Suspeito de terrorismo apanhado em Lisboa diz que estava a enfrentar feitiçaria

Um angolano suspeito de terrorismo que foi apanhado no Aeroporto de Lisboa com uma faca e que esteve com o Estado Islâmico na Síria começou a ser julgado esta quinta-feira. Em tribunal, falou de “jihadistas” homossexuais e de feitiçaria.

Calunga Gima foi detido em 2014, depois de ter sido apanhado com uma faca de 20 centímetros na pista de aterragem do aeroporto de Lisboa, perto de um avião prestes a descolar para Luanda.

Suspeito de terrorismo, este angolano de 29 anos com nacionalidade holandesa começou a ser julgado esta quinta-feira, em Lisboa, debaixo de fortes medidas de segurança.

O Ministério Público suspeita que ele pode ser um “jihadista” que recebeu treino na Síria para cometer actos terroristas em solo europeu. Mas o arguido garante que é tudo um grande engano.

Em tribunal, conforme o relato publicado pelo Público, contou que foi para a Síria para ajudar os refugiados com a ajuda de “uns rapazes” que, afinal, não sabiam nada de refugiados.

Alegou também que ficou com esses “rapazes”, presumivelmente “jihadistas”, durante cerca de uma semana e que só pegou numa arma por uma vez para testar a pontaria.

Calunga Gima argumenta também que não é muçulmano e que fingiu a conversão ao Islão por medo.

Referiu ainda que ficou “chocado” quando viu que havia “homens sexuais” (queria dizer homossexuais) numa das casas que visitou na Síria.

O homem acabou por ser reencaminhado para a fronteira da Turquia e a seguir para a Holanda e, já em casa, no país para onde emigrou, conta que começou a aperceber-se de que era alvo da bruxaria de um vizinho.

Foi assim que chegou a Portugal para aliviar a cabeça, disse.

“No comboio de Espanha para Lisboa tive a certeza de que estava a ser enfeitiçado. Uma jovem que tinha entrado com um bebé ao colo sentou-se à minha frente e pediu ao bebé para dizer o meu nome: Calunga Gima”, referiu no julgamento, conforme cita o Público.

Pelo quarto onde ficou instalado em Lisboa espalhou litros de vinagre, para se proteger da feitiçaria, que a polícia chegou a temer que fosse “uma substância letal”.

Quando foi apanhado no aeroporto, estava a “enfrentar a feitiçaria”, garante Calunga Gima.

“Com o barulho dos aviões os espíritos já não conseguiam fazer maldades”, disse o homem, que chegou a dormir na área da pista de aterragem durante uma noite.

Além da faca de grande dimensão, a polícia apreendeu-lhe também uma agenda com a nota “Fui para a Síria, através da Turquia. Recebi duas semanas de treino”.

Frases que diz ter escrito para impressionar os amigos no café.

ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Covid-19: Brasil supera as 100.000 mortes

O Brasil ultrapassou hoje a barreira das 100.000 mortes associadas à covid-19, quase cinco meses depois da confirmação do primeiro óbito no país, indicam dados oficiais divulgados pelas secretarias regionais de Saúde. Segundo os mais recentes …

As vacas leiteiras têm relações complexas (que se alteram quando mudam de grupo)

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Chile e dos Estados Unidos concluiu que as vacas leiteiras vivem em redes sociais complexas que se alteram quando estes animais são movidos para outros grupos.  Para …

Virgin Galactic quer desenvolver avião comercial supersónico (que promete superar a velocidade do som)

A Virgin Galactic vai aliar-se à Rolls-Royce para criar um avião comercial supersónico, ainda mais rápido do que o mítico Concorde. A empresa de turismo espacial Virgin Galactic anunciou uma parceria com a Rolls-Royce para desenvolver …

PayPal resiste à pandemia. Volume de pagamentos cresce 30% no segundo trimestre

O volume de pagamentos através do PayPal cresceu 30% no segundo trimestre. A empresa parece resistir à pandemia de covid-19, que abalou o setor das viagens, cujos pagamentos estão muitas vezes associados a meios eletrónicos. …

Quatro pessoas morreram nos Estados Unidos depois de beberem desinfetante para as mãos

Quatro pessoas morreram nos Estados Unidos depois de ingerirem desinfetante para as mãos à base de álcool, revelou um relatório do Centros de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC) do país esta quarta-feira publicado. De …

Jim Hackett deixa a Ford após três anos de liderança

Ao fim de três anos como CEO da Ford, Jim Hackett será substituído por Jim Farley. Um mandato que fica marcado por problemas financeiros, de produção e pela morte dos três volumes e utilitários. O mandato …

Covid-19: Portugal tem mais 186 casos e quatro pessoas morreram desde sexta-feira

Portugal regista hoje mais quatro mortos e 186 novos casos de infeção por covid-19 em relação a sexta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde. De acordo com o relatório da DGS sobre a situação …

Versão americana da Eurovisão chega em 2021

O Festival Eurovisão da Canção — o maior espetáculo de entretenimento televisivo do mundo — vai chegar aos Estados Unidos no final do próximo ano. A novidade foi divulgada, esta sexta-feira (7), em comunicado oficial. A …

Contratações na TVI após apoios financeiros "suscitam preocupação"

O professor universitário e ex-ministro Miguel Poiares Maduro manifestou "preocupação" relativamente às contratações na TVI, da Media Capital, grupo que beneficia do apoio do Estado, através da compra antecipada de publicidade institucional. Em entrevista à Lusa, …

Invocando Sá Carneiro, Miguel Albuquerque também defende diálogo entre PSD e Chega

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, defendeu que o PSD deve dialogar com vários partidos, incluindo o Chega de André Ventura. Depois de Rui Rio admitir em entrevista à RTP que poderá vir …