Cientistas detetam o início de um inverno solar “impossível”

NASA

Uma equipa de cientistas russos alertou que a atividade eletromagnética do Sol esteve muito fraca nos últimos dias, encontrando-se abaixo do limiar de sensibilidades dos dispositivos que acompanham e monitorizam a sua dinâmica.

Em comunicado esta semana divulgado, o Laboratório de Astronomia Solar do Instituto Lébedev de Física da Academia Russa de Ciências não esconde a surpresa dos especialistas face ao fenómeno, qualificando até como “impossível” o que estão a observar.

Os cientistas confessaram que a primeira coisa que lhes ocorreu foi questionar se os ecrãs do satélite estavam a funcionar corretamente. Depois de verificar o aparelho, a equipa logo percebeu que o dispositivo estava a funcionar “sem falhas”, no entanto “algo de impossível” tinha acontecido:o nível de radiação solar de onda curta diminuiu cerca de 100 vezes, caindo para um nível abaixo do limite de sensibilidade dos dispositivos”.

Tal como explicam os físicos, a radiação de ondas curtas só é formada durante processos ativos, como é o caso das erupções solares. Se se observar um rápido crescimento da radiação nos dados de monitorização, esta atividade significa que ocorreu uma fulguração numa região algures da nossa estrela.

Em simultâneo, o Sol está atualmente “a desfazer-se no só da atividade de grande escala, mas também das atividades de pequena escala”. A amplitude das chamas “micro e nano” diminuiu, sendo agora dez vezes menor.

Lebedev Institute, Russia

O fenómeno aconteceu de forma “bastante inesperada”, uma vez que há já alguns meses “houve presságios do início de um novo ciclo” de atividade, frisaram os cientistas. No entanto, e em vez de um rápido aumento da amplitude das chamas, a “nossa estrela afundou ainda mais” comparativamente às taxas mínimas até agora registadas.

Os físicos russos não se atrevem a prever se a estrela deixará os seus níveis mínimos de atividade nos próximos meses ou se, em sentido contrário, o “inverno solar” durará durante um período de tempo indeterminado.

ZAP // RT

PARTILHAR

17 COMENTÁRIOS

  1. Estes indicadores estão conformes à ideia de que devíamos estar a entrar numa nova era glaciar. Tal não não está a acontecer, sugere-se, devido ao antropoceno, dadas as emissões de gases com efeito de estufa decorrentes da atividade humana nos últimos séculos. Talvez esta situação de diminuição da atividade solar possa compensar a tendência para o aquecimentos global que, para já, não denota sinais de abrandamento.

    • Esqueça dos gases da estufa. A clima de 99,9% fica controlada pela atividade solar. Essa atividade humana não vai apresentar nenhuma compensação ao efeito de mudanças solares para o clima terrestre. Isso não significa que vai chegar uma era do gelo como aquela que terminou 12mil anos atrás… Mas as mudanças estão chegando bem no concordo com atividade solar mesmo como foi previsado já umas décadas atrás.

      • O próximo reset é especial. Marca o fim da 3ª densidade na Terra. Quem permanecer a “serviço ao eu” irá ser transladado para outro planeta de 3ª densidade, porque a Terra já não será lugar para essas pessoas, aqui só 5ª dimensão Serviço ao Próximo, vibração mais elevada. Tudo está a acelerar, tudo está a ser agitado, ressonância Schumman cada vez mais elevada e com mais frequência, a culminar com Big Solar Flash. Ninguém se poderá esconder, nem aqueles que construíram bunkers no interior da Terra.
        Façam o bem ao próximo sem esperar nada em troca. Não é preciso acreditar em deuses. Jesus ensinou-nos bem mas muitos confundem isso com religião.

      • Naquele em que a Europa teve o inverno mais frio em 100 anos em 2017. E em que o verão também foi bastante frio. E em que nos Estados Unidos Las Vegas anda com neve. E voce vive em qual?

        • Isso são extremos provocados pelo aquecimento global. A temperatura média do planeta tem subido…Veja-se o que aconteceu este Verão, em que em Portugal tivemos um Verão relativamente frio, mas na Europa central e Ártico foi dos mais quentes que há registo (pelo menos Junho foi o mais quente desde que há registos).

  2. Maisuma vez, o ZAP não publica os meus comentários com links elucidativos.
    Procurem por whistleblower climatologist Judith Curry. Vejam a conspiração que existe na “ciência do aquecimento global”.

    • O aquecimento global é para papalvos, mais um sistema para nos sacar dinheiro com os pseudo-gases de estufa. Agora a moda histérica é falar até à exaustão sobre o CO2, o qual não passa de 0,03% a 0,04% da atmosfera.
      Papalvos não faltam pelos vistos.

  3. A solução está na criação em massa de vacas leiteiras e outros animais de grande porte que produzam bastante carbohidratos e metano, transformando assim a camada mais exterior da terra numa estufa que não permitirá perdas grandes de calor, e ao mesmo tempo asseguram alimentação para a humanidade, menos para os povos que não queiram alimentar-se de vaca, podem beber o leite.

    • Engraçado, mas é uma idea muito errada… Excesso do gado destroi a terra e traz uma rica variedade de outros problemas… E todo esse metano acumulado vai explodir quando alguma maior erupção solar atingirá a Terra, e essa explosão ainda vai quiemar uma boa parte do oxigênio na atmosfera…

  4. Se eeu for acreditar em tudo o que leio já tinha dado em maluco, e normal tudo o que nasce tem que morrer, a respeito a terra se não estimamos as nossas próprias vidas vamos estimar as dos outros? Tá naa hora de começar a fazer uma nave espacial para colonizar outros planetas kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Rainha Isabel II está a procura de um gestor de redes sociais

A família real britânica está à procura de um gestor de redes sociais. O salário vai oscilar entre os 53 e 59 mil euros anuais por 37 horas semanais, de segunda a sexta-feira. A rainha Isabel II …

Cinco antepassados de crocodilos viveram há 150 milhões de anos na Lourinhã

Pelo menos cinco crocodilomorfos, antepassados dos crocodilos, viveram na região da Lourinhã há 150 milhões de anos, durante o período do Jurássico. Num artigo publicado na Zoological Journal of the Linnean Society, os paleontólogos Alexandre Guillaume, …

A radiação de Chernobyl está a deixar as vespas esfomeadas (e isso é má notícia)

A Zona de Exclusão de Chernobyl é a área em torno da cidade ucraniana de Pripyat, onde a Central Nuclear de Chernobyl entrou em colapso em 1986. Apesar de não haver humanos na região, e …

Beethoven deixou a 10.ª sinfonia inacabada (e a IA vai completá-la)

Um dos maiores dilemas da história da música é a obra inacabada de Ludwig van Beethoven (1770-1827), a "10ª sinfonia", com muitos músicos a esforçar-se para finalizá-la, utilizando alguns dos fragmentos disponíveis, mas sem sucesso. Desta …

Orcas bebé têm maior probabilidade de sobreviver se viverem com a avó

Crias de orca que vivam com a avó têm uma maior probabilidade de sobreviver quando comparadas às outras orcas. A experiência destas espécimes mais velhas é essencial para o grupo. Tal como nos humanos, as avós …

A "capital mundial das pessoas feias" mora na Itália

Piobbico, na Itália, é uma cidade medieval repleta de grandes edifícios de pedra cercados por florestas exuberantes. No entanto, a cidade é conhecida pela feiura dos seus habitantes. Esta cidade, com cerca de 2.000 habitantes, alberga …

Jovem norte-americano despistou-se e caiu ao rio. Siri chamou os bombeiros

Um jovem norte-americano estava a caminho da universidade quando perdeu o controlo do carro, que derrapou sobre gelo, e foi parar ao rio Winnebago. Como não conseguiu encontrar o seu telemóvel, recorreu à Siri para …

Basta uma máscara impressa para enganar os sistemas de reconhecimento facial

Especialistas da empresa de inteligência artificial Kneron testaram sistemas em três continentes e vários falharam. O reconhecimento facial é, cada vez mais, um método de controlo e de segurança encarado como credível e, inclusivamente, usado …

Pandit olha para as vacas como família e quer produzir "leite ético" para vegans

Um agricultor nos Estados Unidos quer produzir "leite ético" para vegans, mantendo como prioridade o bem-estar e a saúde das vacas. Ultimamente, o consumo de leite tem sido posto cada vez mais em causa. Não só …

Jogadores do Arsenal doam um dia de salário para ações solidárias

Os futebolistas e a equipa técnica do Arsenal vão doar um dia de salário para ações solidárias de Natal. Os elementos técnicos também entraram na iniciativa, que prevê, ainda, a doação da receita do próximo …