Astrónomos descobrem planeta infernal com céu de titânio

Pela primeira vez, os astrónomos detetaram óxido de titânio na atmosfera de um exoplaneta. A observação foi feita usando o instrumento FORS2 no Very Large Telescope (VLT) da ESO, e fornece uma visão única da composição química do exoplaneta WASP-19b, assim como informações valiosas sobre a estrutura de pressão e temperatura da atmosfera.

WASP-19b é um “Júpiter quente” verdadeiramente incomum a cerca de mil anos luz da Terra. Tem aproximadamente a mesma massa de Júpiter, mas por estar tão perto da sua estrela, completa uma órbita em 19 horas, o que também faz com que o planeta seja muito quente, com uma temperatura estimada em cerca de 2.000 graus Celsius.

Quando o WASP-19b passa na frente da estrela que orbita, alguma luz estelar atravessa a sua atmosfera, deixando “impressões digitais” na luz que chega eventualmente à Terra.

A equipa de astrónomos conseguiu analisar essas “impressões digitais” com o instrumento FORS2 no VLT e deduzir que, juntamente com uma neblina global fortemente espalhada, a atmosfera continha pequenas quantidades de água, sódio e óxido de titânio.

Raramente visto na Terra, o óxido de titânio é conhecido por existir nas atmosferas de estrelas geladas. Nas atmosferas de um planeta quente como WASP-19b, o titânio absorve calor.

Na verdade, se o óxido de titânio é suficiente numa atmosfera, evitará que o calor entre ou saia, causando uma inversão térmica, com a atmosfera superior a ficar mais quente do que a atmosfera inferior. O ozono tem um efeito semelhante na atmosfera da Terra, causando inversão na estratosfera.

Os cientistas passaram mais de um ano a recolher dados WASP-19b, comparando observações com modelos atmosféricos para extrapolar as diferentes propriedades da atmosfera do exoplaneta.

Agora, os novos dados sobre a presença de óxido de titânio, outros óxidos metálicos e outras substâncias podem ser usados ​​para desenvolver modelos melhorados das atmosferas dos exoplanetas.

Uma vez que os astrónomos possam observar as atmosferas dos planetas que mostram maior potencial de habitar vida, esses modelos melhorados podem ajudá-los a interpretar essas observações de forma mais eficaz.

As descobertas também confirmam que o instrumento FORS2 remodelado é a melhor ferramenta para lidar com esses tipos de estudos da Terra.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Cientistas investigam estranho gelo cor-de-rosa num glaciar dos Alpes italianos

Uma equipa de cientistas anunciou esta segunda-feira estar a tentar averiguar a origem de gelo cor-de-rosa num glaciar nos Alpes italianos. O fenómeno deverá ser provocada por algas que aceleram os efeitos das mudanças climáticas. A origem …

Especialistas de 32 países alertam OMS: covid-19 também se transmite pelo ar

Numa carta aberta à Organização Mundial de Saúde, 239 cientistas pedem que a organização reveja as recomendações que tem emitido, alertando para o facto de a covid-19 poder transmitir-se pelo ar. Numa carta dirigida à Organização …

Moreirense 0-0 Sporting | Nulo em jogo de pólvora seca

A 30ª jornada fechou no Minho com um nulo entre Moreirense e Sporting, que continua sem derrotas sob o comando de Rúben Amorim. A formação leonina poderia muito bem ter vencido em Moreira de Cónegos, pois …

Armazém flutuante. A China está a guardar petróleo no mar (e já se sabe porquê)

A China está a guardar uma quantidade épica de petróleo no mar. De acordo com a CNN, o país comprou tanto petróleo estrangeiro a preços baratos que formou um congestionamento maciço de navios-tanque no mar, …

Peregrinos em Meca proibidos de tocar ou beijar a Caaba por causa da covid-19

Os muçulmanos que vão participar na peregrinação a Meca não poderão tocar ou beijar a Caaba nem a "pedra negra", presentes na Grande Mesquita, local considerado como um dos mais sagrados pelo Islão, informaram as …

Países Baixos continuam a abater milhares de martas. 20 quintas afetadas pela pandemia

Esta segunda-feira, as autoridades holandesas abateram milhares de martas em mais duas fazendas onde foram detetados surtos de covid-19. Esta segunda-feira, as autoridades abateram milhares de martas em mais duas fazendas, sendo agora 20 as quintas …

Cientistas criam robô para fazer testes à covid-19 (e proteger os profissionais de saúde)

O Korea Institute of Machinery & Materials (KIMM) desenvolveu um novo robô de coleta remota de amostras que elimina o contacto direto entre os profissionais de saúde e os pacientes, potencialmente infetados com o novo …

"Não use desodorizante". A peculiar estratégia de Berlim para promover o uso de máscaras nos transportes públicos

"Não use desodorizante". Esta é a peculiar campanha adotada pela empresa que controla os transportes públicos em Berlim, na Alemanha, para promover o uso correto de máscaras, evitando assim novos casos de covid-19.  Tal como escreve …

Vírus pode ter estado adormecido antes de surgir na China, diz investigador de Oxford

O novo coronavírus pode ter estado adormecido algures no mundo antes de ter surgido na China, defendeu o investigador da Universidade de Oxford, Tom Jefferson, apontando para várias descobertas de amostras do vírus em Espanha, …

Federer sente falta de Wimbledon. "Deu-me tudo"

Roger Federer admitiu sentir a falta de Wimbledon, o torneio do "Grand Slam" que, se não tivesse sido cancelado devido à pandemia de covid-19, estaria a decorrer em Londres. O tenista suíço Roger Federer admitiu, esta …