Austrália. Ex-primeiro-ministro acusa sucessor de “enganar as pessoas” sobre os incêndios

thejointstaff / Flickr

Malcolm Turnbull, ex-primeiro-ministro da Austrália

O antigo primeiro-ministro australiano Malcolm Turnbull acusou o seu sucessor, Scott Morrison, de “enganar” o país ao “minimizar” a influência das alterações climáticas nos incêndios.

Em entrevista à BBC na terça-feira, citada pelo Expresso, Turnbull – deposto em 2018 por Morrison – mostrou-se incapaz de explicar a abordagem de Morrison aos incêndios que lavram desde setembro e mataram pelo menos 30 pessoas, arrasaram milhares de casas e cujo impacto na vida selvagem pode nunca vir a ser conhecido.

“Toda a gente sabia que estávamos num período muito seco antes da época dos incêndios e que provavelmente seria muito má. Em vez de fazer o que um líder deve fazer, Morrison subestimou e, por vezes, desconsiderou a influência das alterações climáticas”, acusou. “É um absurdo do ponto de vista científico. Por isso, trata-se de enganar as pessoas”.

E frisou: “Depois, claro, escolheu ir de férias para o Havai no auge da crise. Não consigo explicar nada disto. Simplesmente não é consistente com a forma como um primeiro-ministro agiria ou deveria agir numa crise nacional como esta”.

O ex-primeiro-ministro reconheceu ter causado “grande ansiedade na Austrália” ao levar a família de férias para os Estados Unidos (EUA) numa altura em que temperaturas recorde agravavam os incêndios. Para o chefe do Governo, as alterações climáticas são “um de muitos fatores” responsáveis pelos fogos.

Durante a entrevista, Turnbull classificou o Presidente norte-americano, Donald Trump, como “o principal negacionista” das alterações climáticas, alertando que a falta de liderança dos EUA no assunto é “extremamente prejudicial”.

Na Austrália, apontou o também ex-primeiro-ministro Tony Abbott como “provavelmente o mais destacado negacionista na política australiana”. “Mas há muitos outros envolvidos numa guerra contra a ciência. É uma abordagem extraordinariamente irracional e autodestrutiva”, alertou.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Fenómeno extremo ameaça corais na Grande Barreira na Austrália. E já matou quase metade

A Grande Barreira de Coral da Austrália pode estar a enfrentar a terceira "descoloração" no espaço de cinco anos, fenómeno provocado por um aumento da temperatura das águas do mar. Como avançou o Expresso, este fenómeno …

Trump critica cerimónia dos Óscares, "Parasitas" e Brad Pitt

O Presidente norte-americano criticou a cerimónia dos Óscares, esta quinta-feira, nomeadamente a atribuição do prémio de Melhor Filme para o sul-coreano "Parasitas" e ainda o ator Brad Pitt. Na noite desta quinta-feira, num comício em Colorado …

Paris lança número de emergência para fazer frente à crise de percevejos

O Governo francês lançou uma campanha, esta quinta-feira, para fazer frente à crise de percevejos que se instalou em Paris. Segundo a agência France-Press, citada pelo The Guardian, casas e hotéis da capital francesa estão a …

"Radical chique" e "ressentido". Filho de Paulo Branco pode ter sido o pivot do escândalo sexual em França

Juan Branco, o filho do produtor de cinema Paulo Branco, é o homem do momento em França. O advogado de 30 anos saltou para as luzes dos média no âmbito da divulgação do vídeo sexual …

Alcochete. "Se Mustafá estivesse lá aquilo não tinha acontecido"

O arguido Emanuel Calças disse, esta sexta-feira, em tribunal que, se Mustafá estivesse com o grupo que invadiu a academia do Sporting, "aquilo não tinha acontecido". "Tenho a certeza de que se o Mustafá estivesse presente …

Coronavírus ameaça o têxtil português (mas também é uma "oportunidade")

O sector têxtil nacional está ameaçado e pode parar a produção já em Março. Tudo devido à falta de matéria-prima que vem da China e que se deve à epidemia do novo coronavírus. A "situação …

Governo diz que prejuízo da TAP "não foi um desvio qualquer" e que já devia ter tido lucro em 2018 e 2019

O ministro das Infraestruturas disse, esta sexta-feira, que o orçamento que a comissão executiva da TAP apresentou ao Conselho de Administração para 2018 e 2019 previa lucro e que o prejuízo de 105,6 milhões "não …

João Lourenço duplica valor de subsídio de antigos Presidentes de Angola

O Presidente angolano, João Lourenço, duplicou o valor do subsídio de fim de mandato pago a antigos chefes de Estado, mas cortou outras regalias, nomeadamente a nível da segurança e quadro de pessoal. O decreto-presidencial 32/20, …

FC Porto castigado com um jogo à porta fechada

O FC Porto foi punido com um jogo à porta fechada, esta sexta-feira, devido a "um ato de ofensa corporal a agente desportivo" na final da Taça de Portugal. A punição aplicada pelo Conselho de Disciplina …

Cientistas condenam teorias da conspiração sobre a origem do surto do coronavírus

Um grupo de 27 cientistas da área de saúde pública condenou, através de um comunicado, o fluxo de histórias e um artigo científico que sigerem que um laboratório em Wuhan, na China, pode ser a …