“Não querem saber das vidas humanas”. Covid-19 levou Obi Mikel a rescindir com o clube

Obi Mikel rescindiu com o Trabzonspor, o atual líder da liga turca. O jogador acusou o clube de o pressionar a apagar publicações em que criticava o facto de o campeonato não ter sido suspenso.

A liga turca foi, esta quinta-feira, suspensa por tempo indeterminado devido ao surto de Covid-19 no país. “Decidimos, em conjunto, suspender a liga”, informou o Ministro do Desporto turco. O campeonato turco era dos poucos que ainda não tinha sido suspenso.

Ainda assim, ainda antes da suspensão, houve quem tomasse medidas drásticas face à despreocupação nos organismos turcos. Obi Mikel, antigo jogador do Chelsea, rescindiu contrato com o Trabzonspor, o atual líder da liga.

Eles não querem saber das vidas humanas, não querem saber sobre o que se passa no mundo. Tudo o que querem é ganhar o campeonato. Assinei pelo Trabzonspor no último verão porque queria ganhar a liga, dei 100% em todos os jogos. Mas numa situação como esta, em que o mundo está a enfrentar algo tão complicado, senti que o futebol não devia continuar”, disse Obi Mikel ao jornal britânico The Guardian.

O nigeriano de 32 anos regressou a Londres onde mora a sua família. Através das redes sociais não poupou nas críticas às autoridades do futebol turco por, na altura, ainda não terem suspendido o campeonato. Surpreendentemente, o jogador foi ainda pressionado pelo presidente do clube, Ahmet Agaoglu, que exigiu que o jogador apagasse as publicações.

“Comecei por dizer que não ia apagar a publicação. É a minha opinião, o mundo está a passar por tempos turbulentos e assustadores e as pessoas tem de acordar. Depois, o presidente disse-me que se não apagasse o post que não jogava até ao final da temporada“, revelou, citado pela Tribuna Expresso.

Obi Mikel não apagou as publicações e a promessa começou a ser cumprida. No jogo seguinte, o nigeriano estava fora do onze inicial e foi relegado ao banco de suplentes, embora seja uma das estrelas da companhia.

Os encontros estavam a ser disputados à porta fechada, mas de acordo com o jogador, “havia na mesma risco de transmitir o vírus, há muitas pessoas ali”. “Além disso, não havia motivação, todos os jogadores estavam assustados. Não houve cumprimentos. Nada daquilo parecia certo. E eu disse para comigo que não queria fazer parte daquilo”, acrescentou.

O nigeriano disse também ter receio que as fronteiras dos países fechassem e, consequentemente, ficasse preso na Turquia, longe da família.

Mikel alega ainda que muitos não falam por medo. “Toda a gente na Turquia tinha medo de dizer alguma coisa porque poderiam ser punidos pelos clubes ou porque os adeptos iam ficar contra eles, mas eu senti que tinha de dizer algo. Tive muitas mensagens de jogadores da Turquia que me diziam: ‘Obrigado por teres feito o que fizeste, porque nós não podemos falar. Espero que entendas’. Eles tinham medo de perder o emprego e o salário, é claro que eu percebo”, contou.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas identificam pela primeira vez expressões faciais emocionais em ratos

Pela primeira vez, cientistas de Neurobiologia do Instituto Max Planck, na Alemanha, identificaram expressões faciais emocionais em ratos. À semelhança dos seres humanos, as expressões faciais dos ratos mudam quando estes animais provam algo doce …

Imprimiram corais artificiais em 3D que podem salvar recifes

Uma equipa de cientistas inspirou-se na natureza para desenvolver estruturas em forma de coral, impressas em 3D, capazes de produzir grandes quantidades de algas microscópicas. Investigadoras da Universidade de Cambridge e da Universidade da Califórnia desenvolveram …

Avalanches submarinas prendem microplásticos no fundo do oceano

As avalanches de sedimentos submarinos transportam os microplásticos para o fundo do oceano e um projeto de colaboração entre as Universidades de Manchester, Utrecht e Durham e o Centro Nacional de Oceanografia acaba de revelar …

Aos 107 anos, Cornelia Ras conseguiu vencer a covid-19

Cornelia Ras, que contraiu o novo coronavírus em meados de março, pode ser a mulher mais velha do mundo a vencer a covid-19. Nunca se é velho demais para vencer o novo coronavírus e a holandesa …

Coreia do Norte pode estar a usar fábricas de fertilizantes para extrair urânio

Um novo estudo norte-americano mostra que a Coreia do Norte pode estar a utilizar fábricas de fertilizantes para produzir mais material nuclear, extraindo urânio de ácidos fosfóricos. Segundo noticiou o Newsweek, na opinião da investigadora Margaret …

Distância social de 1,5 metros é insuficiente para travar contágio

O estudo realizado por investigadores e engenheiros especializados em dinâmica de fluidos concluiu que a distância deve ser de, pelo menos, quatro metros. Um estudo divulgado esta quinta-feira alerta que a distância social de 1,5 metros …

Estados Unidos registam 9 desempregados por segundo

O desemprego está a atingir números preocupantes nos Estados Unidos: só na última semana, 6,6 milhões de pessoas declararam estar sem emprego para poder receber apoios, um número semelhante ao da semana anterior. De acordo com …

Chineses desistem de comprar o BNI Europa. Está agora em mãos angolanas

O contexto de incerteza, provocado pela pandemia de covid-19, levou o Grupo chinês KWG a desistir de comprar 80,1% da participação do BNI Europa. O grupo chinês KWG desistiu de comprar 80,1% da participação do BNI …

Tesla usa peças do Model 3 para construir um ventilador

A Tesla também está a tentar contribuir para colmatar a escassez de ventiladores com um novo protótipo, feito com partes do Model 3. A Tesla construiu um ventilador com recurso a componentes automóveis. A fabricante elétrica …

Há acordo no Eurogrupo: 500 mil milhões de euros "disponíveis imediatamente"

Os ministros das Finanças da Zona Euro chegaram a acordo, esta quinta-feira, sobre os apoios económicos para fazer face à pandemia de covid-19. O Eurogrupo chegou a acordo sobre o pacote de ajuda económica para a …