Cientistas encontraram uma nova fonte do campo magnético da Terra

NASA Goddard / Flickr

Conceito de artista do Campo Magnético da Terra

Uma equipa internacional de investigadores descobriu que o manto da Terra contribui para a criação do campo magnético, negando a ideia de que o magnetismo do nosso planeta, crucial para a vida, é gerado apenas pela crosta e pelo núcleo da Terra.

O imenso campo magnético que circunda a Terra, protegendo-o da radiação e das partículas vindas do espaço – e que muitos animais ainda usam para fins de orientação – está a mudar constantemente, razão pela qual os geocientistas o mantêm constantemente sob vigilância.

Geralmente acredita-se que esta camada do planeta está “magneticamente morta” devido à enorme pressão e temperatura que privam os óxidos de ferro das suas propriedades magnéticas.

No entanto, a equipa liderada por Ilyá Kupenko, da Universidade de Münster, conseguiu recriar as condições extremas do manto e revelou que pelo menos um mineral deste tipo, a hematita, mantém a capacidade de criar o campo magnético a temperaturas de cerca de 925ºC.

Portanto, algumas partes da chamada “zona de transição” – a camada entre o manto externo e o manto inferior, que se estende entre 410 e 660 quilómetros abaixo da superfície da Terra – participam na criação da magnetosfera terrestre.

Em particular, de acordo com as conclusões publicadas na revista Nature, são as placas tectónicas subductas relativamente frias, conhecidas como lajes, localizadas principalmente abaixo da região oeste do Pacífico.

“Este novo conhecimento sobre o manto da Terra e a região fortemente magnética do Pacífico Ocidental poderia lançar uma nova luz sobre qualquer observação do campo magnético da Terra”, afirma Kupenko, segundo um comunicado emitido pela Universidade de Münster.

Por enquanto, a ciência não estabeleceu precisamente as causas do movimento dos pólos magnéticos, que se aceleraram nas últimas décadas. A provável reversão da polaridade – um evento que ocorre normalmente a cada 200 mil ou 300 mil anos, mas que não ocorreu nos últimos 780 mil anos – afetaria seriamente a civilização humana.

“O que sabemos agora – que existem materiais magneticamente ordenados no manto do planeta – deve ser levado em conta em qualquer análise futura do campo magnético da Terra e do movimento dos pólos”, rematou o co-autor do estudo, Leonid Dubrovinsky, da Universidade de Bayreuth.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Angola. Situação é "dramática" e há que "declarar guerra aberta" ao VIH/SIDA

A organização não-governamental Rede Angolana das Organizações de Serviços de Sida (Anaso) considera "dramática" a situação do VIH/SIDA em Angola, referindo que a taxa de prevalência de 2% "é irreal e não reflete o estado …

Nicolas Sarkozy vai mesmo ser julgado por corrupção

A justiça francesa validou definitivamente a realização do julgamento do ex-Presidente num caso revelado por escutas telefónicas em que é nomeadamente acusado de corrupção de um magistrado. De acordo com a AFP, o Tribunal de Recurso de …

Luís Filipe Vieira pediu informações sobre Keylor Navas em Madrid

O presidente do Benfica aproveitou a visita a Madrid para saber mais pormenores sobre a situação do guarda-redes dos merengues. O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, dirigiu-se na passada segunda-feira a Madrid para ultimar os …

Jovens que acusaram Harry de “traição da raça” condenados com pena de prisão

O caso remonta a dezembro de 2018, quando surgiram as primeiras notícias de uma investigação da BBC que envolvia a família real britânica. Um grupo neonazi era responsável por uma propaganda online onde sugeriam que o …

UEFA confirma três jogos de suspensão para Neymar

A UEFA anunciou, esta quarta-feira, que rejeitou o recurso do Paris Saint-Germain e manteve os três jogos de suspensão a Neymar, na sequência de insultos aos árbitros na partida com o Manchester United, da Liga …

Transportes estão cada vez mais cheios. Carris vai comprar 100 novos autocarros

A Carris vai lançar dois concursos para a aquisição de 100 novos autocarros, 70 dos quais a gás natural e 30 elétricos, anunciou o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina. Falando na apresentação da …

Apenas 59% dos habitantes da Europa ocidental confiam na vacinação. França é o país com mais dúvidas

Na Europa oriental, apenas metade da população olha para as vacinas como uma forma segura de prevenção de saúde. No caso da zona ocidental, o número sobe para os 59%, mas fica ainda distante dos …

César Peixoto é o novo treinador da Académica

O antigo futebolista é o novo treinador da Académica, sucedendo a João Alves no comando técnico dos estudantes, anunciou o clube que integra a II Liga portuguesa. César Peixoto vai ser apresentado às 17h00, em conferência …

Tribunal diz que ausência de resistência de vítima de violação é "desejo de sobreviver"

Quando as vítimas não resistem, revelam "o desejo de sobreviver a uma situação cujo controlo não detêm", adotando um comportamento de preservação, diz o Tribunal da Relação de Lisboa. O Tribunal da Relação de Lisboa considerou …

Draghi abre a porta a cortes nas taxas de juro

Mario Draghi afirmou esta terça-feira que se o objetivo de ficar abaixo dos 2% de inflação estiver ameaçado, "estímulos adicionais serão necessários". O presidente do BCE admitiu mesmo uma descida das taxas. O presidente do BCE, Mario …