Algumas aves reconhecem humanos pelas suas roupas

Uma equipa de investigadores chineses descobriu que algumas aves marinhas são capazes de reconhecer humanos através das roupas que estes vestem.

Os pássaros têm uma boa memória e, alguns deles, são mesmo capazes de reconhecer humanos familiares e inofensivos através das suas roupas. Os corvos, por exemplo, conseguem lembrar-se da cara das pessoas que lhes fazem mal.

Agora, um novo estudo mostra que as aves marinhas da China conseguem distinguir os humanos através da roupa e são estão mais relaxadas à beira de pessoas que usam roupas e acessórios de pescadores locais em comparação com aqueles com roupas normais. Segundo o Gizmodo, estas aves olham para os pescadores locais como uma ameaça menor.

Changzhang Feng

Uma pessoa vestida casualmente e um pescador local.

Para testar esta suposição, alguns investigadores vestiram-se normalmente e outros vestiram-se de pescadores. De seguida, caminharam em direção às aves e compararam o tempo que elas demoravam a levantar voo com medo de ficarem em perigo. Os cientistas fizeram isto mais de 900 vezes.

Os resultados do estudo que será publicado em junho na revista científica Global Ecology and Conservation mostram que as aves fugiam mais cedo quando as pessoas vestidas casualmente se aproximavam. Em sentido contrário, deixavam as pessoas vestidas de pescadores locais aproximarem-se mais antes de voarem.

Os investigadores realçam que algumas espécies eram mais sensíveis do que outras, mas que no geral todas correspondiam à sua suposição.

“É interessante que pareçam ter algum grau de discriminação entre seres humanos com roupas diferentes”, disse Andrea Griffin, ecologista comportamental da Universidade de Newcastle, na Austrália, que não participou na investigação. “Isto não foi evidenciado antes em aves marinhas”.

A especialista sugere que os pássaros podem estar concentrados em algo diferente das roupas. Os chapéus largos e cónicos dos pescadores escondem os olhos, mas as roupas normais não. É possível que esconder os olhos faça de nós uma ameaça menor para estas aves.

“Estamos a aprender que toda uma comunidade de aves aquáticas – algo que não consideramos muito inteligente, francamente – também está a prestar muita atenção à maneira como as tratamos”, disse John Marzluff, cientista de vida selvagem da Universidade de Washington, que também não participou na investigação.

Marzluff diz que são estudos como este que “nos dizem que os pássaros estão a prestar muito mais atenção em nós do que jamais imaginamos”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Não haverá acordo" se Londres não respeitar compromissos, avisa Michel Barnier

O negociador europeu para a saída do Reino Unido da União Europeia (UE), Michel Barnier, sublinhou no domingo que "o tempo urge", avisando que não haverá acordo se Londres permanecer nas posições anteriores. "O Reino Unido …

Ex-Benfica Garay acusa Valência de "campanha difamatória"

Ezequiel Garay acusou o Valência de levar a cabo uma "campanha difamatória" contra si. "Dói ver estas coisas quando estão a prejudicar os que amas", disse o argentino. O ex-jogador do SL Benfica Ezequiel Garay cumpre …

O maior salto em cinco anos. Dívida pública atingiu recorde em abril

A dívida pública aumentou para 262,1 mil milhões de euros em abril, o valor mais alto desde 1995, segundo os dados divulgados pelo Banco de Portugal. A dívida pública aumentou para o valor recorde de 262,1 …

Diabéticos e hipertensos. PSD quer debater alteração que retirou estes doentes de regime excecional

O PSD pediu a apreciação parlamentar do decreto-lei que retirou doentes hipertensos e diabéticos do regime excecional de proteção relativo à covid-19. A apreciação parlamentar permite que a Assembleia da República debata, altere e, no limite, …

Norte sem contágios por covid-19. Grande Lisboa regista 96,5% dos novos casos

Portugal regista hoje 1.424 mortes relacionadas com a covid-19, mais 14 do que no domingo, e 32.700 infectados, mais 200, segundo o boletim da Direcção-Geral de Saúde (DGS). 193 dos novos casos são na área …

Aviões deixam de ter lotação reduzida a partir desta segunda-feira

Os aviões deixam, a partir desta segunda-feira, de ter a lotação de passageiros reduzida a dois terços, mas o uso de máscara comunitária é obrigatório. O Governo alinhou, assim, as regras nacionais pelas regras europeias no …

Marcelo pede que não se passe do "8 para o 80" e alerta para imagem do país

O Presidente da República reiterou hoje o apelo à população para que não se passe “do 8 para o 80” nas medidas de prevenção da covid-19, alertando para os riscos da imagem do país “cá …

Só metade das crianças deverá voltar ao pré-escolar esta segunda-feira

As crianças em idade pré-escolar regressam esta segunda-feira aos jardins de infância, que voltam a funcionar com novas regras, depois de encerradas durante mais de dois meses, devido à pandemia da covid-19. Apesar do regresso, que …

Dois astronautas (e um dinossauro de peluche) chegaram à EEI à boleia da SpaceX

Para além dos astronautas Doug Hurley e Bob Behnken, seguia a bordo da Crew Dragon um dinossauro de peluche com lantejoulas. E há uma explicação para isso. Este sábado, o foguetão Falcon 9, da SpaceX, fez …

Pescadores já podem capturar sardinha, mas recuo no consumo é uma preocupação

Os pescadores voltam a poder capturar sardinha, a partir desta segunda-feira, e até 31 de julho, com limites diários e semanais, segundo um despacho publicado em Diário da República. De acordo com o diploma, assinado pelo …