Número de professores de informática é insuficiente para responder à procura

Manuel de Almeida / Lusa

Aquela que poderia ser uma notícia positiva tem, na realidade, um contexto negativo, já que evidencia uma falha estrutural do sistema de ensino português.

De acordo com as informações veiculadas pela Direção-Geral da Administração Escolar (DGAE), restam atualmente por colocar 31 professores de informática em Portugal, um número manifestamente inferior se se considerar que existiam, até ontem, 1927 horários por preencher, num total de 553 escolas, dos quais 397 correspondem à falta de professores de informática, precisamente, segundo o site Escolas perto de Mim.

Segundo o jornal Público, que avança com a notícia, cada horário disponível corresponde à regra de contratação de um professor e podem ser para assegurar horários completos (de 22 horas de aulas semanais) ou períodos de aulas mais curtos.

No que respeita aos horários completos para colocação de professores, estes começam a ser disponibilizados nos concursos de mobilidade interna, isto é, docentes do quadro, e contratação inicial, os contratados. Os que não ficam ocupados passam para as “reservas de recrutamento”, as quais vão sendo abertas durante o ano letivo. Os horários que ficam vazios podem depois passar para o regime de contratação de escola.

Tal como lembra a mesma fonte, a questão da falta de professores de informática poderia ser, à partida, uma notícia positiva — por evidenciar a capacidade do mercado de trabalho em os absorver, mas o que poderá estar em causa é uma falta que pode ter-se tornado estrutural nos últimos anos: por falta de formação ou por estarem noutros empregos.

  ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

    • Caro viajante, não consigo atingir o seu comentário…
      Então mas, para a maioria da “populaça” que diariamente destila ódio contra os funcionários públicos em geral, e os professores em particular, não há professores a mais? Principescamente pagos e que nada fazem? Incompetentes e frustrados que vão para professores por não terem competências para mais nada?
      Não percebo como pode sugerir que vão falar professores: uma casta de inúteis parasitas, que auferem faustosos vencimentos resultado da produção alheia, que em nada contribuem para o engrandecimento e enriquecimento do país, uns malandros que não querem trabalhar, pois passam a vida em greves, e de baixa etc…
      Enfim, não percebo: de acordo com estes argumentos, que são representativos do pensamento da generalidade da populaça, deveria haver inúmeros candidatos a professores, uma competição feroz entre os melhores pela entrada na profissão. Não faz qualquer sentido o seu comentário. Só falta o Senhor vir dizer que qualquer dia, tal como os ingleses, teremos de importar professores (leia-se, inúteis parasitas e malandros preguiçosos) para haver professores nas escolas… O Senhor tenha vergonha e tenha tino. É a melhor profissão que alguém pode ter: estável, bem remunerada, pouco stressante, nada regulada, nem sujeita a escrutínio e interferências externas, sem qualquer carga burocrática, reconhecida e prestigiada… Enfim: “the portuguese dream”…

      Nota final: para os incautos/distraídos, tudo o atrás exposto é SARCASMO!

RESPONDER

O pior desastre nuclear da história dos EUA pode ter sido fruto de uma brincadeira

O SL-1 era um reator nuclear experimental de baixa potência, localizado no Idaho, nos EUA, que tinha como objetivo fornecer energia a pequenas instalações militares remotas no início dos anos 1960. O reator acabou por ficar …

PJ deteve quarto suspeito da morte de jovem no metro das Laranjeiras

A Polícia Judiciária (PJ) deteve, ao final da tarde desta quinta-feira, um quarto suspeito da morte de um jovem, na quarta-feira, na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa. Durante a tarde de hoje, em conferência …

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, a ministra de Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva, a ministra da Cultura, Graça Fonseca, e a ministra da Saúde, Marta Temido

Saúde, Trabalho e Cultura. As medidas aprovadas pelo Governo para facilitar a negociação do OE

Novo Estatuto do Serviço Nacional de Saúde, Agenda do Trabalho Digno e a versão final do Estatuto dos Profissionais da Cultura foram os grandes destaques da conferência de imprensa após o Conselho de Ministros desta …

Banido do Facebook, Donald Trump aposta na criação da sua própria rede social

Nova rede social deverá estar disponível a partir do início do próximo ano e é uma resposta do antigo presidente às empresas que o decidiram banir. O antigo Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump anunciou o …

Um cigarro aceso

"Fumar mata." Deputados britânicos querem que o aviso seja impresso em cada cigarro

Para desencorajar os fumadores, os deputados britânicos querem imprimir o slogan "Fumar mata" em cada cigarro de um maço de tabaco. Deputados britânicos apresentaram, no Parlamento, uma emenda à Lei de Saúde e Cuidados de Saúde …

Ludogorets 0-1 Braga | Horta bracarense dá frutos cedo

O Sporting de Braga conseguiu um importante triunfo por 1-0 na deslocação ao terreno do Ludogorets, no Grupo F da Liga Europa. A formação lusa não quis perder tempo e marcou logo aos sete minutos, por …

PJ admite mais pessoas envolvidas na morte de jovem no metro das Laranjeiras

A Polícia Judiciária (PJ) admitiu, esta quinta-feira, que estejam mais pessoas envolvidas na morte de um jovem, na quarta-feira, na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa. Os dados foram avançados esta tarde, em conferência de …

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa

Marcelo continua a "desejar e a esperar que haja uma possibilidade de o OE passar"

O Presidente da República afirmou, esta quinta-feira, que continua "a desejar e a esperar que haja uma possibilidade de o Orçamento passar" e considerou que os próximos dias, com reuniões partidárias até ao fim-de-semana, "são …

Facebook acorda com parte da imprensa diária francesa pagar "direitos conexos"

O Facebook chegou a um acordo com parte da imprensa diária francesa para pagar "direitos conexos", anunciou a rede social norte-americana, algumas semanas depois de assinar acordos semelhantes com o Le Monde e o Le …

Os trabalhadores que acumulam empregos em teletrabalho — e em segredo

Com a normalização do teletrabalho nos últimos anos, há cada vez mais pessoas que acumulam dois empregos a tempo inteiro — e em segredo. Têm dois endereços de e-mail profissionais, dois computadores, dois patrões e... dois …