“O FC Porto teve a oportunidade de me comprar, mas não quis”

António Cotrim / Lusa

Numa longa entrevista à RTP3, Bruno Fernandes revelou que, antes de chegar ao Sporting, existiu a possibilidade de assinar pelo FC Porto.

Bruno Fernandes será um dos nomes que vão agitar o mercado de transferências no verão. O capitão leonino, considerado por muitos como o melhor jogador da liga portuguesa, prefere destacar outros nomes antes do seu.

“Não vou dizer que sou eu. Não é uma questão de humildade a mais, mas não me consigo ver dessa maneira. Há um jogador que este ano até pode não ter sido tão preponderante, mas que gosto muito: o Brahimi. Para mim, quando quer, é o melhor jogador do campeonato”, começou por afirmar, numa entrevista transmitida este domingo na RTP3.

Além de Brahimi, Bruno Fernandes também tem em consideração um jogador do Benfica. “Dos portugueses… Temos a surpresa João Félix, que fez um grande campeonato, mas pela influência que tem diria o Pizzi. Talvez até o possa colocar no mesmo patamar que o Brahimi”, acrescentou.

Em relação ao número cada vez maior de jovens que vão para o estrangeiro, o capitão do Sporting disse que, em Portugal, “os jogadores, quando saem da formação, até terem um salário compatível com aquilo que estão a jogar, têm de fazer duas ou três épocas muito bem. Enquanto um jogador estrangeiro, que venha de qualquer lado, tem um salário exorbitante, por exibições se calhar até mais fracas do que o jogador português”.

Aliás, o próprio Bruno Fernandes emigrou muito cedo, com apenas 17 anos, para jogar no Novara. “Quando cheguei lá tinha um ordenado base, que era o mínimo em Itália, de 1.500 euros, mas comecei a recebê-lo a partir de fevereiro. Estive desde junho até fevereiro com 50 euros que a minha mãe me deu para eu ir. Disse-me: ‘Se precisares de alguma coisa, gasta!’ Aqueles 50 euros duraram até janeiro, porque eu não saía da academia. Vivia com aquilo que tinha. Era feliz. Tinha uma bola, tinha campos. Para mim chegava”, contou.

Nessa altura, e antes de ir para o Sporting, Bruno Fernandes revelou que foi sondado pelos dragões. “O FC Porto teve a possibilidade de me comprar, mas preferiu outra opção”, disse, citado pelo jornal A Bola.

Durante a entrevista, o médio leonino falou ainda em relação à possibilidade de rumar à Premier League. “Acho que em Inglaterra há muitas equipas que são um grande desafio. Obviamente, há duas equipas de que se tem falado muito, o United e o City“, começou por dizer.

“Obviamente que são dois clubes que qualquer jogador gostaria de representar. Para mim seria uma honra enorme poder representar tanto um como outro. São dois clubes enormes, como já referi. Agora, as responsabilidades são as mesmas. São dois clubes que jogam para ganhar, que querem ganhar, como Sporting quer ganhar”, concluiu o atleta.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Podemos chegar a 1.000 novos casos por dia". Costa pede cautela

No final da reunião de emergência com o gabinete de crise para o acompanhamento da evolução da covid-19 em Portugal, Costa deixou conselhos e pediu cautela. A reunião, convocada na quinta-feira por António Costa, surgiu …

13 de Outubro em Fátima "sim, mas sem peregrinos". Delegada de Saúde espera que a Igreja se "porte bem"

A delegada de Saúde Pública do Médio Tejo defende que as cerimónias religiosas do 13 de Outubro no Santuário de Fátima decorram "sem peregrinos", esperando que a Igreja se porte "tão bem" como aquando do …

Espanha acusa hackers chineses de roubarem informações de vacina contra coronavírus

O Centro Nacional de Inteligência (CNI) espanhol argumenta que hackers chineses terão, alegadamente, acedido a informações confidenciais sobre o desenvolvimento de uma vacina contra o novo coronavírus. A diretora do CNI, Paz Esteban, alerta para um aumento …

Tribunal de Loures. António Joaquim vai manter-se em liberdade

O Tribunal de Loures decidiu esta sexta-feira manter a medida de coação de termo de identidade e residência a António Joaquim, condenado pelo Tribunal da Relação pelo homicídio do triatleta Luís Grilo, após um pedido …

Mesmo com o aumento de infetados, diminuir a quarentena para 10 dias é uma hipótese

A DGS deverá decidir em breve se o período de quarentena pode ser reduzido de 14 dias para apenas 10 dias, mas não para todos os casos. Para ficar menos tempo isolado é necessário cumprir …

Porfírio Silva vê “papel positivo” na candidatura de Ana Gomes, mas critica farpas a Costa

O dirigente socialista Porfírio Silva considera que a candidatura presidencial de Ana Gomes pode ser positiva se não cair na "armadilha" de se centrar no ataque a António Costa e se não "atropelar" o Estado …

Operação Lex. Três juízes acusados de corrupção. Luís Filipe Vieira vai ser julgado por um crime

Os juízes Rui Rangel, Fátima Galante e Vaz das Neves e o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, estão entre os 17 acusados da Operação Lex. Em causa estão crimes de corrupção, abuso de poder, …

Em tempos difíceis, Von der Leyen diz que “sempre vi em Portugal um forte aliado"

Numa entrevista, Ursula von der Leyen disse que Portugal terá “a tarefa de liderar” com a recuperação da pandemia quando chegar à presidência do Conselho da UE em 2021. E promete uma proposta “mais humana …

Caso Eurofin. Salgado recebe coima de 4 milhões de euros do Banco de Portugal

Ricardo Salgado, ex-presidente do BES, foi condenado pelo Banco de Portugal a pagar mais uma coima, no valor de quatro milhões de euros, no processo sobre o veículo suíço Eurofin e por operações que lesaram …

"Último recurso". Governo britânico admite novo confinamento no Reino Unido

O ministro da Saúde britânico, Matt Hancock, admitiu esta sexta-feira que o Governo conservador não descarta decretar um segundo confinamento nacional para conter a pandemia de covid-19, embora considere esta opção um "último recurso" “Faremos …