10 homens sofre de daltonismo, uma perturbação caracterizada pela incapacidade de diferenciar todas ou algumas cores. O daltonismo, também conhecido como discromatopsia ou discromopsia, é uma perturbação da perceção visual caracterizada pela incapacidade …

O fundador da Ethereum prevê uma crise financeira até 2021

Vitalik Buterin, fundador da Ethereum, não é um entendido em economia global, mas prevê uma crise financeira até 2021. Vitalik Buterin, o prodígio de programação de apenas 24 anos que inventou a plataforma Ethereum aos 19 anos, …