Evanilson pode sair para o United por 70 milhões — mas tudo depende de Vitinha

Octávio Passos / Lusa

O FC Porto pode estar disposto a vender Evanilson ao Manchester United, por 70 milhões de euros, caso o PSG desista da compra de Vitinha.

O Manchester United subiu a parada da proposta apresentada à SAD portista por Evanilson. Os red devils ofereceram, inicialmente, 60 milhões de euros pelo brasileiro, mas estão agora dispostos a desembolsar 70 milhões pelo avançado.

Os ‘azuis e brancos’ tinham rejeitado a primeira proposta dos ingleses, visto que esperam conseguir mais dinheiro pela venda de Evanilson. O jogador de 22 anos marcou 21 golos na sua segunda época ao serviço do emblema nortenho e, com contrato até 2025, a SAD portista tem margem para negociar a sua venda.

Apesar das pretensões do FC Porto, o clube pode estar disposto a vender Evanilson caso o Paris Saint-Germain desista da contratação de Vitinha, escreve o Record.

O jovem médio foi dado como praticamente certo no PSG, mas o emblema parisiense tarda em dar a contratação de Vitinha por concluída. Além disso, circulam rumores de que os campeões gauleses estão também interessados em Enzo Fernández, médio argentino cobiçado pelo SL Benfica.

O FC Porto exige o pagamento da cláusula de 40 milhões de euros de Vitinha. Este montante, aliado aos 31,5 milhões de euros que a transferência de Fábio Vieira para o Arsenal renderá, dá um saldo positivo no exercício financeiro de 2021/22.

No entanto, caso a transferência de Vitinha não seja consumada, os portistas podem ter de procurar outra forma de atingir o tal balanço positivo.

Assim, a venda de Evanilson pode ser uma solução para este problema, apesar dos campeões nacionais apontarem à cláusula de rescisão de 100 milhões de euros do brasileiro.

O FC Porto pagou 8,7 milhões de euros ao Tombense, em 2020, por 80% dos direitos económicos de Evanilson.

Ainda recentemente, em entrevista ao portal brasileiro Lance, o jovem avançado admitiu que gostaria de um dia jogar na Premier League: “Eu gosto do futebol inglês. Gosto muito do futebol inglês”.

  Daniel Costa, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.