Agência espanhola nega ter noticiado “autogolpe” de Nicolás Maduro

MinCI

Nicolás Maduro, Presidente da Venezuela

Nicolás Maduro, Presidente da Venezuela

A agência de notícias espanhola Efe negou esta sexta-feira ter dado qualquer informação sobre um alegado “auto golpe” do Presidente venezuelano e comunicou às autoridades da Venezuela a sua surpresa perante declarações de Nicolás Maduro.

Num discurso proferido na quinta-feira, o chefe de Estado venezuelano afirmou que “os estúpidos da agência Efe, chamemos-lhes assim, estão a dizer que Nicolás Maduro, ou seja eu, filho de Chávez, quero eu mesmo fazer um golpe de Estado para, depois disso, suspender as eleições, porque supostamente a oposição vai vencer as eleições”.

A direção da Efe transmitiu hoje às autoridades venezuelanas a sua total surpresa por estas afirmações, que não assentam em qualquer notícia escrita pela agência, cujos jornalistas estão obrigados a cumprir os mais severos princípios de imparcialidade e objectividade.

“A agência Efe não se imiscui em caso algum no debate político venezuelano, que diz respeito ao povo venezuelano soberano”, esclareceu a direcção da agência de notícias espanhola, numa conversa com o embaixador da Venezuela em Espanha, Mario Isea.

“Concluímos que alguém informou mal o Presidente Maduro, sem dúvida”, acrescentou a direção da Efe.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Poesia de emergência". Espanhóis criam número de telefone para quem quiser ouvir poemas

O projeto "Poesia de Emergência" nasceu no início de 2018 e tem mais de uma centena de voluntários que recitam poemas próprios autores conhecidos. Basta ligar para um número.   A ideia, que já tem voluntários em …

Vitalino Canas: "Andei 40 anos a preparar-me para ser juiz do Tribunal Constitucional"

O ex-secretário de Estado Vitalino Canas assumiu hoje, no parlamento, que esteve nos últimos “40 anos” a preparar-se para “ser juiz do Tribunal Constitucional”, e salientou que se for eleito não será porta-voz “de nenhum …

Lei que proíbe eutanásia "comercial" considerada inconstitucional por tribunal alemão

O Tribunal Constitucional da Alemanha considerou esta quarta-feira inconstitucional uma lei de 2015 que proíbe o suicídio assistido "organizado" por médicos ou associações. A lei privou doentes em fase terminal do "direito de escolher [a sua] …

Relatório policial acusa adeptos portistas de racismo contra jogador do Moreirense

O FC Porto está a ser alvo de um processo disciplinar por acusações de racismo contra um jogador guineense do Moreirense, numa partida disputada dia 10 de janeiro. Depois de toda a polémica a envolver Marega, …

Montijo: Lei que permite veto dos municípios ao aeroporto é "desajustada e desproporcional

O ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, defendeu hoje, em Lisboa que a lei que permite aos municípios vetar a construção do aeroporto do Montijo é “desajustada e desproporcional”, pelo que deve ser alterada. “O debate …

Multimilionários chineses são quase 800. Já superaram os norte-americanos

O número de novos multimilionários chineses cresceu a um nível recorde até 31 de janeiro, ultrapassando os Estados Unidos (EUA). Apesar do surto do novo coronavírus, que tem afetado a economia chinesa, há empresas que …

Ex-jogador dos Chicago Bulls assina pelo FC Porto

O FC Porto contratou até final da época o basquetebolista norte-americano Rawle Alkins, que já jogou na NBA ao serviço dos Chicago Bulls, para substituir o lesionado compatriota Will Sheehey, anunciou hoje o clube. “Sei que …

Sánchez e Torra iniciam diálogo. Mas mantêm braço de ferro sobre a Catalunha

Os governos de Espanha e da Catalunha iniciam esta quarta-feira o diálogo sobre a questão catalã. Mas se por parte do primeiro os membros da mesa são todos ministros, do lado catalão, alguns dos escolhidos …

Alcochete. Arguido iliba Mustafá de dar ordem para o ataque à academia

O arguido Valter Semedo disse hoje em tribunal que o objetivo da ida a Alcochete no dia da invasão à academia do Sporting consistia em mostrar aos jogadores "descontentamento de uma maneira não simpática". Além …

Arábia Saudita vai lançar campeonato de futebol feminino

A Arábia Saudita, que procura afastar a imagem de um reino ultraconservador, vai lançar um campeonato de futebol feminino, com o objetivo de reforçar a participação das mulheres no desporto. A primeira temporada da competição acontecerá …