Com Camões na ponta da língua, Jesus rodou a equipa e sofreu para vencer

O Flamengo está cada vez mais perto do título, principalmente após a vitória deste domingo frente ao Grêmio. Com uma equipa desfalcada e desprovida de grande parte dos habituais titulares, Jorge Jesus sofreu, mas lá conseguiu a vitória.

O técnico português aproveitou a larga vantagem pontual para poupar alguns dos jogadores antes da primeira mão da final da Copa Libertadores, que joga este sábado em casa do River Plate.

Na Arena do Grêmio, a partida estava a ser bem disputada pelas duas equipas, até que, aos 37 minutos, o arbitro apontou para a marca dos 11 metros e deu grande penalidade ao Flamengo. Na conversão, Gabriel Barbosa não vacilou e deixou o ‘Fla’ na frente do marcador.

O Flamengo recostou-se no encontro e, no segundo tempo, praticamente só deu Grêmio. A situação azedou ainda mais quando ‘Gabigol’ acabou expulso. O avançado brasileiro aplaudiu ironicamente a decisão do árbitro em dar-lhe o primeiro amarelo, o juiz não gostou e acabou por lhe dar outro logo de seguida.

O emblema ‘rubro-negro’ apertou o cinto e a jogar com dez elementos conseguiu segurar a vantagem no marcador. Com este triunfo, Jesus reforça a liderança do Brasileirão, principalmente após o empate do Palmeiras em Bahia. Com o campeonato a aproximar-se do seu fim, o Flamengo leva 13 pontos de vantagem para o segundo classificado.

Afasta críticos e cita Camões

Na conferência de imprensa após a vitória, Jorge Jesus falou sobre as críticas de que tem sido alvo desde a sua chegada ao Brasil. Com humildade, o treinador português desvalorizou-as e disse que não veio para o Brasil para ensinar ninguém.

Eu vim para o Brasil para trabalhar, não vim para tirar o lugar a ninguém, nem para ensinar. Vim para trabalhar dentro de uma metodologia de jogo que tenho e que apresentei ao Flamengo. Não sou melhor nem pior do que nenhum treinador brasileiro e quero que percebam que o facto de eu estar aqui não quer dizer que esteja a denegrir ninguém ou mostrar que os brasileiros têm maior ou menor valor”, explicou.

Jorge Jesus, que também é acarinhado por muitos adeptos do Flamengo, relembrou a passagem de muitos treinador brasileiros por Portugal, que sempre foram tratados com respeito e consideração.

Sinceramente, não entendo estas mentes fechadas e espero que olhem para mim como colega de profissão, independentemente de ser português, argentino ou brasileiro“, reiterou.

Convidado a falar sobre os grandes escritores portugueses, Jesus mencionou os nomes de José Saramago e Fernando Pessoa. Além disso, referiu Camões, “que é histórico e me fez aprender algumas coisas e […] no último parágrafo de um livro dele escreveu a palavra inveja. Porque é um problema que muitas vezes acontece, como agora”.

“Leio muitos livros sobre basquetebol, andebol, mas futebol não, porque não preciso de saber o que os outros pensam. O treino é criatividade, toda a minha forma de trabalhar foi pensada pela minha cabeça. Não leio um livro sobre futebol“, rematou Jesus.

DC, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Estado emprestou dois milhões à Cruz Vermelha para pagar salários

A Parpública SGPS emprestou dois milhões de euros ao Hospital da Cruz Vermelha, nomeadamente para fazer pagamento de salários. A Parpública SGPS, holding tutelada pelo Ministério das Finanças, libertou dois milhões de euros para permitir ao …

Ex-ministro francês François Bayrou acusado de cumplicidade na apropriação de fundos

O ex-ministro francês François Bayrou, dirigente centrista e próximo de Emmanuel Mácron, foi acusado na sexta-feira por "cumplicidade na apropriação indevida de fundos públicos" no caso dos assistentes parlamentares do seu partido. A acusação, "anunciada antecipadamente …

"Profundamente envergonhada", Merkel visitou Auschwitz pela primeira vez

A chanceler alemã, Angela Merkel, visitou esta sexta-feira pela primeira vez o campo de concentração e extermínio de Auschwitz-Birkenau num "sinal de reconciliação com os judeus e o estado de Israel", considera o historiador René …

Capital do Natal de Algés avança com queixa-crime contra promotores

A organização da Capital do Natal, evento que decorre em Algés, Oeiras, vai apresentar uma queixa-crime contra os promotores turísticos que "adulteraram a oferta do parque", o que defraudou "um conjunto alargado de pessoas". Em causa …

Menino de 5 anos convidou todos os colegas do infantário para assistir à sua adoção

Um menino de cinco anos de Michigan, nos Estados Unidos, convidou a sua turma do infantário para testemunhar à sua adoção legal. A criança, identificada como Michael, foi adotada formalmente pela sua nova família na passada …

TDT vai mudar de frequência (outra vez)

A frequência da Televisão Digital Terrestre (TDT) está a ser alterada de forma faseada, o que significa que os portugueses que usem este serviço gratuito de televisão têm de sintonizar novamente os seus recetores e/ou …

Ruas de Águeda entre as "mais bonitas do mundo" para a CNN

As ruas do centro de Águeda, no distrito de Aveiro, decoradas com guarda-chuvas estão entre as 21 mais bonitas de mundo para a emissora norte-americana CNN. A distinção é avançada pelo jornal Público, que dá …

Hospitais vão poder pagar mais a médicos para garantir urgências no Natal

Os hospitais vão poder contratar médicos prestadores de serviço, vulgo tarefeiros, por valores superiores aos de referência durante o Natal e o Ano Novo. De acordo com o presidente da Federação Nacional dos Médicos, Noel Carrilho, …

Jovem que abandonou bebé no lixo esteve 13 anos institucionalizada em Cabo Verde

A jovem que abandonou o filho recém-nascido no lixo, em Lisboa, esteve institucionalizada durante 13 anos em Cabo Verde. A sua mãe está agora a lutar pela guarda da criança. Numa entrevista ao programa Sexta às …

Último debate. Boris defendeu o Brexit e Corbyn falou da Saúde (pelo menos 15 vezes cada um)

No debate televisivo, transmitido pela BBC, o último antes das eleições da próxima quinta-feira, Boris Johnson defendeu que é o melhor preparado para concretizar o Brexit e terminar com o impasse no processo, prometendo ainda …