Esclerose Lateral Amiotrófica pode ter alternativa terapêutica graças às células estaminais

bwjones / Flickr

-

A Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) é uma doença neurológica degenerativa, progressiva e rara, sendo a forma mais frequente de Doença do Neurónio Motor (DNM). Por isso, estão em curso vários estudos pré-clínicos para desenvolver novas opções terapêuticas para a doença.

Na ELA, os neurónios motores que conduzem a informação do cérebro aos músculos do nosso corpo, passando pela medula espinal, morrem precocemente. Como resultado, esses músculos, que são os que nos fazem mexer, ficam mais fracos.

Resultados preliminares de estudos em modelos animais indicam que a infusão de células estaminais do sangue do cordão umbilical tem um efeito positivo, provocando um atraso na progressão da ELA e aumentando significativamente o tempo de vida das cobaias, relativamente ao grupo controlo.

Este estudo teve como objetivo compreender quais os efeitos das células estaminais na progressão da doença, considerando, posteriormente, as doses administradas e o momento da intervenção. Ao observar a evolução das cobaias, verificou-se um atraso na progressão da ELA e um aumento significativo do tempo de vida.

Contudo, os camundongos tratados com sangue do cordão umbilical numa fase mais avançada da doença, necessitaram de uma dose celular maior para sentir os benefícios do tratamento.

Por outro lado, verificou-se também que a administração de várias doses celulares mais pequenas ao longo do tempo resultou em melhorias significativas no tempo de vida dos animais, uma que vez que se observou um atraso na progressão da doença e uma melhoria na sobrevivência dos neurónios motores.

“Atualmente, as opções de tratamento para a ELA são ainda muito limitadas e o único medicamento aprovado acrescenta apenas uns meses à baixa esperança média de vida destes doentes. A hipótese mais aceite, até ao momento, prende-se com a capacidade que as células do sangue do cordão umbilical têm para modular o microambiente onde estão inseridos os neurónios, promovendo a sua sobrevivência.

Por outro lado, a intervenção precoce e a dose celular administrada parecem ser factores determinantes na eficácia do tratamento.

Assim, analisando estes resultados, em conjunto com os ensaios clínicos que estão a decorrer em todo o mundo, justifica-se a investigação em humanos, mesmo na fase sintomática da doença, de forma a compreender o grau de efiácia do tratamento”, defendeu Bruna Moreira, Investigadora da Crioestaminal.

Qualquer pessoa pode vir a ter ELA, qualquer que seja a sua idade. No entanto, a idade média de início dos primeiros sintomas é de cerca de 60 anos.

Os sexos feminino e masculino são igualmente atingidos. Nada do que possa ter feito está provado ser a causa do desenvolvimento ou da progressão da doença. Em cerca de 5 a 10% dos casos a doença é hereditária, por mutações em genes, sendo as mais frequentes as que envolvem o gene que codifica a proteína superóxido dismutase (SOD1).

A patologia afeta 450 mil pessoas em todo o mundo e não são conhecidas as causas que levam ao seu aparecimento. A fraqueza muscular progressiva dos músculos respiratórios é responsável por Insuficiência Respiratória, a principal causa de morte na ELA.

Os doentes ficam mais susceptíveis a infeções respiratórias, atelectasias (colapso de segmentos dos pulmões) e a má oxigenação sanguínea.

Está descrito que a sobrevivência da média é de cerca de 5 anos nas formas medulares, sendo inferior na forma bulbar, e pior nas formas respiratória e difusa. Existem formas muito rapidamente progressivas, mas também existem formas lentamente progressivas nas quais os doentes sobrevivem 10 a 15 anos no início dos primeiros sintomas. Por vezes, são observadas situações atípicas, de evolução ainda mais lenta da progressão, aspectos que devem ser considerados.

ZAP // Move

PARTILHAR

RESPONDER

Quatro pessoas morreram nos Estados Unidos depois de beberem desinfetante para as mãos

Quatro pessoas morreram nos Estados Unidos depois de ingerirem desinfetante para as mãos à base de álcool, revelou um relatório do Centros de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC) do país esta quarta-feira publicado. De …

Jim Hackett deixa a Ford após três anos de liderança

Ao fim de três anos como CEO da Ford, Jim Hackett será substituído por Jim Farley. Um mandato que fica marcado por problemas financeiros, de produção e pela morte dos três volumes e utilitários. O mandato …

Covid-19: Portugal tem mais 186 casos e quatro pessoas morreram desde sexta-feira

Portugal regista hoje mais quatro mortos e 186 novos casos de infeção por covid-19 em relação a sexta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde. De acordo com o relatório da DGS sobre a situação …

Versão americana da Eurovisão chega em 2021

O Festival Eurovisão da Canção — o maior espetáculo de entretenimento televisivo do mundo — vai chegar aos Estados Unidos no final do próximo ano. A novidade foi divulgada, esta sexta-feira (7), em comunicado oficial. A …

Contratações na TVI após apoios financeiros "suscitam preocupação"

O professor universitário e ex-ministro Miguel Poiares Maduro manifestou "preocupação" relativamente às contratações na TVI, da Media Capital, grupo que beneficia do apoio do Estado, através da compra antecipada de publicidade institucional. Em entrevista à Lusa, …

Invocando Sá Carneiro, Miguel Albuquerque também defende diálogo entre PSD e Chega

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, defendeu que o PSD deve dialogar com vários partidos, incluindo o Chega de André Ventura. Depois de Rui Rio admitir em entrevista à RTP que poderá vir …

Sobe para 18 o número de mortos no acidente de avião na Índia

As autoridades indianas atualizara para 18 o número de mortes no acidente com o avião da Air India Express, que voava do Dubai para Kozhikode, no sul da Índia, e que se partiu em dois …

Luz verde para reabertura de centros de dia. DGS sugere dois metros de distância entre idosos

Os centros de dia vão poder reabrir a partir de 15 de agosto, mas de forma faseada e condicionados a uma avaliação prévia da Segurança Social e entidade de saúde local sempre que funcionem juntamente …

Vacina russa para a covid-19 preocupa cientistas. País pode estar a saltar etapas

Países de todo o mundo continuam na corrida por uma vacina contra a covid-19. A Rússia diz estar prestes a anunciar a vacina, deixando preocupada a comunidade científica, ao passo que Itália avança para os …

Bastonário dos Médicos sugere uso obrigatório de máscara na rua (e em todo o país)

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, sugere que o Governo pondere decretar o uso obrigatório de máscara no espaços exteriores de todo o país, à semelhança do que fez a Região Autónoma da …